A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Sistema de Gestão da Qualidade Reunião de Análise Crítica Dez 2010 Jan/Fev/ 2011 Departamento de Gestão de Suprimentos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Sistema de Gestão da Qualidade Reunião de Análise Crítica Dez 2010 Jan/Fev/ 2011 Departamento de Gestão de Suprimentos."— Transcrição da apresentação:

1 O Sistema de Gestão da Qualidade Reunião de Análise Crítica Dez 2010 Jan/Fev/ 2011 Departamento de Gestão de Suprimentos

2 AGENDA DA REUNIÃO DE AC HOR Á RIORESPONS Á VELTEMACOMENT Á RIO 09:00-09:05DGS Introdu ç ão O Compromisso com a Qualidade A Pol í tica e Objetivos 09:05-09:30RD O Sistema de Gestão da Qualidade 09:30 – 10:00 DVLC INDICADORES SISTEMA DA QUALIDADE AS APRESENTA Ç ÕES DEVEM CONTEMPLAR A SITUA Ç ÃO DOS ROI. 10:00 – 10:15DGCC INDICADORES SISTEMA DA QUALIDADE 10:15 – 10:30 COFFEE-BREAK 10: 30 – 10: 45DGCC INDICADORES SISTEMA DA QUALIDADE 10: :00DVAQ INDICADORES SISTEMA DA QUALIDADE 11:00 – 11:15 DVAQ INDICADORES SISTEMA DA QUALIDADE DATA: 10/03/2011 LOCAL: SALA DO PREGÃO INICIO: 09:00 HORAS

3 Departamento de Gestão de Suprimentos AGENDA RD – 1/2 1- Treinamento – Como elaborar um ROI – AC e AP. 2- O Projeto : A Sustentabilidade e os Fornecedores. 3- A Reavaliação da Política da Qualidade.

4 Departamento de Gestão de Suprimentos AGENDA RD – 2/2 4- Resultados de Auditoria – Relatório 5- Realimentação de Cliente – Resultado da Pesquisa 6- Situação das ações preventivas e corretivas - ROI 7- Acompanhamento das ações oriundas de análises críticas anteriores pela direção.- Ata de Reunião anterior. 8- Mudanças que possam afetar o SGQ 9- Recomendações para melhoria. 1- Ação gerencial 2- Tratamento dos ROI

5 Para nunca esquecer...

6 Nossa Missão Suprir as necessidades de bens e serviços contribuindo para o desenvolvimento, crescimento e o alcance dos objetivos empresariais

7 Nossa Visão Ser, até 2020, o órgão padrão de excelência no suprimento de bens e serviços entre as empresas Eletrobrás

8 Buscar a satisfação dos nossos Clientes no suprimento das necessidades de bens e serviços e a melhoria contínua dos nossos processos, por meio do desenvolvimento dos nossos colaboradores e fornecedores, atendimento aos requisitos legais, de qualidade, de prazo, de custos, de controle e inovação dos processos. NOVA POLÍTICA DA QUALIDADE

9 A Alta Direção deve analisar criticamente o Sistema de Gestão da Qualidade, a intervalos planejados, para assegurar sua contínua pertinência, adequação e eficácia. Essa análise crítica deve incluir: a avaliação de oportunidades para melhoria e a avaliação de oportunidades para melhoria e necessidade de mudanças do Sistema de Gestão da Qualidade, incluindo a Política da Qualidade e Objetivos da Qualidade. necessidade de mudanças do Sistema de Gestão da Qualidade, incluindo a Política da Qualidade e Objetivos da Qualidade. Objetivo da Reunião

10 AGENDA DA REUNIÃO 1.Resultados de Auditoria 2.Realimentação de Cliente 3.Desempenho de processo e conformidade do produto 4.Situação das ações preventivas e corretivas 5.Acompanhamento das ações oriundas de análises críticas anteriores pela direção 6.Mudanças que possam afetar o SGQ e 7.Recomendações para melhoria.

11 O Macrofluxograma - DGS

12 PENDÊNCIAS DO SGQ

13 DescriçãoPrazoResponsávelTipo Projeto visão 2020ContínuoDGS Elaboração de plano de ação Elaboração dos ROI pelos empregados com coordenação e apresentação pela DVAQ contínuogerentes DGSAnálise dos gerentes ROI – aviso de pendências Próxima reunião DVAQ Não recebimento de aviso – já solucionado

14 Equipe DGS-Suprimentos DGS/DVAQDGS/DVLC DGS/DGCC DGS/DGCC Indicadores da Qualidade

15 SETOR DE CADASTRO DE FORNECEDORES Dez 2010 Jan/Fev/2011 DGS / DGCC

16 Indicador

17 Métrica do Indicador: razão entre processos analisados em até 10 dias e total de processos com análise concluída A meta a ser atingida é de 90% do total de processos analisados dentro de 10 dias

18 Monitoramentos

19 Prazo de análise dos processos

20 Cadastros Vencidos X Renovados

21 Fornecedores Cadastrados X Registrados O monitoramento referente ao mês de Março/2010 não foi registrado. A queda acentuada em Setembro/2010 deve-se à entrada em produção do SIG, que excluiu, na migração, os fornecedores sem movimentação há mais de 5 anos.

22 Atividades realizadas no mês O monitoramento do Acompanhamento de pregões eletrônicos iniciou-se a partir do mês de Julho/2010. O monitoramento de Empresas habilitadas em pregões eletrônicos iniciou-se a partir do mês de Setembro/2010.

23 CENTRAL DE ATENDIMENTO AO FORNECEDOR

24 Pendências e Compromissos

25 Compromissos com a Ata anterior Nenhum compromisso pendente.

26 Registros de Ocorrência NúmeroOcorrênciaStatus

27 Participações no Período

28 Participações no período - DEZEMBRO SEGTERQUAQUISEX 1 de dezembro2 de dezembro3 de dezembro 6 de dezembro7 de dezembro Pregão Presencial DES (Mariana) 8 de dezembro Tomada de Preços DES (Mariana) 9 de dezembro10 de dezembro Reunião Análise Crítica 13 de dezembro Auditoria Externa Qualidade 14 de dezembro Auditoria Externa Qualidade Tomada de Preços DES (Mariana) 15 de dezembro Pregão Presencial DGS (Mariana) 16 de dezembro17 de dezembro 20 de dezembro Curso SPED Contábil e Fiscal - Mariana 21 de dezembro22 de dezembro23 de dezembro24 de dezembro 27 de dezembro28 de dezembro29 de dezembro Tomada de Preços DES (Lívia) 30 de dezembro31 de dezembro

29 Indicador Jan/Fev/2011

30 Métrica do Indicador: razão entre processos analisados em até 10 dias e total de processos com análise concluída A meta a ser atingida é de 90% do total de processos analisados dentro de 10 dias

31 Monitoramentos

32 Prazo de análise dos processos

33 Cadastros Vencidos X Renovados

34 Fornecedores Cadastrados X Registrados O monitoramento referente ao mês de Março/2010 não foi registrado. A queda acentuada em Setembro/2010 deve-se à entrada em produção do SIG, que excluiu, na migração, os fornecedores sem movimentação há mais de 5 anos.

35 Atividades realizadas no mês O monitoramento do Acompanhamento de pregões eletrônicos iniciou-se a partir do mês de Julho/2010. O monitoramento de Empresas habilitadas em pregões eletrônicos iniciou-se a partir do mês de Setembro/2010.

36 CENTRAL DE ATENDIMENTO AO FORNECEDOR

37 Pendências e Compromissos

38 Compromissos com a Ata anterior Nenhum compromisso pendente.

39 Participações no Período

40 Participações no período - JANEIRO SEGTERQUAQUISEX 3 de janeiro4 de janeiro5 de janeiro6 de janeiro7 de janeiro 10 de janeiro11 de janeiro12 de janeiro13 de janeiro14 de janeiro 17 de janeiro18 de janeiro19 de janeiro20 de janeiro Dois Pregões Presenciais DES (Mariana e Lívia) 21 de janeiro 24 de janeiro25 de janeiro26 de janeiro27 de janeiro28 de janeiro Tomada de Preços DES (Lívia) 31 de janeiro Pregão Presencial DES (Mariana)

41 Participações no período - FEVEREIRO SEGTERQUAQUISEX 1 de fevereiro2 de fevereiro3 de fevereiro Tomada de Preços DES (Regina) 4 de fevereiro 7 de fevereiro Tomada de Preços DES (Lívia) 8 de fevereiro9 de fevereiro10 de fevereiro Tomada de Preços DES (Mariana) 11 de fevereiro 14 de fevereiro15 de fevereiro Tomada de Preços DGS (Mariana) 16 de fevereiro17 de fevereiro Pregão Presencial DES (Lívia) 18 de fevereiro 21 de fevereiro22 de fevereiro23 de fevereiro24 de fevereiro Curso Licitações (Janete) 25 de fevereiro Curso Licitações (Janete) Pregão Eletrônico DEG (Lívia) 28 de fevereiro

42 OBRIGADO! Responsável: Lourival da Silva Telefone para contato: (48)

43 Gestão de Contratos Avaliação de Desempenho e Orçamento Set/Out/Nov/2010 DGS / DGCC

44 Reunião de Análise Crítica Setor de Seguros, Gerenciamento de Riscos, Gestão de Transporte Internacional e Aduaneira SESTI Data: 10/12/2010 DGS/DGCC

45 Indicadores da Qualidade DVLC Dez/2010 Jan/Fev/2011

46 Tempo Médio de Processamento Janeiro/2011 MODALIDADEMETA (DIAS)JAN/ MESES DISP. VLR PREGÃO ELET

47 Tempo Médio de Processamento Fevereiro/2011 MODALIDADEMETA (DIAS)FEV/ MESES DISP. VLR PREGÃO ELET

48 Evolução Tempo de Processamento

49 Rela ç ão Or ç amento x Contrata ç ão MODALIDADEVLR. CONTRATADOVLR. OR Ç ADOVARIA Ç ÃODESCONTO DISP. VLR.R$ ,41R$ ,0091,03 %8,97 % P. E.R$ ,00R$ ,2069,37 %30,62 % TOTALR$ ,41R$ ,2069,79 %30,21 % Janeiro

50 Rela ç ão Or ç amento x Contrata ç ão MODALIDADEVLR. CONTRATADOVLR. OR Ç ADOVARIA Ç ÃODESCONTO DISP. VLR.R$ ,00R$ ,4491,00 %8,99 % P. E.R$ ,96R$ ,3982,34 %17,66 % TOTALR$ ,96R$ ,8382,77 %17,22 % Fevereiro

51 Distribui ç ão do Trabalho

52 Licita ç ões não Conclu í das – Jan-Fev/2011 Nº Licitação RCObjeto Area Requisit. Tipo de Processo Motivo CIRCUITO DEDICADODTL Pregão Elet. REVOGADA POR SOLICITAÇÃO DO DTL SCANNER MICROFILME DTL Pregão Elet. REVOGADA – ET DIRIGIDA PARA UM FABRICANTE – IMPUGNAÇÃO AÇUCAR REFINADODGS Cotação Elet. FRACASSADA – ORÇAMENTO INSUFICIENTE NOTEBOOK LEVEDTL Pregão Elet. FRACASSADA – ORÇAMENTO INSUFICIENTE

53 Nº Licitação RC\RSObjeto Area Requisit Tipo de Processo Motivo PORTA REVISTASDGS Cotação Elet. FRACASSADA – ORÇAMENTO INSUFICIENTE ENVELOPESDGS Cotação Elet. FRACASSADA – ORÇAMENTO INSUFICIENTE CAPACETES DE SEG.DGS Cotação Elet. DESERTA – PRAZO DE ENTREGA INSUFICIENTE SISTEMA DE TARIFAÇÃO DTL Pregão Elet. FRACASSADA – ORÇAMENTO INSUFICIENTE RECONSTRUÇÃO E REPARO DE TALUDES DEG TOMADA DE PREÇOS DESERTA Licita ç ões não Conclu í das – Jan-Fev/2011

54 Nº Licitação RCObjeto Area Requisit. Tipo de Processo Motivo Resgate de flora e restauração florestal na APP da UHSD DPM Pregão Elet. Fracassada – Orçamento insuficiente Aquisição de painel elétrico e gerador elétrico DPE Pregão Elet. Fracassada - Orçamento insuficiente Desmatamento da área de alague do reservatório da UHSD DPM Pregão elet. Fracassada – Habilitação Manutenção de poços de monitoramento - UHPJ DPMCPS Fracassada – Orçamento insuficiente Pesquisa histórica, bibliográfica e documental – SE Joinville Norte DPMCPS Fracassada – Orçamento insuficiente Implantação de 4 estações telemétricas - UHPJ DOS Pregão Elet. Fracassada – Qualificação técnica

55 Licita ç ões não Conclu í das – Fev/2011 Nº Licitação RC\RSObjeto Area Requisit Tipo de Processo Motivo PESQUISA DE SATISFAÇÃO COM ORG. SEM FINS LUCRATIVOS ARSCONVITE FRACASSADA – NÃO RECEBEMOS 3 PROPOSTAS MONTAGEM DE ESTANDE EXPO- LONDRINA ACS Dispensa – por valor CANCELADA POR SOLICITAÇÃO DA ACS.

56 Í ndice de Eficiência – Jan - Fev/2011 Aproveitamento no período de Dez, foi de 80%. De 87 processos iniciados 17 não foram concluídos. O índice é obtido pela relação entre o número de processos iniciados somados com os não concluídos e os processos finalizados no período.

57 Obrigado Divisão de Licitação e Contratos: Rodrigo de Oliveira Fernandes Elaboração: Israel Quint de Souza, Valdemir Rosado Goulart Apresentação: Rodrigo de Oliveira Fernandes Telefone para contato: (48)

58 Indicadores da Qualidade DVAQ Dez/2010 Jan/Fev/2011

59 A partir da análise dos Indicadores, relatamos o status dos processos buscando atingir os Objetivos da Qualidade.

60 Índice de atendimento IA = n° requisições atendidas nº requisições efetuadas Indica quão eficaz foi a gestão de estoque para atender às solicitações dos usuários.

61 Gráfico Índice Atendimento- Dez/2010

62 Gráfico Índice Atendimento- Jan/Fev

63 Gráfico Movimentações de Material Almoxarifado 876

64 Movimentações de Material Almoxarifado Valor

65 ALIENAÇÃO LOCALPREVISÃOSITUAÇÃO RMRS03/2011Em Andamento ABLU04/2011Em Andamento SMCAP05/2011Em Andamento

66 SEGTERQUAQUISEXSAB 14 de Dezembro Auditoria Externa 21 de Dezembro Leilão RMRO EVENTOS E PARTICIPAÇÕES

67 21 de Dezembro Leilão RMRO Valor Total Arrematado R$ ,00 Ágio obtido 0,48% LEILÃO REALIZADO

68 SEGTERQUAQUISEXSAB Apresentação de proposta de construção do novo AFLO para o AGA. 31 de janeiro GT Materiais EVENTOS E PARTICIPAÇÕES - JAN

69 SEGTERQUAQUISEXSAB 22 MARÇO REUNIÃO GT GESTÃO DE MATERIAIS 23 MARÇO REUNIÃO GT CATALOGAÇÃO DE MATERIAIS 24 MARÇO REUNIÃO CONJUNTA DOS GT. EVENTOS FUTUROS - RELEVANTES

70 OBRIGADO Fernando Kampfert RAMAL 7800

71

72 Indicadores da Qualidade DVAQ/SEQAL Dez/2010 Jan/Fev/2011

73 Indicadores

74 Indicador de conformidade

75 Indicador Conformidade Dezembro de 2010 Indicadores ENTRADASNC DEZ611 Descrição: PROJETOR MULTIMÍDIA, CONFORME E.T. DTL-0081/2010 Entregue: Na Projeção equipamento apresentou um mancha avermelhada no centro da projeção

76 Indicador Conformidade Jan-Fev de 2011 Indicadores ENTRADASNC JAN600 Indicadores ENTRADASNC FEV520

77 Indicador Conformidade

78 Indicador de conformidade MêsQtde RecebidaReprovados% jan/ ,00% fev/ ,00% mar/ ,24% abr/ ,63% mai/ ,89% jun/ ,00% jul/ ,33% ago/ ,44% set/ ,45% out/ ,00% nov/ ,11% dez/ ,36%

79 Índices SEQAL Valor e quantidade de materiais analisados. Mês 2007 Recebidos Mês 2008 Recebidos Mês 2009 Recebidos Mês 2010 Recebidos Mês 2011 Recebidos Jan52Jan69Jan44Jan42Jan 60 Fev44Fev50Fev26Fev50Fev 52 Mar46Mar58Mar71Mar63Mar 0 Abr55Abr84Abr86Abr32Abr 0 Mai93Mai45Mai107Mai37Mai 0 Jun70Jun30Jun54Jun60Jun 0 Jul85Jul127Jul70Jul45Jul 0 Ago54Ago56Ago28Ago54Ago 0 Set89Set96Set95Set66Set 0 Out67Out86Out52Out37Out 0 Nov68Nov79Nov26Nov53Nov 0 Dez64Dez104Dez66Dez61Dez 0 TOTAL Média mensal65,5873,6760,4250,009,33 Valor Recebido , , , , ,08 Média R$ /item8008,229460, , , ,95

80 Análise Critica de Requisição -2010

81 Análise Critica de Requisição PeriodoNº de RequisiçõesTempo de Processamento jan/11571,98 fev/11362,58

82 SEGTERQUAQUISEXSAB AURU - Almoxarifado de Uruguaiana = 135 itens ARMS - Almoxarifado da Regional de mato Grosso do Sul = 263 itens ARDO - Almoxarifado de dourados = 97 itens PARTICIPAÇÕES NO PERÍODO –DEZ/2010

83 SEGTERQUAQUISEXSAB ASEM - Almoxarifado do Sertão do Maruim = 194 itens 25 e 26/01 Treinamento GRI para eleboração do Relatório de Sustentabili- dade das empresas Eletrobras. PARTICIPAÇÕES NO PERÍODO –JAN/FEV/2011

84 Registros de Ocorrência SEQAL NúmeroOcorrênciaStatus

85 NúmeroOcorrênciaStatus Registros de Ocorrência SETAM

86 OBRIGADO! Responsável: Raul Sabatini Telefone para contato: (48)


Carregar ppt "O Sistema de Gestão da Qualidade Reunião de Análise Crítica Dez 2010 Jan/Fev/ 2011 Departamento de Gestão de Suprimentos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google