A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Trabalho sobre Domínio Morfoclimático Unidade de Ensino: SESI Disciplina: Geografia Professora: Andréia Alunos: Sérgio Pellis Mauro de Freitas Francisco.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Trabalho sobre Domínio Morfoclimático Unidade de Ensino: SESI Disciplina: Geografia Professora: Andréia Alunos: Sérgio Pellis Mauro de Freitas Francisco."— Transcrição da apresentação:

1 Trabalho sobre Domínio Morfoclimático Unidade de Ensino: SESI Disciplina: Geografia Professora: Andréia Alunos: Sérgio Pellis Mauro de Freitas Francisco Roseli Rosa Juliane

2 Domínio Morfoclimático Os domínios Morfoclimáticos representam a combinação de um conjunto de elementos da natureza – relevo, clima, vegetação – que se inter-relacionam e interagem, formando uma unidade paisagística.

3 Domínio Equatorial Amazônico: Problemas Ambientais: O desmatamento modificará a permanência da água na bacia, por diminuir a permeabilidade do solo e, conseqüentemente, o seu armazenamento em reservatórios subterrâneos. A redução do período de trânsito das águas determinará inundações mais intensas durante os períodos chuvosos. Sem falar dos grandes problemas pelo derrubamento de árvores como o Aquecimento Global por exemplo. Região: Norte Clima: Equatorial Quente e Úmido Floresta: Heterogênea e Latifoliada (folhas grandes e largas) Relevo com predomínio de baixas altitudes, ou seja, planícies, depressões e baixos planaltos, rica e vasta rede hidrográfica; biodiversidade significativa. Destaca-se uma desordem ambiental crescente no ecossistema amazônico pela propagação das áreas desmatadas através da garimpagem (assoreamento, erosão e poluição dos rios), mineração industrial (degradação da paisagem), indústrias de ferro gusa (demanda de carvão vegetal), grandes hidrelétricas (inundação de áreas florestais), etc.

4 Domínio dos Cerrados: Relevo com extensos planaltos, depressões e chapadas sedimentares; seu clima tropical com duas estações bem diferenciadas (Verão Chuvoso e Inverno Seco); com solo ácido, uma área pouco povoada e de economia baseada na agropecuária extensiva. Região: Centro-Oeste Clima: Tropical Vegetação: Arbustiva e Herbácea Problemas Ambientais: A ocupação acelerada da região tem contribuído decisivamente para a implantação de atividades descriteriosas. Como por exemplo, o desmatamento do cerrado para a expansão da lavoura comercial o que vem diminuindo a área de reserva ambiental, bem como a utilização de agrotóxico; e as queimadas.

5 Domínio dos Mares de Morros: Relevo apresenta planaltos e serras do atlântico leste sudeste, rampas aclives que separam os planaltos e serras da planície costeira, através do intemperismo e da erosão, modelou um relevo típico de morros arredondados, semelhantes a meias laranjas; florestas originais (mata atlântica) que cobriam essa porção do país foram quase totalmente devastadas. Região: Sudeste (Principalmente Litoral) Clima: Tropical Úmido Vegetação: Mata Atlântica (Quase Inexistente) O domínio mais povoado por estar localizado numa região mais desenvolvida. nas regioes serranas a mais chuva devido a massa de ar tropical(mata) e ventos alisios do sudeste.

6 Domínio das Caatingas: Relevo: da caatinga apresenta duas formações dominantes: planaltos e grandes depressões. Como você já viu, são comuns fragmentos de rochas na superfície do solo. Nas regiões de caatinga, o clima é quente com prolongadas estações secas e o regime de chuvas influencia na vida de animais e vegetais. Quando falamos em caatinga sempre vem às nossas cabeças a imagem de um ambiente árido, seco, com árvores quase sem folhas e esbranquiçadas. Bom, realmente é assim que a vegetação da caatinga se apresenta em grande parte do ano. Entretanto, em época de chuvas, a caatinga muda seu aspecto: a paisagem fica verde e aparecem até flores. Região: Nordeste Clima: Tropical Semi-Árido Vegetação:Arbustiva Problemas Ambientais: Desertificação: A ampliação da área atingida pelas secas; devido o desenvolvimento indiscriminado nas bordas do sertão pelo o avanço da pecuária extensiva. Salinização dos Solos: A grande concentração de sais minerais no solo. Devido as técnicas de irrigação que são adaptadas à região que expõe o solo aos raios solares, provocando a perda de água.

7 Domínio das Araucárias: Devastação Florestal: Atualmente, a vegetação de araucária – chamada de pinheiro-do-Paraná, ou pinheiro-braseleiro – pouco resta, as indústrias de celulose e madeireiras da região, fizeram um extrativismo descontrolado que resultou no desaparecimento total em algumas áreas. Região: Sul Clima: Subtropical ou Temperado Vegetação: Mata de Araucárias Relevo: Ocorre em áreas planálticas do Sul do Brasil, onde se encontra o fértil solo de terra roxa. Grande predominância de Araucárias (Araucaria angustifólia), como já diz o nome, e rios que pertencem à bacia do Paraná, e grande aproveitamento hidrelétrico.

8 Domínio das Pradarias: Relevo aplainado com suaves ondulações destacando-se as A pecuária extensiva com estâncias (fazendas de gado) é a principal marca da presença do homem nesse domínio. A área é dominada por uma vegetação rasteira, os campos, utilizados como pastagens. Devastação Florestal: A destruição de Matas Galerias nessa região associada a um aproveitamento predatório desse espaço tem provocado casos desertificação nesse domínio. Região: Sul Clima: Subtropical Vegetação: Herbáceas e Gramíneas


Carregar ppt "Trabalho sobre Domínio Morfoclimático Unidade de Ensino: SESI Disciplina: Geografia Professora: Andréia Alunos: Sérgio Pellis Mauro de Freitas Francisco."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google