A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

© Célio Silvestre 1995-2004 CRITÉRIOS 2.0 Definindo os critérios para o tipo de obra escolhido A tela de apresentação possui um menu simples e rápido onde.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "© Célio Silvestre 1995-2004 CRITÉRIOS 2.0 Definindo os critérios para o tipo de obra escolhido A tela de apresentação possui um menu simples e rápido onde."— Transcrição da apresentação:

1 © Célio Silvestre CRITÉRIOS 2.0 Definindo os critérios para o tipo de obra escolhido A tela de apresentação possui um menu simples e rápido onde o usuário especifica todos os parâmetros necessários para os cálculos. Os botões já estão ordenados de maneira sequencial seguindo os passos necessários à configuração e uso do software para o cálculo, detalhamento e desenho de uma obra completa.

2 Selecionar um tipo de obra já cadastrado Para cada tipo de obra cadastrada, deveremos escolher as preferências para materiais, parâmetros, etc... Quando da criação de uma obra no MULTCALC ao selecionarmos o tipo que ela se enquadra, será suficiente para que o sistema utilize as preferências do modelo selecionado, como ponto de partida para as preferências da nova obra.

3 Preferências de materiais a utilizar nos calculos Selecionaremos materiais e iremos passo a passo definir as preferências de materiais para Lajes, Vigas, Pilares e Fundação o tipo de ferro e as bitolas a serem utilizadas pelo MULTCALC Definiremos a resistência do concreto Fck, a unidade das bitolas, o tamanho das barras,

4 Preferências de materiais a utilizar nos calculos Materiais para VIGAS o tipo de ferro e as bitolas a serem utilizadas pelo MULTCALC Definiremos a resistência do concreto Fck, a unidade das bitolas, o tamanho das barras,

5 Preferências de materiais a utilizar nos calculos Materiais para Pilares o tipo de ferro e as bitolas a serem utilizadas pelo MULTCALC Definiremos a resistência do concreto Fck, a unidade das bitolas, o tamanho das barras,

6 Preferências de materiais a utilizar nos calculos Materiais para Fundações o tipo de ferro e as bitolas a serem utilizadas pelo MULTCALC Definiremos a resistência do concreto Fck, a unidade das bitolas, o tamanho das barras,

7 Preferências de parâmetros a utilizar nos calculos Parâmetros de LAJES Cobrimento do ferro Espaçamento mínimo Espaçamento máximo Escala para desenho

8 Preferências de parâmetros a utilizar nos calculos Parâmetros de Vigas Veremos passo a passo os parâmetros de Vigas

9 Preferências de parâmetros a utilizar nos cálculos Parâmetros de Vigas Extremos semi engastados, quando selecionado, calcula a viga com os apoios extremos como se fossem um semi engaste resultando armadura negativa nos apoios externos da viga. Quando não estiver selecionado, calcula a viga como se os extremos fossem apoio. Altura mínima da viga para este piso Largura mínima da viga Define o acréscimo da altura sobre a anterior, quando o multcalc escolhe uma altura para atender as restrições impostas Cobrimento do ferro Para corrigir o efeito produzido pelo cálculo elástico que normalmente apresenta os momentos nos apoios mais elevado que nos vãos. A norma permite redis- tribuir em até 15% os momentos no apoio. O valor 15% permite uma distribuição mais equitativa e econômica para a solução da viga de concreto armado.

10 Preferências de parâmetros a utilizar nos cálculos Parâmetros de Vigas Utiliza porta estribos direto, quando selecionado o sistema coloca 2 ou 4 estribos dependendo da largura da viga, sendo sua área considerada no cálculo da armadura negativa. Quando não estiver selecionado o sistema coloca porta estribos só onde não há ferros negativos. Usa estribos duplos a partir de xx cmDesenha o gancho de fechamento Podemos definir se o detalhamento dos estribos vai ser feito em três faixas, esquerda centro e direita ou se somente uma faixa (quando selecionado). Quando for selecionado três faixas, definiremos o tamanho mínimo das faixas

11 Preferências de parâmetros a utilizar nos calculos Parâmetros de Vigas Usa ganchos. Permite a utilização de ganchos para o cálculo da ancoragem. Pouco usado devido o aumento da mão de obra na confecção das ferra- gens. Define de quantos em quantos ferros podemos utilizar nos desenhos. Por ex. se definirmos 1, cada ferro será de tamanho diferente e equivalerá a um ferro detalhado. O ideal e colocar um valor bem alto ex. 99 e o sistema utili- zará um para cada camada necessária, resultando um detalhamento mais simples e rápido para o armador. Ancoragens a direita e esquerda, positiva e negativa. Definiremos neste campo o valor mínimo da ancoragem quando ela existir. Se colocarmos O significará que quando necessária ela será (h-c) altura menos o cobrimento da armadura. Escala horizontal e vertical para o desenho de vigas.

12 Preferências de parâmetros a utilizar nos cáculos Parâmetros de Vigas Na escolha automática do h da viga que atenda a parâmetros pré-estabelecidos poderemos definir um percentual de tolerância, que resolve conflitos de condi- ções de contorno. Na verificação das vigas o percentual de tolerância também será valido. Itens verificados que aceitam tolerância: h 30%, Cortante maior que Máximo, Flecha Máxima, Fissuraçao.

13 Preferências de parâmetros a utilizar nos cálculos Parâmetros de Vigas Define que agregado será utilizado no concreto Define a bitola do vibrador

14 Preferências de parâmetros a utilizar nos cálculos Parâmetros para Pilares Serão vistos detalhadamente a seguir

15 Preferências de parâmetros a utilizar nos cálculos Parâmetros para Pilares Cobrimento do ferro. Espaçamento mínimo Espaçamento máximo Percentual máximo armadura Define se queremos trabalhar com pilares mais quadrados ou mais retangulares. Por ex. 5 sig- nifica pilares com até bw=x e h=5x Valor que será adicionado ao atual para verificar uma nova seção. Definição de valores múltiplos para simplificar o armador e o detalhamento. De quantos em quantos pisos tenta diminuir a seção do pilar. Para obter seção única informe 999 como número de pisos a reduzir a seção.

16 Preferências de parâmetros a utilizar nos cálculos Parâmetros para Pilares Valores de custo serão utilizados na geração dos relatórios e gráficos de consumo, para ter um relatório que represente a realidade deveremos fornecer os valores de custo o mais aproximado possível da realidade. O multcalc inicia a seção do pilar com a largura da parede no osso, e caso não passe nas verificações aumenta do valor previamente definido nos parâmetros. Caso você queira trabalhar diferente pode definir valores mínimos e máximos tanto para a menor quanto para a maior dimensão do pilar. Obs.: Caso você defina máximo insuficiente o programa não calculará os ferros para os pilares que necessitem seção superior a máxima.

17 Preferências de parâmetros a utilizar nos cálculos Parâmetros para Fundações (Sapatas e Blocos) A seguir uma análise detalhada dos parâ- metros de Sapatas e Blocos.

18 Preferências de parâmetros a utilizar nos cálculos Parâmetros para Fundações (Sapatas) Cobrimento do ferro Espaçamento Mínimo Espaçamento Máximo Menor dimensão da sapata. Altura até a qual o sistema detalha a sapata como uma caixa retangular sem os chanfros laterais. Lastro de concreto magro. Altura menor, calculada como 40% da altura maior preencha com 0, para definir um valor constante digite o valor neste mesmo campo. Preencha neste campo a pressão admissível do terreno Espaçamento do ferro múltiplo de 99, caso queira o valor calculado informe múltiplo de 1

19 Preferências de parâmetros a utilizar nos cálculos Parâmetros para Fundações (Blocos) Dimensões múltiplas de: Altura múltiplas de: Lastro de concreto magro. Estacas disponíveis na sua região. Bw, H e carga resistente. Quando a estaca for circular, informe Bw e H iguais ao Diâmetro da estaca.

20 Tabelas de insumos e utilização de lajes Configura materiais para execução de paredes e enchimento da lajes mistas Altura do material Largura do material Comprimento do material Código Descrição Peso Específico kg/m2.cm Navegação Adiciona e Altera

21 Tabelas de insumos e utilização de lajes Configura materiais para utilizar no revestimento de lajes. Código Descrição Peso Especifico kg/m3 Navegação Adiciona e Altera

22 Tabelas de insumos e utilização de lajes Configura as sobrecar- gas de acordo com o uso das lajes. Código Descrição Peso Especifico kg/m2 Navegação Adiciona, Altera

23 Tabelas de insumos e utilização de lajes Cadastra materiais para assentamento de pisos e argamassas para reboco. Código Descrição Peso Específico kg/m3 Navegação Adiciona e Altera

24 © Célio Silvestre CRIA OBRA NOVA 3.0 Definindo Dados geométricos da Obra. A tela de apresentação possui um menu simples e rápido onde o usuário especifica todos os parâmetros necessários para os cálculos. Os botões já estão ordenados de maneira sequencial seguindo os passos necessários à configuração e uso do software para o cálculo, detalhamento e desenho de uma obra completa.


Carregar ppt "© Célio Silvestre 1995-2004 CRITÉRIOS 2.0 Definindo os critérios para o tipo de obra escolhido A tela de apresentação possui um menu simples e rápido onde."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google