A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Www.hub.unb.br INFLUENZA A (H1N1): MEDIDAS DE PREVENÇÃO E CONTROLE NA UNB GT INFLUENZA H1N1- UnB DAC/HUB/FS/FCE/DCE Plano de ação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Www.hub.unb.br INFLUENZA A (H1N1): MEDIDAS DE PREVENÇÃO E CONTROLE NA UNB GT INFLUENZA H1N1- UnB DAC/HUB/FS/FCE/DCE Plano de ação."— Transcrição da apresentação:

1 INFLUENZA A (H1N1): MEDIDAS DE PREVENÇÃO E CONTROLE NA UNB GT INFLUENZA H1N1- UnB DAC/HUB/FS/FCE/DCE Plano de ação

2 Informar a comunidade universitária sobre as medidas de prevenção e controle de Influenza A(H1N1), baseadas nos protocolos do MS. Organizar as ações de prevenção e controle nos campi Organizar referenciamento dos casos para o sistema de saúde.

3 Março de nova cepa do subtipo H1N1 (material genético do vírus influenza A de origem humana,suína e aviária). Em 11 de junho de OMS notifica a ocorrência de uma pandemia de gripe A(H1N1).

4 O QUE É INFLUENZA A (H1N1) A Influenza A(H1N1) é uma doença respiratória aguda causada por um novo vírus da gripe.

5 TRANSMISSÃO DA INFLUENZA A (H1N1) Assim como a gripe comum, a Influenza A(H1N1) é transmitida de pessoa a pessoa, principalmente por meio de tosse, espirro ou contato com secreções respiratórias de pessoas infectadas.

6 QUAL O PERÍODO DE TRANSMISSÃO DA INFLUENZA A? Adultos: um dia antes até o 7º dia de início dos sintomas. Crianças (menores de 12 anos): um dia antes até o 14º dia de início dos sintomas.

7 QUAIS SÃO OS SINTOMAS DA INFLUENZA A(H1N1) ? São semelhantes aos sintomas da influenza sazonal (gripe comum): febre, tosse, coriza, dor de garganta, dores no corpo, dor de cabeça, calafrio e fadiga. Diarréia e vômitos; Pode causar uma piora de doenças crônicas pré existentes ou ocasionar complicações como pneumonia.

8 QUAL É A FORMA GRAVE DA INFLUENZA A ? Síndrome Respiratória Aguda: doença respiratória aguda caracterizada por febre superior a 38ºC, tosse e dispnéia, acompanhada ou não de outros sintomas.

9 QUEM TEM RISCO DE TER DOENÇA GRAVE ? Idosos > 60 anos; Crianças < 2 anos; Gestantes; Portadores de doenças crônicas.

10 QUANDO PROCURAR O ATENDIMENTO MÉDICO? Se você estiver com febre acima de 38ºC, tosse e apresentar dificuldade respiratória, procure o seu médico ou a unidade de saúde mais próxima.

11 EXISTE EXAME PARA INFLUENZA A ( H1N1)? O exame laboratorial está indicado para as formas graves. A conduta médica independe do resultado de exame laboratorial.

12 EXISTE TRATAMENTO PARA GRIPE? O tratamento é sintomático, e toda a rede de saúde do DF, incluindo o HUB está preparada para atender as pessoas com síndrome gripal. A indicação de tratamento antiviral (oseltamivir/tamiflu R será feita pelo médico assistente. Atenção: Não usar medicamentos sem orientação médica. A automedicação pode ser prejudicial à saúde

13 EXISTE VACINA? Ainda não tem vacina DISPONÍVEL no Brasil contra a influenza A(H1N1); Não há evidência de que a vacina contra a gripe comum proteja contra a Influenza A (H1N1).

14 O QUE FAZER ? O QUE FAZER ?

15 Medidas preventivas individuais Higienização frequente das mãos. Utilizar lenço descartável para higiene nasal; Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir; Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca; Higienizar as mãos após tossir ou espirrar; Não compartilhar copos, talheres ou objetos de uso pessoal

16 QUANDO UTILIZAR ÁLCOOL GEL? Quando não for possível lavar as mãos com água e sabão.

17 POSSO FREQUENTAR O AMBIENTE DE TRABALHO OU AULAS COM SINTOMAS DE GRIPE? NÃO! NÃO! Recomenda-se que pessoas com sintomas de gripe permaneçam em casa até o desaparecimento de todos os sintomas.

18 QUEM DEVE UTILIZAR MÁSCARA? Profissionais da saúde responsáveis pelo acolhimento e atendimento de pacientes nos serviços de pronto-socorro e os cuidadores diretos de pacientes em ambiente hospitalar. Pacientes com quadro sintomático sugestivo.

19 MEDIDAS PREVENTIVAS AMBIENTAIS Garantir lavatórios e sabão para para a higienização das mãos. Garantir dispensadores de álcool gel em locais de grande fluxo. Manter ambientes limpos e ventilados. A higienização de superfícies e dependências. Evitar aglomerações de pessoas

20 RECOMENDAÇÕES A TODOS Divulgar sempre as informações sem alarde Caso você identifique alguém com febre tosse e falta de ar oriente que procure o posto de saúde mais próximo imediatamente. O HUB atende síndrome gripal em adultos de h no ambulatório I.

21 Quer saber mais? Acesse o site do Ministério da saúde Dique saúde – Organização Mundial da Saúde (em inglês) en/index.html Organização Pan-americana de Saúde (em espanhol) GT UnB INFLUENZA A H1N1:


Carregar ppt "Www.hub.unb.br INFLUENZA A (H1N1): MEDIDAS DE PREVENÇÃO E CONTROLE NA UNB GT INFLUENZA H1N1- UnB DAC/HUB/FS/FCE/DCE Plano de ação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google