A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aprender na Web ------------------------ Novo Paradigma Nitidamente diferentes das gerações anteriores; Geração net (Oblinger, 2005), Nativos digitais.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aprender na Web ------------------------ Novo Paradigma Nitidamente diferentes das gerações anteriores; Geração net (Oblinger, 2005), Nativos digitais."— Transcrição da apresentação:

1

2 Aprender na Web Novo Paradigma Nitidamente diferentes das gerações anteriores; Geração net (Oblinger, 2005), Nativos digitais (Prensky, 2001) etc…; A tecnologia é transparente; Habituada à acção; É prioritário comunicar; Exige interactividade; Preferem representações gráficas a texto e hiperligações à linearidade. Aldeia global (McLuhan), sociedade pós-industrial (Bell), sociedade da informação (Toffler), infoera (Zuffo); Altamente tecnológica; Seleccionar e manipular a informação; Actualização e reformulação do conhecimento. Deixa de ser (re)transmissor de conhecimentos; Mentor que ajuda na busca do saber; Orienta o aluno que aprende activamente; Coloca desafios; Professor e aprendiz; Criador de ambientes de aprendizagem. Breve contextualização

3 Aprender na Web: novo paradigma Aprender na Web Conectivismo Centralidade das redes de conhecimento na vida das pessoas e na educação; O conhecimento está na Web; É imprescindível estabelecer conexões entre ideias e pessoas; Aprender é criar e navegar na rede de conhecimento (Siemens, 2008); Read/writeWeb >> Ler/escrever na e para a Web (Richarson, 2006) Inteligência colectiva (Lévy, 1994) Novo paradigma Estamos perante um novo paradigma face ao conhecimento: paradigma mais activo; interactivo; distribuído; personalizado e adaptativo (Mason, 2006). FONTE: CARVALHO, Ana Amélia Amorim, org. – Manual de ferramentas da Web 2.0 para professores. Lisboa : Direcção-Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular do Ministério da Educação,

4 Informação: Texto corrido ; Site multimédia; Sobriedade no design do site e interactividade; Saber pesquisar, analisar e seleccionar; Construção de material para rentabilizar/potenciar os recursos disponíveis online: Caça ao Tesouro WebQuest Conceptualização de uma nova geração de aplicações na Web; Arquitectura de participação: Web é vista como desktop: em que tudo está online, facilitando a edição e publicação imediatas; Um novo patamar de interacção social que facilita a colaboração e a partilha de informação; FeedsRSS e indicação de tags Aplicações amigáveis, interactivas, e que facilitam o feedback; Social networking (redes sociais) Hi5, MySpace, Orkut; Linkedin, Facebook Social bookmarking (marcadores sociais) Del.icio.us, Mag.nolia, Connotea Web 1.0 >>>1990 (Berners-Lee) Web 2.0 >>>2004 (OReiley) Web 1.0 vs Web 2.0 FONTE: CARVALHO, Ana Amélia Amorim, org. – Manual de ferramentas da Web 2.0 para professores. Lisboa : Direcção-Geral de Inovação e de Desenvolvimento Curricular do Ministério da Educação,

5 FONTE: FONTE: OReilly, Tim (2005). What Is Web 2.0: Design Patterns and Business Models for the Next Generation of Software. OReilly. A Web passa a ser encarada como uma plataforma através da qual são distribuídos serviços, orientados para o utilizador e em permanente transformação (uma espécie de beta perpétuo). Nesta transição, o factor essencial de sucesso parece ser a capacidade de mobilizar aquilo que OReilly designa como a inteligência colectiva, potenciada pelo poder da rede. Web 1.0 vs Web 2.0

6 Com o aparecimento das funcionalidades da Web 2.0, conceito proposto por Tim OReilly e o MediaLive International, a facilidade de publicação online e a facilidade de interacção entre os cibernautas torna-se uma realidade. 3 passos (geralmente): Facilidade de criação e de publicação online Criar uma conta, incluindo os dados pessoais; Atribuir um nome ao espaço a criar; E, finalmente, escolher um modelo do leque de propostas disponíveis; … Depois falta averiguar da QUALIDADE e da AVALIAÇÃO destas interacções… uma história por escrever…

7 Exemplos: Facilidade de criação e de publicação online

8 FONTE: Alguns exemplos de ferramentas da Web 2.0

9 1. Estará a tónica desta revolução da Web mais colocada na componente social e menos nas tecnologias? Ou assistimos ao domínio da máquina sobre o homem? 2. No futuro… Web 3.0 – a Web semântica… Passamos da Web participativa/participada para a Web inteligente? 1. Estará a tónica desta revolução da Web mais colocada na componente social e menos nas tecnologias? Ou assistimos ao domínio da máquina sobre o homem? 2. No futuro… Web 3.0 – a Web semântica… Passamos da Web participativa/participada para a Web inteligente? FONTE: Para ver e reflectir… um pouco mais… Web 2.0

10 Potencialidades e constrangimentos da web 2.0…


Carregar ppt "Aprender na Web ------------------------ Novo Paradigma Nitidamente diferentes das gerações anteriores; Geração net (Oblinger, 2005), Nativos digitais."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google