A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O JECrim foi instituído pela CF (art. 98, I) e regulamentado pela Lei nº 9.099/95. Juízes togados e leigos! O procedimento comum sumaríssimo é baseado.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O JECrim foi instituído pela CF (art. 98, I) e regulamentado pela Lei nº 9.099/95. Juízes togados e leigos! O procedimento comum sumaríssimo é baseado."— Transcrição da apresentação:

1

2 O JECrim foi instituído pela CF (art. 98, I) e regulamentado pela Lei nº 9.099/95. Juízes togados e leigos! O procedimento comum sumaríssimo é baseado na (art. 62): Oralidade; Informalidade (STJ: por exemplo, intimação telefônica); Economia processual; Celeridade; Objetivos: (1) a reparação do dano e (2) de preferência, a aplicação de pena não privativa.

3 INFRAÇÕES DE MENOR POTENCIAL OFENSIVO: contravenções penais e crimes comuns com pena máxima não superior a 02 anos (observado causas de redução no percentual mínimo, bem como causas de aumento em percentual máximo); OBS: Independente da pena, o JECrim não se aplica aos crimes militares (art. 90-A, da Lei nº 9.099/95), tampouco aos casos de violência doméstica (art. 41, da Lei nº /2006). OBS: Disposições do JECrim prevalecem perante o juízo comum e Tribunal do Júri (art. 60, §2º) Competência territorial: do lugar em que foi praticado (ação ou omissão) o crime (art. 63);

4 Com base na instrumentalidade das formas, o ato será válido se alcançar a finalidade. Sem prejuízo, não há nulidade. Atos processuais em outras comarcas solicitados por qualquer meio (fax, telefone, etc.) Necessidade de registrar (inclusive por meio magnético) apenas atos processuais principais

5 Citação real: na forma pessoal ou, não sendo possível, por mandado (art. 66, caput). Não localizado o acusado para citação pessoal, encaminhamento do processo ao juízo comum (art. 66, §1º) que adotará o procedimento sumário (art. 538 do CPP). Não se admite citação por edital no JECrim. Intimações: absoluta informalidade (art. 67). Aviso de comparecimento pessoal e necessidade de defesa técnica (art. 68).

6 Desnecessidade de inquérito policial; Ciente da ocorrência de infração de menor potencial ofensivo, deve a autoridade policial - civil ou militar, conforme STJ - lavrar termo circunstanciado (que deverá conter qualificação do réu, da vítima, descrição dos fatos, indicação das testemunhas, assinatura, etc.); Possibilidade de realização imediata de audiência preliminar (art. 70). Ex.: Juizados Especiais Criminais em estádios de futebol.

7 Estando todos presentes (juiz ou conciliador, MP, autor do fato, vítima, defensor), tentativa de composição dos danos civis (acordo de natureza não penal); Em casos de ação pública condicionada, ofendido pode apresentar representação verbal (art. 75) ou apresentá-la posteriormente, até o fim do prazo decadencial de 06 meses (ar. 75, §1º).

8 Com a representação do ofendido (nas hipóteses de ação pública condicionada) ou não sendo o caso de arquivamento (nas ações públicas incondicionadas) pode o MP (ou o querelante, segundo STJ) apresentar proposta de transação penal. Requisitos (art. 76, §2º): I – primariedade, ou seja, não ter sido condenado definitivamente nos últimos 05 anos (art. 64, I, do CP); II - não tenha aceitado transação penal nos últimos 05 anos; III – circunstâncias pessoais do agente ou circunstâncias do fato assim indicarem;

9 Aceita a transação penal: submissão ao juiz para homologar (art. 76, §4º). Não gera antecedentes criminais, tampouco efeitos civis (art. 76, §6º). Não aceita a transação penal: prosseguimento do processo, com oferecimento de acusação oral, caso não haja necessidade de diligências (art. 77). Da mesma forma, há a normal continuação do processo quando houver descumprimento da transação penal.

10 Via de regra, oferecimento de acusação oral (art. 77); OBS: sendo complexo o fato, pode o juiz encaminhar o feito ao juízo comum (art. 77, §2º). Lá serão oferecidas denúncia ou queixa por escrito. Reduzida a termo a acusação, se estiver presente o acusado, será pessoalmente citado (art. 78, caput); se ausente, citado pessoalmente ou por mandado e, no caso de não ser encontrado, envio dos autos ao juízo comum para adoção da citação editalícia (art. 78, §1º); OBS: Diante da celeridade, nenhum ato será adiado, com o juiz determinando, se necessária, a condução coercitiva (art. 80)

11 Audiência de instrução e julgamento (art. 81): Na data aprazada, estando todos presentes, o Juiz declarará aberta a audiência e dará a palavra ao defensor para apresentação de responda à acusação (sustentação oral do defensor, visando convencer o juiz a rejeitar a acusação). Recebendo a peça acusatória, o julgador (não sendo o caso de suspensão condicional do processo) ouve a vítima, testemunhas de acusação, testemunhas de defesa e, por fim, realiza o interrogatório. Encerrada a instrução, debates orais (acusação primeiro e depois defesa) e sentença (com dispensa do relatório, art. 81, §3º).

12 Contra decisão terminativa (sentença ou rejeição da acusação): apelação no prazo de 10 dias (art. 82); Contra omissão, obscuridade, contradição ou dúvida existente na sentença: embargos de declaração no prazo de 05 dias (art. 83), com suspensão do prazo recursal. Cabe recurso extraordinário ao STF (Súmula 640 do STF), mas não cabe recurso especial ao STJ (Súmula 203).

13 Com o trânsito em julgado (encerramento definitivo do processo), o JECrim é responsável apenas pela execução da pena isolada de multa (art. 84). Caso haja aplicação de pena de liberdade ou restritiva de direitos (art. 86), a execução deverá ser processada no juízo competente (normalmente uma Vara das Execuções Criminais).

14 (A) Necessidade de representação do ofendido nos crimes de lesões corporais leves ou culposas (art. 88); (B) Possibilidade de suspensão condicional do processo, quando a pena mínima for igual ou inferior a um ano (art. 89). Requisitos: que não esteja sendo processado, que não tenha sido condenado (nos últimos 05 anos), que não apresente circunstâncias pessoais desfavoráveis (art. 77, do CP).

15 Suspensão condicional do processo de 02 a 04 anos, consistente em (1) reparar o dano, (2) proibição de frequentar determinados locais, (3) proibição de se ausentar da comarca sem a devida autorização judicial e (4) comparecimento pessoal ao juízo; Sendo cumpridas as condições, extinção da punibilidade do agente. Não cumpridas as condições, o processo prossegue normalmente. OBS: Durante a suspensão condicional do processo fica suspensa a prescrição (art. 89, §6º)

16 TERMO CIRCUNSTANCIADO AUDIÊNCIA PRELIMINAR AUDIÊNCIA DE INSTRUÇÃO E JULGAMENTO Oferecimento de transação penal; Apresentação de acusação oral Resposta oral à acusação; Recebimento da acusação; Proposta de suspensão condicional do processo; Instrução criminal; Debates orais; Sentença;


Carregar ppt "O JECrim foi instituído pela CF (art. 98, I) e regulamentado pela Lei nº 9.099/95. Juízes togados e leigos! O procedimento comum sumaríssimo é baseado."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google