A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

2007/2008 Maria Manuel Rodrigues de Carvalho Orientador: Prof. Doutora Cidália Fonte, FCTUC Co-Orientador: Prof. Doutor Gonçalo Paiva Dias, ESTGA-UA Modelação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "2007/2008 Maria Manuel Rodrigues de Carvalho Orientador: Prof. Doutora Cidália Fonte, FCTUC Co-Orientador: Prof. Doutor Gonçalo Paiva Dias, ESTGA-UA Modelação."— Transcrição da apresentação:

1 2007/2008 Maria Manuel Rodrigues de Carvalho Orientador: Prof. Doutora Cidália Fonte, FCTUC Co-Orientador: Prof. Doutor Gonçalo Paiva Dias, ESTGA-UA Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML Mestrado em Engenharia Geográfica

2 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML2 Objectivo Motivação Análise Bibliográfica Bibliografia

3 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML3 Objectivo Desenvolvimento de um Modelo para descrever operações de loteamento recorrendo à linguagem UML (Unified Modelling Language) Aplicação do modelo proposto –Câmara Municipal de Coimbra –Câmara Municipal de Águeda

4 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML4 Objectivo Processo de licenciamento de loteamentos Processo: conjunto de documentos em que se traduzem os actos e formalidades que integram o processo administrativo. (Código de Procedimento Administrativo) Licenciamento: (ou procedimento de licença) procedimento que conduz à emissão de alvará. (Código de Procedimento Administrativo) Operações de loteamento, as acções que tenham por objecto ou por efeito a constituição de um ou mais lotes destinados, imediata ou subsequentemente, à edificação urbana e que resulte da divisão de um ou vários prédios ou do seu reparcelamento (Lei n.º 60/2007 de 4 de Setembro)

5 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML5 Motivação Loteamentos Procedimento da competência das câmaras municipais, tem influência directa no parcelamento do território, e por conseguinte no cadastro predial. Alterações que constituirão no futuro a contribuição directa, por parte das câmaras municipais, na actualização da informação do SiNErGIC (Sistema Nacional de Exploração de e Gestão de Informação Cadastral)

6 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML6 Motivação Regime Jurídico da Urbanização e Edificação DL 555/99 de 16 de Dezembro –Lei 13/2000 de 20 de Julho –DL 177/2001 de 4 de Junho –Lei 15/2002 de 22 de Fevereiro –Lei 4-A/2003 de 19 de Fevereiro –DL 157/2006 de 8 de Agosto –Lei 60/2007 de 4 de Setembro

7 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML7 Motivação Lei 60/2007 de 4 Set –6ª alteração ao DL 555/99 –SIMPLEX (Programa de Simplificação Administrativa e Legislativa) –Objectivo de simplificar o procedimento de licenciamento urbanístico –Implementação da informatização dos processos –Entrará em vigor no dia 3 de Março de 2008

8 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML8 Motivação UML - Unified Modelling Language (Linguagem de Modelação Unificada) Grady Booch, Ivar Jacobson e James Rumbaugh projectistas de sistemas orientados para objectos. Linguagem para especificação, documentação, visualização e desenvolvimento de sistemas orientados para objectos.

9 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML9 Motivação Out 1995: Apresentada publicamente pela primeira vez Nov 1997: Adoptada pelo OMG (Object Management Group, organização internacional que aprova padrões abertos para aplicações orientadas a objectos, fundado em 1989) Ago 2007: Versão de UML

10 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML10 Motivação Não é uma metodologia de desenvolvimento, ou seja, não diz o que fazer primeiro e em seguida ou como projectar um sistema, mas auxilia na visualização do desenho e na comunicação entre objectos. Independente da linguagem de programação, do domínio de aplicação, do processo ou metodologia de desenvolvimento. Vocabulário de fácil entendimento, o que facilita a comunicação entre todas as pessoas envolvidas no processo de desenvolvimento de um sistema.

11 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML11 Motivação Governo Electrónico Local, Cidades Digitais –Assegurar a facilidade de partilha de informação com quem o pretenda (munícipes, empresas locais, cidadãos, munícipes deslocados, outros órgãos do poder local e central). –Relaciona o poder político e a Administração Pública local com o cidadão e com as empresas recorrendo à troca de informação de base electrónica (L. Gouveia, 2004)

12 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML12 Análise Bibliográfica A Modular Standard for the Cadastral Domain: Application to the Portuguese Cadastre Modelo conceptual de âmbito cadastral adaptado ao Cadastro Português, recorrendo à Modelação UML para descrever as principais classes do modelo proposto. "Análise, simplificação e desmaterialização de processos de uma câmara municipal Trabalho desenvolvido no âmbito da validação de uma plataforma de governo electrónico em que o objecto de estudo foi a Câmara Municipal de Aveiro. Todos os processos foram descritos recorrendo à linguagem UML.

13 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML13 Análise Bibliográfica Why is unified modelling language, UML, for cadastral systems ? Apresenta o uso de UML na descrição dos sistemas de informação cadastral em termos de modelos funcionais, estáticos e dinâmicos. The Unified Modelling Language (UML) in Cadastral System Development O objectivo deste trabalho foi determinar como UML pode ser usada no desenvolvimento do sistema cadastral e as suas potencialidades. Foi usado como base da investigação o Sistema Cadastral da Zâmbia.

14 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML14 Análise Bibliográfica Impact Analysis of Recent Geo-ICT Developments on Cadastral Systems Sugere a elaboração de um Modelo de base Cadastral padrão que possa ser usado em todos, ou quase todos, os países, que possa ser extendido e adaptado a cada país. Segundo os autores este modelo deverá ser descrito em UML. Modelling Cadastral Transactions in Greece Using UML Trabalho incide na criação de um modelo de transações cadastrais na Grécia, recorrendo à linguagem UML. Modelling the Cadastral Domain Uso da linguagem UML no desenvolvimento de um modelo cadastral, orientado para objectos, destinado a registar toda a informação do registo predial sueco.

15 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML15 Análise Bibliográfica Modelação de Sistemas de Informação Geográfica em UML Aplicação da linguagem UML na concepção e desenvolvimento de Sistemas de Informação Geográfica. Análise de Sistemas de Informação – Rede Nacional de Bibliotecas Públicas, Empréstimos Documentais Interbibliotecas Utilização da linguagem UML na construção de um documento de requisitos para especificar e definir as funções de um produto que visa a criação de um sistema de informação da RNBP, promovendo empréstimos e consultas interbibliotecas.

16 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML16 Bibliografia Hespanha, J P; Oosterom, P van ; Zevenbergen, J; Dias, G P A modular standard for the cadastral domain : application to the portuguese cadastre Computers, Environment and Urban Systems, vol. 30, Issue 5, Sep. 2006, p. 562 – 584 Dias, Gonçalo Paiva "Análise, simplificação e desmaterialização de processos de uma câmara municipal. 4º Congresso Nacional de Administração Pública, Lisboa, 2- 3 Nov Tuladhar, A.M., Why is unified modelling language, UML, for cadastral systems ? COST Workshop Towards a Cadastral Core Domain Model, Delft, The Netherlands, 2002 Muatmbo, Levi Shimi, The Unified modelling Language (UML) in Cadastral System Develoment, ITC International Institute for Geo-information Science and Earth Observation, March 2003, Netherlands

17 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML17 Bibliografia Oosterom, P van; Lemmen, C Impact Analysis of Recent Geo-ICT Developments on Cadastral Systems Computers, Environment and Urban Systems vol. 28, Issue 5, Sep. 2004, p Oosterom,P van et al. The core cadastral domain model Computers, Environment and Urban Systems vol. 30, Issue 5, Sep. 2006, p 627–660 Oosterom, P van; Lemmen, C The core cadastral domain model: a tool for the development of distributed and interoperable cadastral systems In M Villikka (Ed.), Proceedings 9th International Conference Map India, 2006, p 1-12 Frederiksberg, Denmark: FIG Arvanitis, Apostolos; Hamilou, Eleni modelling Cadastral Transactions in Greece Using UML, FIG Working Week 2004 Athens, Greece, May 22-27, 2004 Paasch, J M modelling the cadastral domain, 10th EC GI & GIS Workshop, ESDI State of the Art, Warsaw, Poland, 23-25, June 2004

18 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML18 Bibliografia Matos, João; Nery, Fernanda; Silva, Alberto; Sousa, Ricardo Modelação de Sistemas de Informação Geográfica em UML. ESIG2001 Bertini, Glauciene da Costa; Neto, Joel Cézar, Uma Modelagem Orientada a Objeto para o Mapa Urbano Básico de Belo Horizonte, Revista IP-Informática Pública, Belo Horizonte, vol. 6 (1): 33-51, 2004, Brasil Lisboa Filho, Jugurta; Iochpe, Cirano; Borges, Karla A. V., Reutilização de Esquema de Banco de Dados em Aplicações de Gestão Urbana Revista IP-Informática Pública, Belo Horizonte, vol. 4(1): , 2002, Brasil Vaz, Carlos; Pereira, Jorge; Teixeira, Miguel Análise de Sistemas de Informação - Rede Nacional de Bibliotecas Públicas, Empréstimos Documentais Interbibliotecas Mestrado em Gestão de Informação, Porto, Jan Xavier, J M C S O impacto das Cidades Digitais na Sociedade da Informação. O caso Português Mestrado em Gestão de Ciência, Tecnologia e Inovação. Universidade de Aveiro, 2004

19 21 Nov 2007Modelação do processo de licenciamento de loteamentos utilizando UML19 Bibliografia Alves, Sofia; Mendonça, Bruno Relatório de Pré-Estágio da Câmara de Loures Lisboa, Julho de 1997 Decreto-Lei n.º 555/99 de 16 de Dezembro, D.R. I Série, 291 (16/12/1999) Lei n.º 60/2007 de 4 de Setembro, D.R. I Série, 170 (04/09/2007) Guia das operações de loteamento DGOTDU Maio 2003 Nunes, Mauro; ONeill, Henrique Fundamental de UML Dez 2004


Carregar ppt "2007/2008 Maria Manuel Rodrigues de Carvalho Orientador: Prof. Doutora Cidália Fonte, FCTUC Co-Orientador: Prof. Doutor Gonçalo Paiva Dias, ESTGA-UA Modelação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google