A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Novo Instrumento de Comercializacão Opcão Privada Novo Instrumento de Comercializacão Opcão Privada Porto Alegre-RS, 01 de mar;o de 2004.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Novo Instrumento de Comercializacão Opcão Privada Novo Instrumento de Comercializacão Opcão Privada Porto Alegre-RS, 01 de mar;o de 2004."— Transcrição da apresentação:

1 1 Novo Instrumento de Comercializacão Opcão Privada Novo Instrumento de Comercializacão Opcão Privada Porto Alegre-RS, 01 de mar;o de 2004

2 2 CONTRATOS DE OPÇÃO DE VENDA DE GRÃOS DE GRÃOS LANÇADOS PELO MAPA

3 3 São contratos de venda que dão ao produtor o direito, mas não a obrigação, de vender a sua produção para o Governo, numa data futura, a um preço previamente fixado, protegendo-o contra os riscos de queda nos preços. Definição

4 4 Recompensa a qualidade. Vantagens Exige armazém credenciado. Reduz os riscos do produtor garantindo-lhe a compra de seu produto. Permite planejamento de investimento. Assegura ao produtor uma renda e tranqüilidade, mesmo com oscilações de mercado.

5 5 COMO É A OPERAÇÃO COMO É A OPERAÇÃO MAPA OFERTA LEILÃO DE CONTRATOS, COM QUANTIDADE, PREÇO, DATA E PRAÇA DE EXERCÍCIO DEFINIDOS PRODUTOR ADQUIRE, COM PAGAMENTO DE PRÊMIO DE ARREMATE (0,5% SOBRE PREÇO DE EXERCÍCIO) NA DATA DO EXERCÍCIO OCORRE: (1) A ENTREGA DO PRODUTO – AGF (2) A DESISTÊNCIA DO COMPRADOR (3) A RECOMPRA OU REPASSE DO CONTRATO

6 6 SIMULAÇÃO CONTRATOS DE OPÇÃO MAPA SIMULAÇÃO CONTRATOS DE OPÇÃO MAPA

7 7 CONTRATOS DE OPÇÃO DE VENDA LANÇADOS PELO SETOR PRIVADO CONTRATOS DE OPÇÃO DE VENDA LANÇADOS PELO SETOR PRIVADO

8 8 GARANTIR PREÇO AO PRODUTOR (hedge) INDICAR AO MERCADO UM CAMINHO FUTURO DE PREÇO POTENCIALIZAR O APOIO DO GOVERNO NA COMERCIALIZAÇÃO AGRÍCOLA OBJETIVOS OBJETIVOS

9 9 PRODUTOS CANDIDATOS ALGODÃOALGODÃO ARROZARROZ TRIGOTRIGO MILHOMILHO CAFÉCAFÉ FEIJÃOFEIJÃO QUAIS PRODUTOS PODEM SER BENEFICIADOS QUAIS PRODUTOS PODEM SER BENEFICIADOS

10 10 FACILITAR AS COMPRAS ANTECIPADAS PELOS CONSUMIDORES REDUZIR A PRESSÃO SOBRE O ORÇAMENTO DAS OPERAÇÕES DE CRÉDITO APROXIMAR PRODUTORES E CONSUMIDORES DA CADEIA PRODUTIVA AMPLIAR O VOLUME DA PRODUÇÃO AMPARADA COM SEGURO DE PREÇO ESTIMULAR A PRODUÇÃO DE GRÃOS PARA ATENDER O CONSUMO INTERNO E AS EXPORTAÇÕES. DISPENSAR EXIGÊNCIA DE ARMAZÉM CREDENCIADO. VANTAGENS VANTAGENS

11 11 TODOS OS OPERADORES DO MERCADO QUE SE COMPROMETEREM A LANÇAR CONTRATOS DE OPÇÕES DE VENDA, NAS CONDIÇÕES PREVISTAS NO AVISO DE VENDA DO PRÊMIO. QUEM PODE PARTICIPAR QUEM PODE PARTICIPAR

12 12 LANÇAR CONTRATO DE OPÇÃO DE VENDA PRIVADO NAS CONDIÇÕES PREVISTAS NO AVISO ESPECIFICO DE LEILÃO DE PRÊMIO DO GOVERNO CONDIÇÕES PARA PARTICIPAR DO LEILÃO DE PRÊMIO CONDIÇÕES PARA PARTICIPAR DO LEILÃO DE PRÊMIO

13 13 LANÇADOR DO CONTRATO OPÇÃO DO CONTRATO OPÇÃO OPERADORES DO MERCADO LANÇADOR DO CONTRATO OPÇÃO DO CONTRATO OPÇÃO OPERADORES DO MERCADO COMPRADORES PRODUTORES E COOPERATIVASCOMPRADORES COOPERATIVAS 2º LEILÃO OPÇÃO OPÇÃO COMO PARTICIPAM COMO PARTICIPAMLANÇADOR DO PRÊMIO DO PRÊMIOMAPA/CONABLANÇADOR MAPA/CONAB COMPRADORESOPERADORES DO MERCADO DO MERCADOCOMPRADORESOPERADORES 1º LEILÃO PRÊMIO PRÊMIO

14 14 COMO SERÁ A OPERAÇÃO – 1º LEILÃO LEILÃO DE PRÊMIO DA CONAB COMO SERÁ A OPERAÇÃO – 1º LEILÃO LEILÃO DE PRÊMIO DA CONAB MAPA/CONAB OFERTA LEILÃO DE PRÊMIO DEFININDO OS PARÂMETROS DO CONTRATO DE OPÇÃO PRIVADO: QUANTIDADE - UF DE ENTREGA – PREÇO E DATA DE EXERCÍCIO CONSUMIDOR ADQUIRE O DIREITO AO PRÊMIO ASSUMINDO, OBRIGATORIAMENTE, O COMPROMISSO DE LANÇAR CONTRATO DE OPÇÃO DE VENDA PRIVADO CONFORME AS CONDIÇÕES DO ARREMATE. NÃO HÁ COBRANÇA DE PRÊMIO PARA PARTICIPAR

15 15 COMO SERÁ A OPERAÇÃO – 2º LEILÃO COMO SERÁ A OPERAÇÃO – 2º LEILÃO LEILÃO DE CONTRATO DE OPCÃO DE VENDA PRIVADO O ARREMATANTE DO LEILÃO DE PRÊMIO DA CONAB, OBRIGATORIAMENTE, LEILOA CONTRATO DE OPÇÃO DE VENDA PRIVADO, NAS CONDIÇÕES CONSTANTES DO AVISO ESPECÍFICO DE LEILÃO DE PRÊMIO QUANTIDADE, PREÇO, UF DE ENTREGA E DATA DE EXERCÍCIO

16 16 SIMULAÇÃO DE CONTRATO DE OPÇÃO PRIVADO SAFRA 2003/2004

17 17 MILHO - SIMULAÇÃO CONTRATOS PRIVADO MILHO - SIMULAÇÃO CONTRATOS PRIVADO

18 18 PREÇO DE MERCADO SIMULADO 2004 LIMITE MÁXIMO P/PAGAMENTO PRÊMIO R$ 16,00/60kg PREÇO DE MERCADO 2003 PREÇO DE EXERCÍCIO SIMULADO ,00 16,50 16,70 17,00 17,50 18,00 18, Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez MILHO – EXEMPLO GRÁFICO DE ATUAÇÃO MILHO – EXEMPLO GRÁFICO DE ATUAÇÃO

19 19 Média do Indicador de preços MILHO SP (semana anterior à data inicial de comprovação da operação) Verificar na tabela de deságios o valor efetivo do prêmio. Valor máximo BASE PARA O VALOR EFETIVO DO PRÊMIO BASE PARA O VALOR EFETIVO DO PRÊMIO Tabela simulada para cálculo do Prêmio efetivo

20 20 BASE PARA ABERTURA DO LEILÃO DE PRÊMIO BASE PARA ABERTURA DO LEILÃO DE PRÊMIO PRÊMIO DE ABERTURA DO LEILÃO SERÁ DEFINIDO COMO NÚMERO ÍNDICE 100 ( abertura) ( abertura) NÚMERO ÍNDICE 100 ( abertura) ( abertura)

21 21 VALOR EFETIVO DO PRÊMIO NA COMPROVAÇÃO VALOR EFETIVO DO PRÊMIO NA COMPROVAÇÃO HIPÓTESE A FECHAMENTO NO LEILÃO DE PRÊMIO = ABERTURA PRÊMIO INTEGRAL CONFORME A TABELA

22 22 Prêmio = R$3,00 Out/04 média indicador milho SP = R$15,50/60kg ABERTURA NO LEILÃO = 100 (índice) FECHAMENTO NO LEILÃO = 100 (índice) PRÊMIO = 100% DO CONSTANTE NA TABELA ABERTURA NO LEILÃO = 100 (índice) FECHAMENTO NO LEILÃO = 100 (índice) PRÊMIO = 100% DO CONSTANTE NA TABELA VALOR EFETIVO DO PRÊMIO NA COMPROVAÇÃO VALOR EFETIVO DO PRÊMIO NA COMPROVAÇÃO Prêmio = R$0,00 Out/04 média indicador milho SP > R$18,50/60kg

23 23 VALOR EFETIVO DO PRÊMIO NA COMPROVAÇÃO VALOR EFETIVO DO PRÊMIO NA COMPROVAÇÃO PRÊMIO COM O DESÁGIO, APLICADO SOBRE A TABELA APLICADO SOBRE A TABELA PRÊMIO COM O DESÁGIO, APLICADO SOBRE A TABELA APLICADO SOBRE A TABELA HIPÓTESE B FECHAMENTO NO LEILÃO DE PRÊMIO < ABERTURA

24 24 Out/04 média indicador milho SP = R$15,50/60kg Prêmio = R$3,00 x 0,9 = R$2,70 ABERTURA NO LEILÃO = 100 (índice) FECHAMENTO NO LEILÃO = 90 (índice) PRÊMIO = 90% DO CONSTANTE NA TABELA ABERTURA NO LEILÃO = 100 (índice) FECHAMENTO NO LEILÃO = 90 (índice) PRÊMIO = 90% DO CONSTANTE NA TABELA VALOR EFETIVO DO PRÊMIO NA COMPROVAÇÃO VALOR EFETIVO DO PRÊMIO NA COMPROVAÇÃO Prêmio = R$0,00 Out/04 média indicador milho SP > R$18,50/60kg

25 25 FINALIZAÇÃO DA OPERAÇÃO

26 26 PRAZO DE COMPROVAÇÃO PARA RECEBIMENTO DO PRÊMIO PRAZO DE COMPROVAÇÃO PARA RECEBIMENTO DO PRÊMIO Até 30 após o vencimento do exercício do Contrato de Opção de Venda NA CONAB

27 27 DOCUMENTOS QUE HABILITAM PARA O RECEBIMENTO DO PRÊMIO DOCUMENTOS QUE HABILITAM PARA O RECEBIMENTO DO PRÊMIO COMPROVANTE DE PAGAMENTO DO PREÇO DE EXERCÍCIO COMPROVANTE DE PAGAMENTO DO PREÇO DE EXERCÍCIO AO PRODUTOR OU COOPERATIVA AO PRODUTOR OU COOPERATIVA E OUTROS EXIGIDOS NO AVISO DO LEILÃO DE PRÊMIO. OUTROS EXIGIDOS NO AVISO DO LEILÃO DE PRÊMIO. COMPROVANTE DE PAGAMENTO DO PREÇO DE EXERCÍCIO COMPROVANTE DE PAGAMENTO DO PREÇO DE EXERCÍCIO AO PRODUTOR OU COOPERATIVA AO PRODUTOR OU COOPERATIVA E OUTROS EXIGIDOS NO AVISO DO LEILÃO DE PRÊMIO. OUTROS EXIGIDOS NO AVISO DO LEILÃO DE PRÊMIO. NA CONAB

28 28 PRAZO PARA PAGAMENTO DO PRÊMIO PRAZO PARA PAGAMENTO DO PRÊMIO Até 10 (úteis) após a comprovação da operação. NA CONAB

29 29 Secretaria de Política Agrícola MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO


Carregar ppt "1 Novo Instrumento de Comercializacão Opcão Privada Novo Instrumento de Comercializacão Opcão Privada Porto Alegre-RS, 01 de mar;o de 2004."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google