A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A SEGUNDA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Revolução Científico-Tecnológica.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A SEGUNDA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Revolução Científico-Tecnológica."— Transcrição da apresentação:

1 A SEGUNDA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Revolução Científico-Tecnológica

2 REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Revolução ou Evolução? Conceito: Processo de transformação das manufaturas em maquinofaturas iniciado na Inglaterra (século XVIII), consolidando o capitalismo e o poder da burguesia. Esse processo não aconteceu ao mesmo tempo... e nem da mesma forma em todos os lugares.

3 Segunda Revolução Industrial Século XIX – pós Expansão: Europa, EUA e Japão. Estreita relação entre ciência e técnica. Aço; Eletricidade; Petróleo. Novas formas de indústrias e empresas. Capitalismo financeiro-monopolista. Imperialismo ou Neocolonialismo (Ásia e África).

4 A ciência e a Segunda Revolução Industrial Pesquisa científica Progresso técnico Aumento da produção $$$ Acúmulo de capitais Grandes Investimentos

5 Inventos de destaque Indústria de armas, construção civil, construção naval etc. 1. Conversor Bessemer, que atuou no processo de fabricação do Aço Indústrias variadas, transportes e residências. 2. Dínamo, máquina que produz eletricidade. Automóveis, locomotivas, navios. 3. Motor de combustão interna. E, a partir de 1870, como aproveitar o petróleo e seus derivados (gasolina, diesel etc.) nesses motores.

6 OUTROS INVENTOS Novos meios de comunicação: o telefone e o telégrafo. Novos meios de transporte: a produção e a modernização do automóvel, do bonde elétrico, da bicicleta, do avião, do trem, etc.

7 A vida nas grandes cidades Muitas famílias da burguesia, foram morar em amplas casas cercadas por bosques e jardins, longe do centro das cidades Tinham acesso aos serviços de esgoto, de água encanada e de eletricidade. Principais consumidoras dos novos produtos industrializados de luxo, como os utensílios domésticos, os automóveis e as máquinas fotográficas. Tinham bastante tempo para o lazer. Tais como: esportes, teatro, ópera, passeios no campo, bailes e saraus.

8 Nos bairros operários, que geralmente ficavam próximos às indústrias, não havia rede de esgoto nem abastecimento de água e gás. Além disso, a poluição causada pelas fábricas provocava sérios problemas de saúde nos moradores desses bairros. Os bairros operários

9 Fases do Capitalismo Primeira Revolução Industrial Capitalismo Industrial (fase liberal ou concorrencial) o Segunda metade do século XVIII. o Inglaterra/ França/ Bélgica/ Holanda. o Livre concorrência entre empresas e países. o Predomínio da indústria sobre o comércio e as finanças. o Empresas pequenas e médias, geralmente sob direção familiar. Segunda Revolução Industrial Capitalismo Financeiro (fase monopolista) o Final do século XIX. o Europa/ EUA/ Japão. o Monopólios: limitaram a livre concorrência, as pequenas e as médias empresas. o Controle dos bancos e instituições financeiras (empréstimos e ações) sobre a indústria e o comércio. o Formação de grandes empresas, devido a acumulação de capital, controlando o mercado.

10 A concentração de capital HOLDING Empresas financeiras que controlam complexos industriais através da posse de suas ações TRUSTE Empresas que absorvem seus concorrentes controlando a produção, preços e dominando o mercado. CARTEL Empresas de um mesmo ramo que se associam para evitar a concorrência dividindo os mercados.


Carregar ppt "A SEGUNDA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Revolução Científico-Tecnológica."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google