A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Canto e Música na Liturgia Encontro Litúrgico-Musical Paróquia N. Sra. Aparecida – Passos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Canto e Música na Liturgia Encontro Litúrgico-Musical Paróquia N. Sra. Aparecida – Passos."— Transcrição da apresentação:

1

2 Canto e Música na Liturgia Encontro Litúrgico-Musical Paróquia N. Sra. Aparecida – Passos

3 Refrão meditativo E nós cantaremos a mesma canção unidos no mesmo coração!

4 Afinal, cantamos na liturgia? Cantar NA liturgia Vira show!!! Cantar A liturgia Você faz parte do mistério celebrado

5 A importância dos ministérios litúrgico-musicais Desafios: Falta de critérios teológico-litúrgicos na escolha dos cantos e da música para as celebrações Maneira incorreta de tocar os instrumentos Falta de entrosamento entre instrumentistas, grupo de cantores, equipe de celebração, assembleia, etc Cuidado: Não se canta para o povo, mas com o povo

6 Quem canta na liturgia? Ministros(as) carecem de formação litúrgico- musical básica – Falta de critérios na escolha dos cantos – Maneira incorreta de tocar os instrumentos – Falta de entrosamento: instrumentistas, cantores, assembleia Não toco ou canto PARA o povo, mas COM o povo Diversos ministérios...

7 Regente ou animador Convém que haja um cantor ou regente de coro para dirigir e sustentar o canto do povo. (IGMR 104) Mostrar-se respeitoso, acolhedor Ensaiar as partes que cabem à assembleia: refrões, aclamações, ordinário da missa etc, antes da celebração Nunca diga: esse canto é difícil, feio... Expressão facial alegre e incentivadora

8 Coral Porção da assembleia dos fiéis que desempenha papel litúrgico particular Cantos que nunca devem ser executados apenas pelo coral: Glória e Santo Desafio: Corais especializados

9 Instrumentistas Cuidado com o estilo banda: volume excessivo, monopólio do canto, postura de show O som deles (instrumentos), no entanto, jamais deverá cobrir as vozes, de sorte que dificulte a compreensão dos textos. Calem-se quando o sacerdote ou o ministro pronunciarem em voz alta algum texto, por força de sua função própria (MS 64)

10 Salmista Requer formação técnica e litúrgico- musical adequada, com formação bíblico- litúrgica, espiritual, musical e prática. Antes eram os famosos cantos de meditação

11 Uso do microfone Utilizado em solos, salmodia, instrução...

12 O que cantar na liturgia?

13 1. Abertura Finalidade: constituir e congregar a assembleia, introduzindo-a no mistério que será celebrado. Exemplo: Senhor, vem salvar teu povo (Advento) 1. Somos povo reunido 2. A assembleia, no Advento, clama: Vem, Senhor!; 3. A dimensão dialogal-orante em todo o texto.

14 Exemplo: Canto quaresmal Refrão: Senhor, eis aqui o teu povo que vem implorar teu perdão; é grande o nosso pecado, porém, é maior o teu coração 1. Sabendo que acolhestes Zaqueu, o cobrador, e assim lhe devolveste tua paz e teu amor, também nos colocamos ao lado dos que vão buscar no teu altar a graça do perdão. 2. Revendo em Madalena a nossa própria fé, chorando nossas penas diante dos teus pés, também nós desejamos o nosso amor te dar, porque só muito amor nos pode libertar.

15 2. Kyrie - Glória Kyrie: é o canto da assembleia reunida que invoca e reconhece a infinita misericórdia do Senhor. Glória: O canto dos anjos na noite do nascimento de Cristo, Os louvores a Deus Pai, Os louvores seguidos de súplicas e aclamações a Cristo e final majestoso, incluindo o Espírito Santo

16 Glória a Deus, lá nos céus, e paz aos seus. Amém! 1. Glória a Deus nos altos céus! Paz na terra a seus amados! A vós louvam, Rei celeste, os que foram libertados. 2. Deus e Pai, nós vos louvamos, adoramos, bendizemos; damos glória ao vosso nome, vossos dons agradecemos 3. Senhor nosso, Jesus Cristo, Unigênito do Pai, vós, de Deus Cordeiro Santo, nossas culpas perdoai! 4. Vós, que estais junto do Pai, como nosso Intercessor, acolhei nossos pedidos, atendei nosso clamor! 5. Vós somente sois o Santo, o Altíssimo, o Senhor, com o Espírito Divino de Deus Pai no esplendor!

17 3. Salmo responsorial Concílio Vaticano II: valorizou o salmo responsorial ligando-o sempre ao sentido teológico da primeira leitura. É cantado em forma dialogal entre salmista e assembleia. Via de regra o salmo responsorial deve ser cantado; caso não seja, que se recite bem. – Refrão: melodia fluente e ritmo preciso – Estrofes: recitativo livre (tom salmódico).

18 4.Aclamação ao Evangelho e Oração universal Ritmo vigoroso e melodia brilhante, gerando clima de expectativa, pois o Senhor nos vai falar. Instrumentos musicais devem ressoar com o máximo de eloquência, juntamente com as vozes da assembleia. É composto de um ou mais aleluias (exceto na Quaresma) e um versículo, que pode ser entoado por um solista Oração universal: podem conter respostas cantadas

19 5. Canto das oferendas Criar um ambiente de alegria, partilha e louvor. Sensibilizar os fiéis para a generosidade e gratuidade, apresentando ao Pai os seus dons, simbolizados no pão e no vinho. Não precisa falar, necessariamente, de pão e de vinho e muito menos de oferecimento ou oblação, porém, a melhor fórmula é a apresentada pelo missal romano. Não é ofertório.

20 A liberdade haverá 1. As mesmas mãos que plantaram a semente aqui estão O mesmo pão que a mulher preparou aqui está O vinho novo que a uva sangrou jorrará no nosso altar! A liberdade haverá, a igualdade haverá E nesta festa onde a gente é irmão O Deus da vida se faz comunhão! (bis) 2. Na flor do altar o sonho da paz mundial A luz acessa é fé que palpita hoje em nós Do livro aberto o amor se derrama total no nosso altar! 3. Bendito sejam os frutos da terra de Deus Benditos sejam o trabalho e a nossa união Bendito seja Jesus que conosco estará além do altar!

21 6. Paz e Cordeiro Paz: pode ser solado ou canto breve sobre Jesus Cristo, o portador da paz. Cordeiro de Deus: Durante a fração do pão. É uma prece em forma de ladainha. A invocação Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós, pode ser repetida enquanto durar a fração do pão terminando-se sempre com as palavras dai-nos a paz.

22 7. Comunhão Exprime a união espiritual dos comungantes, demonstra a alegria dos corações e realça a índole comunitária da procissão para receber a eucaristia. Deve-se evitar cantos com excessivas doses de subjetivismo. Deve se evitar também os hinos eucarísticos utilizados na adoração ao Santíssimo. Eles ressaltam apenas o aspecto da presença real e carecem de outras dimensões. Cuidado com a primeira pessoa Se possível, que esteja em consonância com o Evangelho. Os dois cantos a seguir NÃO são litúrgicos

23 Sacramento da Comunhão (Diác. Nelsinho Corrêa) Senhor, quando te vejo no sacramento da comunhão, sinto o céu se abrir e uma luz a me atingir, esfriando minha cabeça e esquentando meu coração. Senhor, graças e louvores sejam dadas a todo momento. Quero te louvar na dor, na alegria e no sofrimento. E se em meio à tribulação, eu me esquecer de ti, ilumina minhas trevas com Tua luz. Jesus, fonte de misericórdia que jorra do templo; Jesus, o Filho da Rainha; Jesus, rosto divino do homem; Jesus, rosto humano de Deus Chego muitas vezes em Tua casa, meu Senhor, triste, abatido, precisando de amor, mas depois da comunhão tua casa é meu coração, então sinto o céu dentro de mim. Não comungo porque mereço, isso eu sei, oh meu Senhor, comungo pois preciso de ti. Quando faltei à missa, eu fugia de mim e de Ti, mas agora eu voltei, por favor aceita-me.

24 Faz um milagre em mim Regis Danese Como Zaqueu eu quero subir o mais alto que eu puder só pra te ver Olhar para Ti e chamar sua atenção para mim. Eu preciso de Ti, Senhor eu preciso de Ti, Oh! Pai Sou pequeno demais, me dá a Tua Paz, largo tudo pra te seguir. Entra na minha casa, entra na minha vida, mexe com minha estrutura, sara todas as feridas, me ensina a ter Santidade, quero amar somente a Ti, porque o Senhor é o meu bem maior, Faz um Milagre em mim.

25 8. Louvor final Não está previsto em regras litúrgicas o canto final Pode-se utilizar cânticos devocionais (Nossa Senhora, Santo do dia, missão, etc)

26 Um canto para cada tempo litúrgico Advento: vigilante espera da vinda do Senhor Natal: Alegria do Deus-Conosco Quaresma: Canto sombrio de penitência Páscoa: Alegria do Ressuscitado Tempo Comum: Riquezas e detalhes do Mistério Pascal de Cristo Santos e Mártires...

27 O uso do nome Javé Congregação para o Culto Divino: 29 de junho de 2008 YHWH: Deus, Senhor, Kyrios ou Adonai

28 Canto e Música na Liturgia Encontro Litúrgico-Musical Paróquia Senhor Bom Jesus dos Passos


Carregar ppt "Canto e Música na Liturgia Encontro Litúrgico-Musical Paróquia N. Sra. Aparecida – Passos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google