A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Importância da Tecnologia da Informação INFORMÁTICA Agronomia Geografia Ecologia Oceanografia SR e Geoprocessamento.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Importância da Tecnologia da Informação INFORMÁTICA Agronomia Geografia Ecologia Oceanografia SR e Geoprocessamento."— Transcrição da apresentação:

1

2 Importância da Tecnologia da Informação INFORMÁTICA Agronomia Geografia Ecologia Oceanografia SR e Geoprocessamento

3 SIG – Sistema de Informação Geográfica Sensoriamento Remoto CAD Gerenciamento de BD Cartografia Computadorizada SIG Coletar, armazenar, manipular e apresentar dados raster (matriz bidimensional) Armazenar e recuperar atributos de dados não- gráficos Projetar e desenhar Recuperação de dados, classificação e geração automática de símbolos

4 Geoprocessamento

5

6 Dois métodos para representar dados espaciais em um SIG: Raster e Vetor

7 Dados RASTER:

8 RASTER: composto por uma grade de células

9 Representação dos pontos no modelo RASTER: células Que em uma imagem pode ser representado pelos pixels Representação de áreas no modelo RASTER

10 Representação de linhas no modelo RASTER Série de células interconectadas Representação de uma rede de drenagem pelo modelo RASTER

11 Configurações dos dados RASTER -Não fornecem localização precisa (a posição exata de um objeto dentro da célula é desconhecida); - A localização destas células é determinada por um sistema de coordenadas cartesianas; - Cada célula é representada por um atributo, geralmente expressa por um código numérico.

12 Configurações dos dados RASTER -Cada célula no modelo RASTER é associada a um único valor (atributo) -Vários atributos = vários arquivos

13 Associação entre dados RASTER e resolução espacial - Quanto maior a área que cada célula representa, MENOR a resolução espacial do dado RASTER.

14 ATENÇÃO!! O TAMANHO DO ARQUIVO AUMENTA COM O QUADRADO DA RESOLUÇÃO

15 Resumindo... -Dados RASTER requerem grande espaço em disco para armazenamento no computador; -Quanto maior a resolução espacial, maior o espaço necessário; - Dados RASTER comumente visualizados: scanner, fotografias digitais, etc...; - Imagens de Sensoriamento Remoto são exemplos de dados RASTER.

16 Dados VETORIAIS: -O espaço geográfico é assumido como contínuo; - A localização geográfica e a delimitação dos objetos precisa é possível (a limitação esta associada a capacidade computacional); - Representação dos objetos geográficos : PONTO, LINHAS E POLÍGONOS.

17 PONTOS -Determinado por um par de coordenadas; - Adimensional (não possui medidas); - Utilizado para representação pontuais (árvores, postes, localidades...) ou delimitações (cidades, estados, culturas agrícolas...).

18 LINHAS -Sequência de pontos conectados (no mínimo dois); - Unidimensional (quando um ponto material está se movimentando segundo uma reta, ou seja, em uma única direção); - Utilizado para representação de ruas, estradas, rios, etc...

19 LINHAS Linhas podem ser simples Ex: limite de municípios... ou complexas Ex: rede de drenagem

20 POLÍGONO -Sequência de pontos conectados, sendo que o primeiro e o último par de coordenadas são iguais; -Bidimensional (quando um ponto material está se movimentando sobre um plano, ou seja, em duas direções); -Utilizado para representar: corpos d´água, vegetação, classes de solos, etc...

21 Vantagens e Desvantagens Vantagens do modelo RASTER: Os dados possuem uma estrutura simples; operações de superposição são facilmente e eficazmente implementadas; altas variabilidades espaciais são eficazmente representadas; operações de modelagem e simulação são facilitadas porque cada unidade espacial tem a mesma forma e tamanho. Desvantagens do modelo RASTER: A estrutura dos dados ocupa muito espaço de memória; as relações topológicas são difíceis de serem representadas; transformações de projeção consomem muito tempo; o uso de grandes pixels, para reduzir o volume de dados, pode significar perda de informação.

22 Vantagens e Desvantagens Vantagens do modelo VETORIAL: Possui uma estrutura de dados compacta; permite uma codificação da topologia de forma eficaz; a recuperação e atualização de gráficos e atributos são realizados de forma eficiente, etc. Desvantagens do modelo vetorial: Estrutura de dados complexa; operações de superposição difíceis de ser implementadas, etc.

23 ATIVIDADE!!!! JÁ PENSANDO NO PROJETO QUE ESTÃO DESENVOLVENDO, PESQUISAR UM TRABALHO PUBLICADO EM UMA REVISTA, OU SIMPÓSIO/CONGRESSO QUE UTILIZE UMA TÉCNICA DE GEOPROCESSAMENTO QUE TAMBÉM POSSA SER UTILIZADA NO TEMA PROPOSTO DE SEU PROJETO. ATENÇÃO: A VIABILIDADE DA UTILIZAÇÃO DESTA TÉCNICA AO SEU PROBLEMA/SITUAÇÃO SERÁ AVALIADO NA PRÓXIMA AULA!!!


Carregar ppt "Importância da Tecnologia da Informação INFORMÁTICA Agronomia Geografia Ecologia Oceanografia SR e Geoprocessamento."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google