A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O COMPORTAMENTO INFORMACIONAL DE JOVENS ESTUDANTES DO ENSINO FUNDAMENTAL NA BIBLIOTECA ESCOLAR Alunos: Carla Onofre Luzimira de Abreu Patrícia Monfardini.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O COMPORTAMENTO INFORMACIONAL DE JOVENS ESTUDANTES DO ENSINO FUNDAMENTAL NA BIBLIOTECA ESCOLAR Alunos: Carla Onofre Luzimira de Abreu Patrícia Monfardini."— Transcrição da apresentação:

1 O COMPORTAMENTO INFORMACIONAL DE JOVENS ESTUDANTES DO ENSINO FUNDAMENTAL NA BIBLIOTECA ESCOLAR Alunos: Carla Onofre Luzimira de Abreu Patrícia Monfardini Pétalah Lotti Soraya Queiroz

2 SUMÁRIO Objetivo do estudo Universo e amostra Instrumento de coleta de dados Análise quantitativa dos dados mais significativos Inferências e questionamentos Considerações finais Referências

3 OBJETIVO DO ESTUDO Identificar o perfil dos usuários adolescentes do ensino fundamental que buscam informações para seu processo de aprendizado.

4 UNIVERSO E AMOSTRA Universo: estudantes do ensino fundamental da Escola Serviço Social da Indústria (Sesi) Newton Antônio da Silva. Amostra: 100 alunos do 9º período INSTRUMENTO DE COLETA DOS DADOS Questionários aplicados a meninos e meninas com idade média 14 anos. Carol Collier Kuhlthau é professora emérita de Biblioteconomia e Ciência da Informação da Universidade de Rutgers, onde dirigiu o programa de pós-graduação em biblioteconomia escolar, classificado em primeiro lugar no país pelos EUA News.

5 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 1 – Distribuição dos respondentes, por faixa etária Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

6 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 2 – Distribuição dos respondentes, por gênero – Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

7 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 3 – Local de Preferência pelos alunos para busca de informações para pesquisas escolares da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

8 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 4 – Meio de Preferência dos alunos para busca de informações para pesquisas escolares da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (SESI) – Belo Horizonte – 2014

9 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 5 – Uso por parte dos alunos dos recursos da biblioteca da escola para realização de trabalhos escolares da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

10 10 Gráfico 6 – Frequência com que os alunos utilizam da biblioteca escolar para realização de pesquisas escolares da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014 Fonte: Pesquisa de campo

11 Gráfico 7 – Resposta da Biblioteca para busca relacionada ás pesquisas pelos alunos da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (SESI) – Belo Horizonte – 2014

12 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 8 – Com qual frequência os bibliotecários realizam encontros fora da classe para auxílio na realização de pesquisas escolares - da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

13 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 9 – Dos Professores que orientam os alunos nas pesquisas escolares - da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

14 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 10 – Informações encontradas na biblioteca com auxílio dos professores no auxílio das pesquisas escolares – alunos do ensino fundamental da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

15 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 11 – Estímulo dos professores no hábito da leitura – alunos do ensino fundamental da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

16 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 12 – Grau de importância do computador para realização dos trabalhos escolares – alunos do ensino fundamental da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

17 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 13 – Uso da internet para realização das pesquisas escolares – alunos do ensino fundamental da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi ) – Belo Horizonte – 2014

18 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 14 – Preparo para realização das pesquisas escolares na internet – alunos do ensino fundamental da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi ) – Belo Horizonte – 2014

19 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 15 – Nível de importância de equipamentos para realização de pesquisas escoares – alunos do ensino fundamental da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi) – Belo Horizonte – 2014

20 Fonte: Pesquisa de campo Gráfico 16 – Grau de satisfação com o uso da internet para realização das pesquisas escolares – alunos do ensino fundamental da Rede de Ensino Serviço Social da Indústria (Sesi ) – Belo Horizonte – 2014

21 CONSIDERAÇÕES GERAIS Na realização desta pesquisa, constatou-se que os estudantes questionados na coleta de informações, que o computador e o notebook como instrumentos de pesquisas escolares são os mais utilizados; que a Internet é pela maioria dos entrevistados a fonte mais utilizável para realização das pesquisas escolares e que o preparo para pesquisar e o grau de satisfação com a resposta pela busca das informações é alto; percebeu-se também que o meio mais utilizado para este fim, são as pesquisas em meio on line na própria casa do aluno. Com relação ao uso da biblioteca, o estudo mostra que a minoria dos alunos a Procura para suas necessidades informacionais; apesar da pouca procura neste ambiente, os alunos quando auxiliados pelo professor em suas pesquisas, se sentem satisfeitos com a resposta que procuram, e que o trabalho do bibliotecário para com aluno, se restringe no ambiente interno, não havendo envolvimento para com os alunos fora desse ambiente.

22 22 CONSIDERAÇÕES GERAIS Também demonstrou a necessidade de se aprofundar estudos sobre métodos de análise de busca de informações Consideramos que para um estudo mais aprofundado da questão torna-se necessária a adoção de outros métodos necessários de se dar continuidade ao estudo de maneira mais ampla, utilizando outras abordagens como, por exemplo: entrevistas com os jovens, professores, direção da escola e pais/responsáveis; Os resultados obtidos nos permitem concluir que se deve explorar no adolescente uma visão diferente sobre o ato de pesquisar em biblioteca, e que o desenvolvimento de capacidades que tornem o jovem competente informacionalmente deve nortear todo o processo de ensino-aprendizagem, objetivando a realização de tarefas escolares.

23 23 REFERÊNCIAS CAMPELLO, B. A escolarização da competência informacional. Revista Brasileira Biblioteconomia e Documentação: Nova Série, São Paulo, v. 2, n. 2, p , dez LINS, G. S. Inclusão do tema competência informacional, e os aspectos tecnológicos relacionados, nos currículos de Biblioteconomia e Ciência da Informação f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Departamento de Ciência da Informação e Documentação, Universidade de Brasília, Brasília, 2007.

24 "Nós estudantes vivemos em busca da sabedoria, portanto devemos ter a sede do saber!" Merari Tavares OBRIGADA !


Carregar ppt "O COMPORTAMENTO INFORMACIONAL DE JOVENS ESTUDANTES DO ENSINO FUNDAMENTAL NA BIBLIOTECA ESCOLAR Alunos: Carla Onofre Luzimira de Abreu Patrícia Monfardini."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google