A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O CITOPLASMA Prof (a): EMANUELLE GRACE. SUMÁRIO Organização geral do citoplasma O citoplasma das células procarióticas O citoplasma das células eucarióticas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O CITOPLASMA Prof (a): EMANUELLE GRACE. SUMÁRIO Organização geral do citoplasma O citoplasma das células procarióticas O citoplasma das células eucarióticas."— Transcrição da apresentação:

1 O CITOPLASMA Prof (a): EMANUELLE GRACE

2 SUMÁRIO Organização geral do citoplasma O citoplasma das células procarióticas O citoplasma das células eucarióticas Organelas citoplasmáticas Retículo endoplasmático Complexo Golgiense Lisossomos Peroxissomos

3 SUMÁRIO Vacúolo da célula vegetal Citoesqueleto Citoesqueleto e movimentação celular Cílios e flagelos Mitocôndrias Plastos

4 Organização geral do citoplasma No citoplasma, região entre a membrana plasmática e o núcleo, há o citosol (hialoplasma ou matriz do citoplasma), material gelatinoso formado por íons e moléculas inorgânicas e orgânicas dissolvidas na água, e várias organelas (como retículo, lisossomos e outros) que desempenham funções específicas na célula.

5 O citoplasma de células procarióticas O citoplasma das células procarióticas é muito simples quando comparado ao da célula eucariótica, apresentando número menor de estruturas. Ele é constituído principalmente por água, proteínas, ácidos nucléicos (DNA e RNA), moléculas pequenas e ribossomos.

6 CITOPLASMA DE UMA CÉLULA PROCARIONTE Matriz amorfa com muita água, vários íons e moléculas dissolvidas Ausência de organelas membranosas, exceto mesossoma e membranas fotossintéticas (tilacóides) Presença de ribossomos DNA disperso no nucleóide

7 CITOPLASMA DE UMA CÉLULA EUCARIONTE REGIÃO ENTRE A MEMBRANA PLASMÁTICA E A CARIOTECA APRESENTA ORGANELAS MEMBRANOSAS E CITOSOL

8 O citoplasma de células eucarióticas O citoplasma de uma célula eucariótica apresenta a mesma composição do citoplasma de uma célula procariótica, a diferença fundamental é que nesse tipo de célula encontramos um número maior de organelas mergulhadas no citoplasma, que em conjunto, garantem o funcionamento e, conseqüentemente, a vida da célula.

9 Tipos de células eucarióticas

10 Organelas citoplasmáticas Ribossomos Ribossomos Definição – são pequenos grânulos, sem membrana envoltória, compostos de proteínas e RNA-ribossômico (rRNA). Função – são responsáveis pela síntese protéica, isto é, sintetizam proteínas. Estão presentes em todas as células vivas e só são visíveis ao microscópio eletrônico.

11 Organelas Citoplasmáticas Ribossomos O ribossomo é constituído de rRNA, é responsável pela síntese protéica e é a única organela citoplasmática presente em todas as células vivas.

12 Organelas citoplasmáticas Retículo Endoplasmático Retículo endoplasmático Definição – é uma rede de canais, na forma de tubos e bolsas achatados, que se originam da membrana celular. Tipos: Retículo endoplasmático liso ou agranular (sem ribossomos) e retículo endoplasmático rugoso ou granular (com ribossomos) Funções comuns aos dois tipos de retículos – sustentação mecânica (esqueleto celular), aumento da superfície celular, armazenamento e transporte de substâncias, regulação osmótica.

13 Organelas citoplasmáticas Retículo Endoplasmático Retículo endoplasmático Função do retículo endoplasmático rugoso: síntese de proteínas. Funções do retículo endoplasmático liso: síntese de lipídios, síntese de hormônios esteróides, armazenamento de íons cálcio que facilitam a contração muscular.

14 Organelas Citoplasmáticas Retículo Endoplasmático O retículo é uma rede de canais que tem as funções de sustentação mecânica, aumento da superfície celular, regulação osmótica, síntese de proteínas (RER), síntese de lipídios (REL).

15 Organelas citoplasmáticas Complexo Golgiense Complexo Golgiense Definição – constitui-se de inúmeras vesículas, bolsas e sáculos achatados, delimitados por membrana lipoprotéica. Existe em células animais e vegetais, mas não está presente em células procarióticas. Funções – armazenamento e secreção de substâncias; origina o acrossomo (ou capuz cefálico do espermatozóide); origina os lisossomos.

16 Organelas citoplasmáticas Complexo Golgiense O complexo golgiense é formado por um conjunto de vesículas, bolsas e sáculos achatados. Tem a função de armazenar e secretar substâncias, originar o acrossomo, produzir lisossomos.

17 Organelas citoplasmáticas Lisossomos Lisossomos Definição – são pequenas bolsas delimitadas por membrana lipoprotéica, visíveis somente à microscopia eletrônica e repletas de diferentes tipos de enzimas digestivas. Função – autofágica (quando digere partes da própria célula) e heterofágica (quando digere substâncias que entraram na célula). Estão presentes apenas em células animais.

18 Organelas citoplasmáticas Lisossomos Lisossomos Tipos de lisossomos: a) Lisossomos primários: são aqueles originados diretamente do complexo de Golgi. b) Lisossomos secundários: são resultantes da união dos lisossomos primários com fagossomos ou pinossomos.

19 Organelas citoplasmáticas Lisossomos Os lisossomos são as organelas responsáveis pela digestão celular de substâncias englobadas pela célula por fagocitose ou pinocitose (digestão heterofágica) ou de partes da própria célula (digestão autofágica)

20 Organelas citoplasmáticas Peroxissomos Peroxissomos Definição – são bolsas originadas do retículo endoplasmático liso repletas de enzimas oxidases. Função – oxidação de ácidos graxos, que serão utilizados para a síntese de colesterol. No fígado, eles são responsáveis por oxidar diversos tipos de substâncias tóxicas absorvidas no sangue (o álcool, por exemplo), transformando-as em substâncias úteis e também participam da produção de sais biliares.

21 Organelas citoplasmáticas Peroxissomos Peroxissomos Importante!!!! As enzimas oxidases promovem a reação do oxigênio com algumas moléculas orgânicas, com perda de hidrogênio por essas moléculas e formação de água oxigenada (ou peróxido de hidrogênio). Nos peroxissomos, ainda encontramos a catalase, enzima que decompõe a água oxigenada em água e oxigênio, que é usado para oxidar certas moléculas tóxicas, como o álcool.

22 Organelas citoplasmáticas Vacúolo Vegetal Vacúolo vegetal Definição – são estruturas que contêm água, sais, açúcares, pigmentos e outras substâncias solúveis delimitadas por membrana, o tonoplasto. Funções – manter o equilíbrio osmótico entre a célula e o meio extracelular, acúmulo de pigmentos, armazenamento de nutrientes.

23 Organelas citoplasmáticas Citoesqueleto Citoesqueleto Definição – é uma rede de microtúbulos e microfilamentos. Microtúbulos – são formados por proteínas chamadas tubulinas. Microfilamentos – são formados por várias proteínas, entre as quais a actina e a miosina. Essas duas proteínas, deslizando uma sobre a outra como um trem sobre os trilhos, movimentam as estruturas da célula, podendo mudar a sua forma.

24 Organelas citoplasmáticas Citoesqueleto Citoesqueleto Centríolos – são formados por dois cilindros perpendiculares entre si. Cada um dos cilindros é composto de vários tubos não delimitados por membrana. Suas funções básicas são as de auxiliar a divisão celular e formar cílios e flagelos.

25 Citoesqueleto e movimentação celular Ciclose Em células vegetais, a presença de filamentos de actina e miosina, proteínas capazes de contraírem- se, garante a movimentação do fluido citoplasmático por verdadeiras correntes citoplasmáticas. Como as células vegetais tendem a ser mais longas que as células animais, esse fenômeno viabiliza o transporte intracelular de substâncias, facilitando as reações química. Essas correntes recebem o nome de ciclose.

26 Citoesqueleto e movimentação celular Movimento amebóide Em alguns casos, como no protozoário Ameba sp, o citoplasma pode tornar-se mais líquido, fazendo com que as correntes circulatórias o impulsionem com mais facilidade. Com isso, há expansão dessa parte do citoplasma na mesma direção da força exercida. Ao mesmo tempo, a porção oposta do citoplasma contrai-se. O resultado é o deslocamento da célula como se ela estivesse andando. Como esse movimento é mais comum na ameba, denomina-se movimento amebóide, e os prolongamentos emitidos pela célula são os pseudópodes.

27 Cílios e Flagelos Cílios São projeções celulares, curtas e numerosas, que, ao vibrarem, podem locomover a célula e também movimentar o líquido ao seu redor, formando correntezas que aproximam o alimento da célula, o que ocorre, por exemplo, nos seres unicelulares como o Paramécio. No trato respiratório humano, as células ciliadas são responsáveis por varrer impurezas para fora do organismo, como bactérias, poeira e outras partículas estranhas.

28 Cílios e Flagelos Flagelos São projeções longas e, na maioria das vezes, em pequeno número, com a função de dar movimento à célula, como, por exemplo aos espermatozóides. Podem promover a circulação de água nos poríferos. Têm movimento ondulante, semelhante a um chicote.

29 Organelas Citoplasmáticas Mitocôndrias Mitocôndrias Definição – são organelas presentes em todos os seres eucariontes. Possuem a forma ovalada e são revestidas por uma membrana dupla. A membrana externa é lisa e a interna, pregueada, formando as cristas mitocondriais.

30 Organelas Citoplasmáticas Mitocôndrias Mitocôndrias Função – produzir energia para as atividades celulares por meio da respiração celular.

31 Organelas Citoplasmáticas Plastos Plastos Definição – são organelas encontradas em células vegetais, em algumas algas e em alguns protozoários. Função – responsáveis pelos processos de fotossíntese ou armazenamento. Classificação – leucoplastos (são plastos incolores que reservam substâncias como amido, proteínas e óleos) e cromoplastos (são plastos que possuem pigmentos como cloroplastos, xantoplasto (amarelo) que auxiliam na fotossíntese).

32 Organelas citoplasmáticas Cloroplastos Os plastos são encontrados em células vegetais, em algumas algas e alguns protozoários e são responsáveis pelo armazenamento de substâncias (leucopplastos) e pela fotossíntese (cromoplastos).


Carregar ppt "O CITOPLASMA Prof (a): EMANUELLE GRACE. SUMÁRIO Organização geral do citoplasma O citoplasma das células procarióticas O citoplasma das células eucarióticas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google