A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

COESÃO E COERÊNCIA TEXTUAL. COESÃO E COERÊNCIA COERÊNCIA: unidade de sentido no texto. COESÃO: ligação entre os elementos superficiais do texto; o modo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "COESÃO E COERÊNCIA TEXTUAL. COESÃO E COERÊNCIA COERÊNCIA: unidade de sentido no texto. COESÃO: ligação entre os elementos superficiais do texto; o modo."— Transcrição da apresentação:

1 COESÃO E COERÊNCIA TEXTUAL

2 COESÃO E COERÊNCIA COERÊNCIA: unidade de sentido no texto. COESÃO: ligação entre os elementos superficiais do texto; o modo como eles se relacionam.

3 João Carlos vivia em uma pequena casa construída no alto de uma colina árida, cuja frente dava para leste. Desde o pé da colina se espalhava em todas as direções, até o horizonte, uma planície coberta de areia. Na noite em que completava 30 anos, João, sentado nos degraus da escada à frente de sua casa, olhava o sol poente e observava como a sua sombra ia diminuindo no caminho coberto de grama. De repente, viu um cavalo que descia para a sua casa. As árvores e as folhagens não o permitiam ver distintamente; entretanto observou que o cavalo era manco. Ao olhar de mais perto verificou que o visitante era seu filho Guilherme, que há 20 anos tinha partido para alistar- se no exército, e, em todo este tempo, não havia dado sinal de vida. Guilherme, ao ver seu pai, desmontou imediatamente, correu até ele, lançando-se nos seus braços e começou a chorar.

4 RELAÇÃO ENTRE COERÊNCIA E COESÃO Fenômenos distintos: justificativas a. a coesão contribui para estabelecer a coerência, mas não garante a sua obtenção; pode haver um sequenciamento coesivo de fatos isolados que não têm condição de formar um texto; b. pode haver textos destituídos de coesão mas cuja textualidade se dá ao nível da coerência.

5 COERÊNCIA A coerência é algo que se estabelece na interação, na interlocução, numa situação comunicativa entre dois usuários.

6 H Á TEXTOS INCOERENTES ? Texto incoerente é aquele em que o receptor (leitor ou ouvinte) não consegue descobrir qualquer continuidade de sentido, seja pela discrepância entre os conhecimentos ativados, seja pela inadequação entre esses conhecimentos e o seu universo cognitivo.

7 T EXTO COERENTE Texto coerente é o que faz sentido para seus usuários, o que torna necessária a incorporação de elementos cognitivos e pragmáticos ao estudo da coerência textual. (KOCH; TRAVAGLIA, 1993, p. 32)

8 COERÊNCIA: DE QUE DEPENDE, COMO SE ESTABELECE a. de elementos linguísticos (seu conhecimento e uso), bem como, evidentemente, da sua organização em uma cadeia lingüística e como e onde cada elemento se encaixa nesta cadeia, isto é do contexto lingüístico ;

9 b. do conhecimento de mundo bem como o grau em que esse conhecimento é partilhado pelo(s) produtor(es) e receptor(es) do texto, o que se reflete na estrutura informacional do texto, entendida como a distribuição da informação nova e dada nos enunciados e no texto, em função de fatores diversos;

10 c. de fatores pragmáticos e interacionais, tais como o contexto situacional, os interlocutores em si, suas crenças e intenções comunicativas, a função comunicativa do texto. (KOCH; TRAVAGLIA, 1993, p. 47)

11 COESÃO É a ligação correta entre os elementos de um texto, e deve ocorrer dentro de uma oração, entre as orações e entre os parágrafos. Uma dissertação argumentativa coesa, por exemplo, deve ter conectivos ligando os parágrafos, como Em primeiro lugar, Além disso, É preciso avaliar também... E na conclusão: Dessa forma, Dessa maneira, Assim… Eles são muito importantes para estabelecerem ganchos semânticos, e garantirem a continuação do raciocínio.

12 É a responsável pelo plano formal do texto. Ou seja, é a correta ordenação de ideias de maneira formal e gramatical. Para isso, temos que lançar mão de recursos coesivos, que são inúmeros, como pronomes, advérbios, sinônimos, entre outros. Além de retomar ou antecipar ideias do texto (coesão referencial), é preciso estabelecer um encadeamento lógico de ideias (coesão sequencial).

13 Por exemplo: a. Primeiro Parágrafo de Desenvolvimento: Em primeiro lugar, Primeiramente, Em uma primeira análise… b. Segundo Parágrafo de Desenvolvimento: Além disso, Um outro aspecto que deve ser abordado… c. Terceiro Parágrafo de Desenvolvimento: Por fim, Ainda, Em última análise… d. Conclusão: Portanto, Dessa forma, Dessa maneira, Assim, Logo…


Carregar ppt "COESÃO E COERÊNCIA TEXTUAL. COESÃO E COERÊNCIA COERÊNCIA: unidade de sentido no texto. COESÃO: ligação entre os elementos superficiais do texto; o modo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google