A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Distribuição Geográfica de casos confirmados de Influenza A(H1N1)

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Distribuição Geográfica de casos confirmados de Influenza A(H1N1)"— Transcrição da apresentação:

1

2 Distribuição Geográfica de casos confirmados de Influenza A(H1N1)

3 Fases de alerta da (OMS) Novo subtipo em animais Risco de transmissão a humanos Fase 2 Novo subtipo atinge humanos Transmissão pessoa a pessoa nula ou rara. Fase 3 Transmissão pessoa a pessoa capaz de ocasionar surtos comunitários Fase 4 Transmissão pessoa a pessoa em pelo menos 2 países de um mesmo continente Fase 5 Pandemia – Endemias sustentadas em pelo menos mais de um país de outro continente. Fase 6 Sem novos subtipos em humanos Fase 1

4 SITUAÇÃO NO BRASIL (15/07/09) CASOS CONFIRMADOS 2 ÓBITOS

5 SITUAÇÃO EM SÃO PAULO 2010 CASOS 338 CONFIRMADOS

6 NFLUENZA A (H1N1 Infecção Humana causada pelo Vírus da Influenza A(H1N1), em novo subtipo viral, resultante da recombinação genética do vírus suíno, aviário e humano, com potencial de disseminação global. Este vírus foi inicialmente detectado em abril de 2009 nos Estados Unidos da América(USA) e a seguir no México e Canadá Infecção Humana causada pelo Vírus da Influenza A(H1N1), em novo subtipo viral, resultante da recombinação genética do vírus suíno, aviário e humano, com potencial de disseminação global. Este vírus foi inicialmente detectado em abril de 2009 nos Estados Unidos da América(USA) e a seguir no México e Canadá

7 Período de incubação Um a sete dias Um a sete dias Em média quatro dias Em média quatro dias

8 Período de transmissão Adultos – de 1 dia antes a aproximadamente 5 a 7 dias após o inicio dos sintomas Adultos – de 1 dia antes a aproximadamente 5 a 7 dias após o inicio dos sintomas Crianças – de 1 dia antes a aproximadamente 14 dias após o início dos síntomas. Crianças – de 1 dia antes a aproximadamente 14 dias após o início dos síntomas. Imunocomprometidos graves – podem permanecer semanas a meses eliminando o vírus Imunocomprometidos graves – podem permanecer semanas a meses eliminando o vírus

9 TRANSMISSÃO A) Pessoa a pessoa por meio de gotículas de saliva e fluidos corporais de pessoas infectadas. A) Pessoa a pessoa por meio de gotículas de saliva e fluidos corporais de pessoas infectadas. B) Não há evidência de transmissão por meio da ingestão de carne suína e produtos derivados.

10 Grupo de Risco Criança menor de 5 anos, principalmente menor de 2 anos Criança menor de 5 anos, principalmente menor de 2 anos Adultos maiores de 60 anos Adultos maiores de 60 anos Pessoas com doença pulmonar grave,cardiovasculares,renais crônicos,doenças hepáticas,hematológicas,neurológicas Pessoas com doença pulmonar grave,cardiovasculares,renais crônicos,doenças hepáticas,hematológicas,neurológicas Imunocomprometidos Imunocomprometidos Grávidas Grávidas

11 MEDIDAS PREVENTIVAS HIGIENIZAÇÃO DAS MÃOS UTILIZAR LENÇO DESCARTÁVEL PARA HIGIENE NASAL COBRIR NARIZ E BOCA AO TOSSIR OU ESPIRRAR MANTER OS AMBIENTES VENTILADO NÃO COMPARTILHAR COPOS,TALHERES

12 CUIDADOS EM CRECHES LAVAR AS MÃOS E OS BRINQUEDOS DAS CRIANÇAS COM AGUA E SABÃO QUANDO ESTIVEREM VISÍVELMENTE SUJAS OS CUIDADORES DEVERAM LAVAR AS MÃOS APÓS CONTATO COM SECREÇÕES NASAIS E ORAIS DAS CRIANÇAS OS CUIDADORES DEVERAM OBSERVAR SE HÁ CRIANÇAS COM TOSSE,FEBRE OU DOR DE GARGANTA E NOTIFICAR OS PAIS EVITAR O CONTATO DA CRIANÇA DOENTE COM AS DEMAIS

13


Carregar ppt "Distribuição Geográfica de casos confirmados de Influenza A(H1N1)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google