A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Universidade de São Paulo Escola de Enfermagem Karina Cardoso Meira Orientadora: Profª Dr ª Heloísa Helena Ciqueto Peres Didática em Enfermagem mediada.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Universidade de São Paulo Escola de Enfermagem Karina Cardoso Meira Orientadora: Profª Dr ª Heloísa Helena Ciqueto Peres Didática em Enfermagem mediada."— Transcrição da apresentação:

1 Universidade de São Paulo Escola de Enfermagem Karina Cardoso Meira Orientadora: Profª Dr ª Heloísa Helena Ciqueto Peres Didática em Enfermagem mediada pelo Computador: Avaliação Discente

2 Introdução LDB (Lei de Diretrizes e Bases da Educação) novas propostas curriculares para a enfermagem; LDB (Lei de Diretrizes e Bases da Educação) novas propostas curriculares para a enfermagem; Mudança da concepção da interação professor-aluno; Mudança da concepção da interação professor-aluno; Este novo panorama desafia os educadores a utilizarem as novas tecnologias da educação. Este novo panorama desafia os educadores a utilizarem as novas tecnologias da educação.

3 Há com a informática novas propostas de criação coletiva, de aprendizagem coletiva, de aprendizagem cooperativa e colaboração em rede, o que tem propiciado o questionamento do processo de trabalho nas instiuições, tanto empresas quanto escolas. (Libâneo, 1997) Introdução

4

5 Cronograma

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15 Caracterizar o perfil dos alunos em relação ao conhecimento de informática; Avaliar o site da Disciplina de Didática em Enfermagem quanto á forma, conteúdo e sua aplicação no ensino. Objetivos

16 Natureza do estudo: trata-se de uma pesquisa Natureza do estudo: trata-se de uma pesquisa quanti-qualitativa, exploratória e descritiva; População: alunos que cursaram a Disciplina de População: alunos que cursaram a Disciplina de Didática em Enfermagem no primeiro semestre de 2003; Coleta de dados: questionário constituído de duas partes sendo a primeira referente a caracterização dos alunos com 6 questões fechadas e outra sobre a avaliação do site com 11 questões fechadas e 4 dissertativas; Coleta de dados: questionário constituído de duas partes sendo a primeira referente a caracterização dos alunos com 6 questões fechadas e outra sobre a avaliação do site com 11 questões fechadas e 4 dissertativas; Análise dos dados: os dados obtidos foram registrados e tabulados no Excel e analisados segundo referencial de educação adotado. Análise dos dados: os dados obtidos foram registrados e tabulados no Excel e analisados segundo referencial de educação adotado. Material e Método

17 Caracterização dos alunos quanto à utilização do computador: 94,4% (34) dos alunos eram do sexo feminino e tinham a faixa etária entre anos; 94,4% (34) dos alunos eram do sexo feminino e tinham a faixa etária entre anos; 100% (36) dos alunos entrevistados utilizam o computador sendo que 34 (94,4%) possuem computador no domicílio ligado á Internet. 100% (36) dos alunos entrevistados utilizam o computador sendo que 34 (94,4%) possuem computador no domicílio ligado á Internet. Resultados e Discussão

18 Tabela1.Distribuição das atividades mais realizadas pelos alunos de graduação da EEUSP no computador, São Paulo,2003. Atividades realizadas no computador N% Digitação de trabalhos 3494,4 Internet 3391,3 Apresentação de trabalhos 3288,8 Pesquisa bibliográfica 3186, ,5 Aulas 411,1 Entretenimento 38,3 Sistema Júpiter 25,5

19 Gráfico 1. Grau de habilidade dos alunos da EEUSP em relação aos recursos da Internet, São Paulo,2003.

20 Gráfico 2. Distribuição das respostas obtidas na avaliação do site pelos alunos da EEUSP, São Paulo,2003

21 Avaliação dos aspectos favoráveis: Os discentes destacaram como pontos positivos a possibilidade de obter informações além da sala de aula, facilitando a aprendizagem, o acompanhamento da Disciplina, bem como, a organização das atividades e a comunicação entre a turma e os docentes. Também sugerem que este recurso seja utilizado em outras disciplinas. O que pode ser percebido pelas seguintes falas:...ele nos permite ter acesso a informações da matéria e ao trabalho dos nosso colegas.....o site melhorou a comunicação da turma.....muito bom facilita o aprendizagem.....ele e interessante,bem organizado e completo.....muito bom poderia ser utilizado em outras disciplinas. Resultados e Discussão

22 Avaliação dos aspectos desfavoráveis: Os alunos destacaram como pontos negativos o difícil acesso ao site e as suas informações, além da ausência de uma ferramenta que possibilitasse a ampliação da comunicação entre os docente e discentes. Alguns alunos, ainda, não viram importância na utilização do site como ferramenta de aprendizagem utilizando-o apenas para terem acesso ao material da Disciplina. O que pode ser percebido pelas seguintes falas:...e um bom recurso mas o acesso ás informações foi difícil....deveria ter mais estímulo para nos incentivar a acessá-lo....faltou um recurso que aumentasse a comunicação entre os docentes e os discentes.... não vi tanta importância em acessá-lo. Só usava para pegar as matérias das aulas. Resultados e Discussão

23 Considerações Finais No momento atual a utilização das tecnologias da informação na educação está em acelerado desenvolvimento e, dessa forma é importante que as escolas de enfermagem se envolvam neste contexto, para que os alunos e profissionais possam conhecer as potencialidades da utilização desses recursos em sua prática profissional; É importante considerar que o Projeto Político Pedagógico da escola e a perspectiva pedagógica adotada, são fatores intervenientes para o sucesso do processo ensino- aprendizado; A utilização de novos recursos tecnológicos aplicados no ensino não significa a resolução dos problemas educacionais, é necessário ocorrer uma mudança na concepção educacional de discentes e docentes.

24 ... não se pode mais adotar abordagens que vão na contramão do desenvolvimento tecnológico da sociedade contemporânea, ficando os professores presos às formas tradicionais de ensino. Há necessidade de superar esse papel histórico e cultural de docente, e reconstruir novos valores e uma nova relação professor-aluno, fundamentada no diálogo, na identificação das características individuais, das experiências de vida, bem como baseada na atitude do professor de facilitador da aprendizagem do aluno e no diagnóstico das necessidades educacionais. (Peres, 2001) Considerações Finais


Carregar ppt "Universidade de São Paulo Escola de Enfermagem Karina Cardoso Meira Orientadora: Profª Dr ª Heloísa Helena Ciqueto Peres Didática em Enfermagem mediada."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google