A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

RADIOATIVIDADE E ESTRUTURA ATÔMICA Átomo é formado por 3 partículas fundamentais: prótons e nêutrons no núcleo e elétrons na eletrosfera. Radioatividade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "RADIOATIVIDADE E ESTRUTURA ATÔMICA Átomo é formado por 3 partículas fundamentais: prótons e nêutrons no núcleo e elétrons na eletrosfera. Radioatividade."— Transcrição da apresentação:

1 RADIOATIVIDADE E ESTRUTURA ATÔMICA Átomo é formado por 3 partículas fundamentais: prótons e nêutrons no núcleo e elétrons na eletrosfera. Radioatividade é o estudo dos fenômenos que ocorrem no núcleo atômico. Reação nuclear é o processo pelo qual o núcleo de um átomo sofre algumas alterações. Nuclídeo é o nome dado a um núcleo caracterizado por um número atômico (Z) e um número de massa (A), onde (A = Z + n). Rádio nuclídeo ou radioisótopo é um nuclídeo emissor de radiação.

2 Tipos de radiação com emissões, e : Alfa - : quando um radionuclídeo emite uma partícula, seu número de massa diminui 4 unidades e seu número atômico diminui 2 unidades. Beta - : quando um radionuclídeo emite uma partícula, seu número de massa permanece constante e seu número atômico aumenta 1 unidade.

3 Gama - A emissão não é constituída por partículas e sim, por ondas eletromagnéticas emitidas por núcleos estáveis logo em seguida à emissão de uma partícula alfa ou beta. É importante dizer que de todas as ondas eletromagnéticas ( radiação, raio x, microondas, luz visível, etc), apenas a Gama é emitida pelos núcleos atômicos. Quando um àtomo emite partículas, e, dizemos que ele sofreu Decaimento Radioativo. Poder de Penetração e Efeitos Biológicos: (papel), (0,6 cm em Alumínio) e (Chumbo). Poder de Penetração: > >. Obs: ao atravessar tecidos biológicos, as partículas radioativas provocam a ionização de moléculas existente nas células. Produzindo reações químicas anormais e à destruição da célula ou alterações das suas funções. Exemplo de ~vários tipos de CÂNCER.

4 Cinética das emissões Radioativas Tempo de meia-vida / tempo de semidesintegração é o tempo necessário para metade da quantidade de um radionuclídeo presente em uma amostra sofra decaimento radioativo. Símbolo: t 1/ 2 ou P. Ex: Po 218 – 3 minutos -, I dias - e, U 238 – 4,5 bilhões de anos - e. Transmutação Nuclear: é a transformação de um nuclídeo em outro, provocada pelo bombardeamento com uma partícula.

5 Método de Datação do Carbono - 14 Existem 3 Isótopos do elemento Carbono: C-12 (98,9%), C-13 (1,1%) e o C-14 (0,000001%) único radioativo. C-14 é o menos abundante, radioativo forma-se na alta atmosfera, onde continuamente está ocorrendo uma transmutação nuclear causada pela colisão de nêutrons cósmicos (vindos do espaço) com átomos de nitrogênio do ar: N + n C + p Este C-14 formado incorpora-se a atmosféra na forma de CO 2. Que incorpora-se aos vegetais por intermédio da fotossíntese e por meio da cadeia alimentar incorporando-se aos animais herbívoros e aos carnívoros que alimentam-se destes herbívoros. Descobriu-se que o C-14 se desintegra na mesma velocidade com que ele se forma na alta atmosfera, desta forma sua porcentagem no planeta é constante, sendo exatamente a mesma na atmosfera e em todos os seres vivos ( 10 ppb )

6 C + N t 1/ 2 = 5730 anos Dizer que o teor de C-14 é 0,000001% equivale a dizer que em cada bilhão (10 9 ) de átomos de carbono, 10 são de C-14. Isso é o que dizer que há 10 ppb de C-14 em cada ser vivo e na atmosfera, logo, a cada 5730 anos esta quantidade diminui pela metade. Permitindo desta forma a datação de fósseis a partir desta quantificação de isótopos de C-14. Este método é possível pelo decaimento radioativo do C-14 pela emissão de partículas (Beta).


Carregar ppt "RADIOATIVIDADE E ESTRUTURA ATÔMICA Átomo é formado por 3 partículas fundamentais: prótons e nêutrons no núcleo e elétrons na eletrosfera. Radioatividade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google