A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O CAPITALISMO E O ESPAÇO MUNDIAL O espaço geográfico é resultado da ação humana sobre a natureza ao longo da história. Nesse processo, o espaço natural.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O CAPITALISMO E O ESPAÇO MUNDIAL O espaço geográfico é resultado da ação humana sobre a natureza ao longo da história. Nesse processo, o espaço natural."— Transcrição da apresentação:

1 O CAPITALISMO E O ESPAÇO MUNDIAL O espaço geográfico é resultado da ação humana sobre a natureza ao longo da história. Nesse processo, o espaço natural e o espaço humanizado sofreram transformações. A criação de grandes mercados nacionais e a consolidação do capitalismo comercial formaram os primeiros grandes Estados- nacionais.

2 O CAPITALISMO E O ESPAÇO MUNDIAL Chegada dos europeus à América e a descoberta de novas rotas comerciais para regiões da Ásia. O comércio mundial intensificado na Europa. Mercadorias passaram a ser transportadas em rotas pelo oceano Atlântico, depois de contornar o continente africano.

3

4 Observe o cartum. O que essa imagem nos informa sobre o mundo atual?

5 C APITALISM O  busca do lucro  sociedade dividida em classes sociais  meios de produção podem ser propriedades privadas  economia de mercado - A produção de mercadorias e a geração de serviços destinam-se à comercialização  trabalho assalariado Principais características:

6 A PRIMEIRA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL - CAPITALISMO INDUSTRIAL A Revolução Industrial, ao elevar ainda mais o grau de interdependência entre os países, reorganizou o espaço mundial.  Inglaterra, 2ª metade do séc. XVIII  Expansão para outros países da Europa, a partir do séc. XIX Principais invenções: máquina a vapor e tear mecânico Principal fonte de energia do período: carvão mineral Revolução nas técnicas de produção - sistema fabril Organização do trabalho Livre comércio Desenvolvimento do transporte ferroviário Ampliação do mercado mundial Quadro de Alexander Smith

7 REVOLUÇÃO AGRÍCOLA E URBANIZAÇÃO Revolução Industrial Revolução Agrícola na Europa produção de instrumentos para o trabalho na terra modificação do sistema de propriedade organização de trabalho no campo promove o aumento da produtividade expulsa uma grande quantidade de pessoas das áreas rurais.

8 A S EGUNDA R EVOLUÇÃO I NDUSTRIAL 2ª metade do século XIX bases tecnológicas foram o motor a explosão, a hidroeletricidade (invenção da energia elétrica) e o petróleo desenvolvimento da indústria pesada — metalúrgica, siderúrgica, de máquinas e equipamentos industriais Novos produtos: automóveis e eletrodomésticos mudanças significativas na economia mundial

9 Algumas empresas se associaram para alargar sua capacidade produtiva e competitiva. Instituições financeiras começaram a participar diretamente da atividade industrial, por meio da formação das S/A (Sociedades Anônimas, cujo capital é constituído por ações ). Ações: são papéis, emitidos por sociedades anônimas, que representam a menor parte do capital de uma empresa. O investidor em ações passa a ser co-proprietário da sociedade anônima (acionista), participando dos seus lucros ou prejuízos. As ações são negociadas nas bolsas de valores. Bolsa de Valores de Nova York, Wall Street, década de 1920.

10 No final do século XIX, a fusão entre o capitalismo industrial e o capital financeiro e as indústrias levou ao aparecimento de empresas gigantescas, com alto nível de tecnologia.  Fusão: é a integração de duas ou mais empresas para a formação de uma nova sociedade. A Standard Oil, em seu crescimento astronômico, podia ser vista como um polvo, que engolia seus concorrentes e ameaçava o poder do governo dos Estados Unidos.

11 O personagem em destaque no cartum é John Davson Rockefeller, fundador da Standard Oil Company. Qual imagem de John Rockefeller o cartunista transmite? A partir da Segunda Revolução Industrial, a Inglaterra foi gradativamente deixando de ser o centro do sistema capitalista e teve que dividir essa posição com os Estados Unidos, Alemanha e Japão, países que incorporaram mais rapidamente as novas tecnologias e saíram à frente na produção e no desenvolvimento de novos produtos.

12 O IMPERIALISM O Entre a 2ª metade do século XIX e o início do XX nova etapa produtiva: A indústria ampliou a produção numa escala muitas vezes maior que a capacidade de consumo dos países industrializados busca de novos mercados e de fontes de matérias-primas O período de disputa e de divisão do mundo entre as grandes potências constituiu a fase imperialista do capitalismo, responsável por importantes conflitos, entre eles as duas guerras mundiais no século XX.

13

14 A T ERCEIRA R EVOLUÇÃO I NDUSTRIAL – A ATUAL FASE DO SISTEMA CAPITALISTA Após a Segunda Guerra Mundial EUA: principal expoente do sistema capitalista Conferência de Bretton Woods – definição de uma nova ordem econômica, que estimulava a retomada do desenvolvimento capitalista e a maior integração da economia mundial. Criação do Banco Mundial (instituição provedora de recursos necessários à criação de infra-estrutura nos países subdesenvolvidos), FMI e o Gatt (iniciais em inglês de Acordo Geral sobre Tarifas e Comércio

15  O FMI foi criado para estimular o comércio internacional, promover ajuda econômica e fornecer assessoria técnica aos seus países membros que viessem a apresentar problemas financeiros. Esse organismo estabeleceu as regras básicas das relações financeiras internacionais.  O Gatt foi a terceira instituição criada com o objetivo de regulamentar o comércio mundial. Em 1º de janeiro de 1995, o Gatt foi substituído pela OMC (Organização Mundial do Comércio). Essas três instituições são interdependentes. Os países que não respeitam as regras estabelecidas pela OMC não têm acesso aos recursos financeiros do FMI e do Banco Mundial. Do mesmo modo, o Banco Mundial só libera os recursos aos países que orientam a sua economia de acordo com as metas aceitas pelo FMI. Essas organizações vieram fortalecer o sistema de trocas de mercadorias e de serviços entre os países capitalistas. Essas três instituições são interdependentes. Os países que não respeitam as regras estabelecidas pela OMC não têm acesso aos recursos financeiros do FMI e do Banco Mundial. Do mesmo modo, o Banco Mundial só libera os recursos aos países que orientam a sua economia de acordo com as metas aceitas pelo FMI. Essas organizações vieram fortalecer o sistema de trocas de mercadorias e de serviços entre os países capitalistas.

16 A) Qual a intenção de Mafalda ao dizer que é um presidente? B) Por que a resposta da mãe deixou Mafalda sem ação?

17 U M MUNDO MAIS INTERLIGADO Período pós-Segunda Guerra Mundial Comércio internacional cresce em ritmo acelerado Forte interdependência entre pessoas e empresas de países diferentes Processo de centralização do capital, por meio de fusões e aquisições corporações transnacionais Formação de corporações transnacionais Desenvolvimento tecnológico caracterizado pela aplicação de diversas tecnologias ligadas à informática, às telecomunicações e à microeletrônica. Formação de oligopólios mundiais

18 Corporação transnacional: termo utilizado para se referir às empresas multinacionais. É formada por grandes grupos empresariais (indústrias, empresas de comércio, bancos) que possuem uma sede em um país e filiais em muitos outros países. A maioria das multinacionais tem sede nos países desenvolvidos. Essas transformações provocam uma padronização do estilo de vida e do consumo, e manifestam-se em novas formas de lazer e de expressão cultural. Surgem novas profissões que exigem dos trabalhadores melhor qualificação profissional e domínio de novas habilidades.

19

20 Trabalhadores na tecelagem, Trabalhadores em indústria, Observe as imagens: 1 2 Linha de montagem em indústria, Exploração de petróleo, 1919.

21 Relacione a mensagem do cartum acima com as características do mercado de trabalho nos dias atuais.

22 S OCIALISMO Assim como o capitalismo, o socialismo é um sistema que organiza a vida política, social e econômica de uma sociedade. A partir da segunda metade do século XIX, as idéias socialistas tiveram grande impulso. Os principais teóricos do sistema socialista foram Marx e Engels. Daí a expressão marxismo para se referir à teoria socialista.

23

24 G UERRA FRIA A Guerra Fria estabeleceu um clima tenso entre as grandes potências do pós- Segunda Guerra.

25 Definição: conflito político, ideológico e militar entre as duas grandes potências do pós-2ª Guerra Mundial: EUA CAPITALISMO URSS COMUNISMO X

26  Corrida armamentista é o processo pelo qual um país busca armar-se com o intuito de proteger-se de outro. Ao mesmo tempo, um país sente-se ameaçado pelo aumento do poder militar do outro, investindo em seu aparato de defesa. Com isso, surge um círculo vicioso, no qual ambos países se armam em decorrência da desconfiança mútua. A exemplo disso: os Estados Unidos e a União Soviética, disputavam poder tanto em armas, quanto em tecnologia diversificada, como por exemplo: foguetes. Enquanto um país fabricava um foguete para chegar à Lua, o outro preparava outro foguete, melhor, para levar um homem à Lua.

27

28

29 Ícones da felicidade:  Nos EUA : valorização da riqueza material, individualismo, consumismo, democracia.  Na URSS : bem estar social, igualdade, simplicidade, glorificação do stalinismo, censura a arte ocidental (burguesa), coletivismo.

30 C ARACTERÍSTICAS GERAIS DA G UERRA F RIA : Disputa tecnológica. Corrida espacial. Espionagem (CIA X KGB). Busca de aliados. Conflitos regionalizados. Difamações.

31 Cidadão do lado Oriental ajudam a construir o Muro de Berlim em 1961 O "muro da vergonha" dividiu a Alemanha e o mundo Nas primeiras horas do dia 13 de agosto de 1961, um grupo de militares já estava bem adiantado na tarefa de cercar os portões de Brandenburgo com arame farpado

32 Principais diferenças entre o Capitalismo e o Socialismo - falta de liberdade econômica com grande intervenção do governo na economia. - salários controlados e definidos pelo governo. - preços controlados pelo governo. - investimentos feitos apenas pelo Estado. - baixa desigualdade social. - inexistência de classes sociais. - fábricas, fazendas, bancos controlados pelo governo. - a renda derivada da produção é socializada entre os trabalhadores. - o governo garante o necessário (educação, saúde, alimentação) para a sobrevivência das famílias. Baixíssimo índice de pobreza. - sistema de educação e saúde público.

33

34

35 F IM DA G UERRA F RIA A queda do muro de Berlim: celebração de uma Nova Ordem Mundial.

36


Carregar ppt "O CAPITALISMO E O ESPAÇO MUNDIAL O espaço geográfico é resultado da ação humana sobre a natureza ao longo da história. Nesse processo, o espaço natural."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google