A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Radioatividade. A Descoberta –O fenômeno da radioatividade foi descoberto pelo físico francês Henri Becquerel, em 1896. Becquerel realizou diversos estudos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Radioatividade. A Descoberta –O fenômeno da radioatividade foi descoberto pelo físico francês Henri Becquerel, em 1896. Becquerel realizou diversos estudos."— Transcrição da apresentação:

1 Radioatividade

2 A Descoberta –O fenômeno da radioatividade foi descoberto pelo físico francês Henri Becquerel, em Becquerel realizou diversos estudos e verificou que sais de urânio emitiam radiação semelhante à dos raios-X, impressionando chapas fotográficas.

3 A radioatividade é um fenômeno natural ou artificial, pelo qual algumas substâncias ou elementos químicos, chamados radioativos, são capazes de emitir radiações, as quais têm a propriedade de impressionar placas fotográficas, ionizar gases, atravessar corpos opacos à luz ordinária, etc. As radiações emitidas pelas substâncias radioativas são principalmente partículas alfa, partículas beta e raios gama.

4 A radioatividade é uma forma de energia nuclear, usada em medicina (radioterapia), e consiste no fato de alguns átomos como os do urânio, rádio e tório serem instáveis, perdendo constantemente partículas alfa, beta e gama (raios-X). O urânio, por exemplo, tem 92 prótons, porém através dos séculos vai perdendo-os na forma de radiações, até terminar em chumbo, com 82 prótons estáveis.

5 A radioatividade pode ser: Radioatividade natural: É a que se manifesta nos elementos radioativos e nos isótopos que se encontram na natureza e poluem o meio ambiente. Radioatividade artificial ou induzida: É aquela que é provocada por transformações nucleares artificiais.

6 Radiação alfa São fluxos de partículas carregadas positivamente, compostas por 2 nêutrons e 2 prótons (núcleo de hélio). São desviadas por campos elétricos e magnéticos. São muito ionizastes porém pouco penetrantes. Quando um radioisótopo (que possui núcleo instável) emite uma partícula alfa, seu número de massa (A) diminui 4 unidades e o seu nº. atômico diminui 2 unidades.

7 Radiação beta São fluxos de partículas originárias do núcleo, fato este que as distingue dos elétrons. Estas partículas tem a mesma natureza dos elétrons orbitais, e são resultantes da desintegração de nêutrons do núcleo. É desviada por campos elétricos e magnéticos. É mais penetrante porém menos ionizaste que a radiação alfa. Quando um radioisótopo emite uma partícula beta, o valor de sua massa não muda, e seu nº. atômico aumenta em 1 unidade.

8 Radiação gama São ondas eletromagnéticas. É o tipo mais penetrante de radiação. Não apresenta carga elétrica e não é afetada pelos campos elétricos e magnéticos. É uma radiação muito perigosa aos organismos vivos. Com o recebimento da Radiação Gama, pode-se alterar o material genético da pessoa, fazendo com que seus filhos tenham alta possibilidade de nascerem cegos, surdos, mudos ou com algum outro tipo de deficiência.

9 Radiações Alfa, Beta e Gama As radiações alfa ( a ) e beta ( b ) são partículas que possuem massa, carga elétrica e velocidade. Os raios gama ( g ) são ondas eletromagnéticas ( não possuem massa ), que se propagam com a velocidade de km/s.

10 Leis da Radioatividade 1ª Lei- quando um átomo emite uma partícula alfa, seu numero atômico diminui de duas unidades e sua massa atômica de quatro unidades. 2ª Lei- quando um átomo emite uma partícula beta, seu número atômico aumenta de uma unidade. As radiações gama não alteram o número atômico nem o número de massa do átomo. Quando um átomo emite uma partícula radioativa dizemos que ele sofreu uma desintegração.

11 Conclusão Os efeitos da radioatividade no organismos humanos podem desencadear reações que originam as mais diferentes doenças, chegando até a comprometer gravemente o indíviduo que fica exposto a mesma. A descoberta da Raio X ajudou e muito os profissionais da saúde a definir diagnósticos mais precisos, já que através do Raio X podemos visualizar as mais diferentes partes do carpo humano, detectando assim sua possíveis alterações. A exposição a radiação deve ser monitorada, desta forma o profissional que trabalha com radioatividade deve estar alerta aos limites de exposição estabelecidos, para que assim possa realizar seu trabalho normalmente sem causar danos na saúde. Nos que atuaremos diretamente dentro de hospitais, onde os equipamentos com radiação estão presentes devemos conhecer os cuidados que deveremos adotar ao estar perante a um procedimentos que esteja diretamente ligado a algum tipo de radioatividade.

12 Trabalho de Química 2ºANO A Alunas:Danieli Tavares Renata Teixeira Luana Bortot Marcia Garcia Profº:Marcia Tema: Radioatividade


Carregar ppt "Radioatividade. A Descoberta –O fenômeno da radioatividade foi descoberto pelo físico francês Henri Becquerel, em 1896. Becquerel realizou diversos estudos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google