A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

AMÉRICA LATINA SUB-REGIÕES Critérios físicos e sócio-culturais.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "AMÉRICA LATINA SUB-REGIÕES Critérios físicos e sócio-culturais."— Transcrição da apresentação:

1 AMÉRICA LATINA SUB-REGIÕES Critérios físicos e sócio-culturais

2 MÉXICO E AMÉRICA CENTRAL

3 AMÉRICA CENTRAL INSULAR

4 AMÉRICA ANDINA

5 AMÉRICA PLATINA

6 GUIANAS

7 Sub-regiões - Geopolítica MERCOSUL MERCADO COMUM DO SUL BLOCO ECONÔMICO DO TIPO UNIÃO ADUANEIRA

8 PACTO ANDINO

9 MCCA – MERCADO COMUM CENTRO AMERICANO

10 MÉXICO – OBJETIVOS ESPECÍFICOS Descrever os principais aspectos da colonização e do povoamento; Relacionar o processo de formação dos Estados ao atual estágio de desenvolvimento; Identificar a economia e o desenvolvimento na área.

11 ESTADOS UNIDOS DO MÉXICO

12 DIVISÃO POLÍTICA DO MÉXICO 31 ESTADOS E UM DISTRITO FEDERAL

13 LOCALIZAÇÃO México, oficialmente Estados Unidos Mexicanos, é uma república constitucional federal; Localizada, geograficamente na América do Norte e geopoliticamente na América Latina; O país é limitado a norte pelos Estados Unidos; ao sul e oeste pelo Oceano Pacífico; a sudeste pela Guatemala, Belize e Mar do Caribe; a leste pelo Golfo do México.

14 LOCALIZAÇÃO

15 Caracterização física Geologicamente o México localiza-se em uma zona de instabilidade, pois o território fica próximo às bordas das placas tectônicas do Caribe, do Pacífico e da Norte americana. A falha de San Andreas afeta a porção noroeste do México. O México é atravessado de norte a sul por duas cadeias de montanhas conhecidas como Sierra Madre Oriental e Sierra Madre Ocidental, que são a extensão das Montanhas Rochosas do norte da América do Norte O México apresenta grande diversidade cllimática, mas pode-se destacar a tropicalidade do sul (latitude), a semi-aridez do norte e noroeste (Corrente fria da Califórnia) e o frio de montanhas (altitude).

16 Vídeo – Terremoto entre o México e os Estados Unidos

17 MÉXICO –Berço de avançadas populações indígenas; –Povos pré-colombianos: destaque para os ASTECAS E MAIAS – conhecimentos de arquitetura, matemática, astronomia, metalurgia e comércio. Sua economia era agrícola e os principais gêneros eram algodão, milho, feijão e cacau. – XV – Cristóvão Colombo chega ao território –No início do século XVI, a partir do desembarque de Hernán Cortés, a civilização asteca foi invadida e conquistada pelos espanhóis.

18 IMPÉRIO ASTECA

19 CIVILIZAÇÃO MAIA NO MÉXICO

20 CONSTRUÇÕES DOS MAIAS E ASTECAS

21 Colonização Mexicana Dominação espanhola, 1521, a partir de Tenochitlán (Cidade Asteca). –Grande diversidade linguística que dificultou o entendimento entre os povos nativos; –Superioridade bélica da Espanha; –Crenças dos Astecas; –Doenças disseminadas (Varíola) pelos espanhóis dizimou grande parte dos grupos indígenas. O México passou a integrar o Vice-Reino da Nova Espanha, cuja riqueza apoiou-se na exploração das minas de prata nos séculos XVII e XVIII.

22 MÉXICO 1821 – Torna-se independente da Espanha. Pós-independência: instabilidade econômica e disputas por fronteiras com os Estados Unidos; O México perdeu mais da metade do território para os EUA. Esses territórios eram ricos em recursos minerais, como petróleo, prata, ouro, etc. O México passou de 4,5 milhões de km 2 para 1,9 milhão de km 2.

23 Expansão dos EUA sobre o território mexicano

24 MÉXICO Os governos que se estabeleceram após a independência eram ditadores e centralistas. Após longo período de descontentamento com o centralismo político, as desigualdades sociais, os problemas de concentração fundiária e as divergências de ideias, ocorreu em 1910 a Revolução Mexicana – líderes: Francisco Madero, Emiliano Zapata e Pancho Vila. Com essa Revolução o México tornou-se o primeiro país da América Latina a realizar uma Reforma Agrária. Com a Reforma Agrária surgem os EJIDOS – Assentamentos rurais com a instituição de cooperativas.

25 Organização do Espaço Mexicano AGRICULTURA Com o passar dos anos, a reforma agrária sofre retrocesso (decorrente da falta de fiscalização). Os EJIDOS perdem o sentido de cooperativismo e dão origem às MILPAS; O que deveria ser cooperativa dá lugar a pequenos estabelecimentos rurais onde é praticada a agricultura de subsistência.

26 Organização do Espaço Mexicano AGRICULTURA Principais gêneros cultivados: –MILPAS: abóbora, feijão, milho, batata doce (policultura de subsistência). –PLANTATION: café, banana e laranja (Especialização produtiva/monoculturas de exportação). A maior produção agrícola do México é para o mercado interno (baixo investimento no campo). O milho ocupa as maiores áreas de cultivo. O sisal é cultivado para produção de tecidos e Tequila (bebida típica do México).

27 Produção no México

28 CRESCIMENTO INDUSTRIAL – Industrialização Tardia. – Pioneira na América Latina. – O país começa a se industrializar após a 1º Guerra Mundial, com a política de substituição de importações. As primeiras indústrias eram de bens de consumo e de base. – Expansão de ferrovias norte-americanas em direção ao país; – Extrativismo de petróleo e gás natural no Golfo do México;

29 CRESCIMENTO INDUSTRIAL –Após a 2ª Guerra Mundial, a presença de multinacionais tornou-se uma realidade (mais de maquilladoras localizadas na fronteira – EUA, Japão, França, Alemanha e Grã-Betanha); –Grande concentração industrial na fronteira com os Estados Unidos; –Vantagens associadas: Menor custo de produção; Mão-de-obra pouco qualificada e barata; Incentivos fiscais; Mercado consumidor em expansão; E para o México – oferta de trabalho e fixação do homem (diminuição da imigração clandestina);

30 CRESCIMENTO INDUSTRIAL Desde a década de 1990 o país vive uma onda de privatizações das empresas estatais. Somente o Petróleo ainda é monopólio do Estado (PEMEX) o país assinou o Acordo de Livre Comércio da América do Norte (NAFTA), juntamente com Estados Unidos e Canadá; 1° produtor mundial de prata. O petróleo é a maior fonte de renda externa do México.

31 Turismo As estâncias balneárias na região do Caribe têm atraído turistas de todo o mundo. Ex. Cancum.

32 Situação Socioeconômica A economia do México é, atualmente, a 11ª maior do mundo se consideramos PIB medido em Poder de Compra (além de ser, efetivamente, a 2ª mais desenvolvida da América Latina, superada somente pelo Brasil). É um país subdesenvolvido industrializado; O México é a maior nação produtora automobilística da América do Norte. As desigualdades sociais ainda são muito expressivas.

33 POPULAÇÃO –60% EURAMERÍNDIOS + 30% AMERÍNDIOS + 9% BRANCOS + 1% NEGROS; –75% da população mexicana é URBANA – concentrada na região Centro-Sul (o norte é semi- árido e o sul é florestal); –A Cidade do México possui mais de 8 milhões de habitantes; –Maior área de favelas do mundo. –Na Cidade do México, durante quase todo o ano a qualidade do ar é considerada abaixo dos níveis mínimos em decorrência dos seguintes fatores: Altitude elevada – 2.300m Poluição industrial Poeira expelida pelos vulcões

34 Cidade do México – Maior aglomeração Urbana do país

35 Imigração para os EUA -Imigração legal (Green Card); -Os braceiros são trabalhadores temporários ilegais (ganham em dólar na colheita de frutos da Califórnia). Os coiotes são traficantes da imigração ilegal.

36 Vídeo: Imigração Clandestina

37 Vídeo: Imigração México-EUA

38 CHIAPAS – ÁREA DE INSTABILIDADE O estado de CHIAPAS é o mais pobre do México. Região localizada ao sul do país; Habitada, em sua maior parte, por camponeses descendentes dos antigos maias; O governo mexicano resiste à cultura indígena no sul do país, obrigando as crianças a assistirem aulas somente em espanhol, proibindo as transmissões de rádio nos idiomas indígenas, etc. Praticam uma agricultura de subsistência, sofrem carência alimentar, alta natalidade e extrema pobreza o que gera revoltas camponesas, exigindo assistência do governo.

39 CHIAPAS – ÁREA DE INSTABILIDADE Em 1994, os zapatistas iniciaram uma rebelião armada, reivindicando melhorias econômicas e sociais para a região. O sul permaneceu atrasado;. O grupo guerrilheiro Exército Zapatista de Libertação Nacional (EZLN) atua no Estado de Chiapas, tentando impor suas leis e de maneira subversiva tentam destruir a soberania do Estado e criar um Estado Socialista. Praticam tráfico de armas e de drogas.

40 EZLN O Exército Zapatista de Libertação Nacional (EZLN), é uma organização armada mexicana de caráter político-militar e composição de maioria indígena. Sua inspiração política principal é o anarcossindicalismo, corrente principal de Zapata e sua estratégia militar é a guerrilha. Seu objetivo é subverter a ordem para fazer a revolução socialista.

41 EZLN

42

43

44 AMÉRICA CENTRAL

45 AMÉRICA CENTRAL CONTINENTAL Guatemala, Belize, El Salvador, Nicarágua, Honduras, Costa Rica e Panamá; Aspectos físicos: – Conjuntos montanhosos; – Serras de origem vulcânica; – Litorais estreitos tanto os voltadas para o Pacífico, quanto para o Mar das Antilhas; – Clima quente e úmido (tropical predominante) com solo fértil, exceto nas cordilheiras.

46 AMÉRICA CENTRAL CONTINENTAL Guatemala e Panamá – forte presença de AMERÍNDIOS; Belize – único colonizado por ingleses; 1° produtor mundial de bananas (multinacionais – destaque para a UNITED FRUIT COMPANY – FRUIT BRANDS – domínio de terras, ferrovias, frota marítima, portos e comunicações). Repúblicas bananeiras.

47 AMÉRICA CENTRAL CONTINENTAL Nicarágua e Honduras são os países mais pobres do istmo e vivem em disputas territoriais. Em 1998, o furacão Mitch destruiu cerca de 70% da infra estrutura de Honduras. Costa Rica – país do istmo com grande estabilidade política, maior renda per capita e maior IDH; Panamá: intensas relações com os EUA, devido a presença do Canal do Panamá.

48 CANAL DO PANAMÁ

49 Liga o Oceano Atlântico ao Pacífico; Idéias, estudos e tentativas para construir o canal desde XVI; Em 1903 o Panamá, que até então era uma província da Colômbia, torna-se independente com o apoio dos EUA, que estavam interessados em construir o Canal, ao contrário da Colômbia;

50 CANAL DO PANAMÁ 15 dias após a independência os EUA e o Panamá assinaram o Tratado que concedeu arrendamento perpétuo e total soberania sobre uma faixa de terras de 16 km aos EUA (do Pacífico ao Mar das Antilhas); O Panamá recebeu indenização de 10 milhões de dólares mais por ano; As obras duraram dez anos – inauguração em agosto de 1914; Situação insustentável – a população reage; Em 1964, 21 estudantes são mortos tentando hastear a bandeira do Panamá no Canal;

51 CANAL DO PANAMÁ O Canal passa para o controle do Panamá em DEZ/1999. Porém, em caso de defesa do canal, os EUA podem intervir. O Panamá passa a receber pelos pedágios. O Canal foi corrigido várias vezes para comportar os navios petroleiros que surgiram. A devolução do canal e retirada das tropas significou um golpe aos EUA. 70% das importações e exportações dos EUA passam pelo Canal.

52 CANAL DO PANAMÁ O Canal é constituído de 6 eclusas que fazem o trabalho de nivelar as águas para a passagem dos navios. O sistema de eclusas é necessário devido à topografia irregular.

53 VÍDEO

54 AMÉRICA CENTRAL INSULAR Constituída por treze nações politicamente independentes: Cuba, Haiti, Jamaica, República Dominicana, Antígua e Barbuda, Bahamas, Barbados, Dominica, Santa Lúcia, São Cristóvão e Névis, São Vicente e Granadinas, Granada, Trinidad e Tobago;

55 AMÉRICA CENTRAL INSULAR ECONOMIA Atividades primárias – exportação de açúcar, banana, café, cacau, tabaco e charutos, bebidas (rum), algodão, frutas cítricas, coco e petróleo; Turismo – possui destaque em virtude da beleza tropical costeira.

56 TURISMO NO CARIBE

57 HAITI Idioma: Crioule e Francês. Foi cedida à França em 1697 pelos espanhóis. Obteve independência em 1804 e, após, sofreu endividamento e foi governada por quase trinta anos por um governo corrupto e ditador. Insatisfações levaram à uma guerra civil. A ONU criou uma força de paz para garantir a paz e dar condições ao país de se reestruturar.

58 CUBA PAÍS SOCIALISTA – VIVE UM EMBARGO ECONÔMICO; EXPORTA PRODUTOS PRIMÁRIOS; TÊM INVESTIDO NO TURISMO.


Carregar ppt "AMÉRICA LATINA SUB-REGIÕES Critérios físicos e sócio-culturais."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google