A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Papel do Conselho Regional de Farmácia e do Farmacêutico na Saúde Pública.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Papel do Conselho Regional de Farmácia e do Farmacêutico na Saúde Pública."— Transcrição da apresentação:

1 Papel do Conselho Regional de Farmácia e do Farmacêutico na Saúde Pública

2 Atribuições do Farmacêutico As atividades clínicas do farmacêutico visam proporcionar cuidado ao paciente, família e comunidade, de forma a promover o uso racional de medicamentos e otimizar a farmacoterapia. Serviços Farmacêuticos. Prescrição Farmacêutica.

3 Farmacêutico no SUS Atuação em Gestão da AF (seleção, programação e aquisição); Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) Unidade Básica de Saúde (UBS).

4 Farmacêutico no SUS O farmacêutico participa do PSF de duas formas: 1)em Assistência Farmacêutica, nas unidades de dispensação de medicamentos das UBS; 2) integrando a equipe de saúde da família que atende à população no PSF, algo consideravelmente relevante na prevenção de doenças, diminuindo o sofrimento humano.

5 O CRF-RJ O CRF-RJ foi criado pela Lei 3820/60, modificado pela Lei 9120/95, com a finalidade de fiscalizar o exercício profissional, segundo os princípios éticos, e de promover a Assistência Farmacêutica, como parte integrante e fundamental das ações de saúde pública. Desta forma, deve ser entendido como uma instituição da sociedade que, por delegação de poder público, zela pela garantia de que a atividade farmacêutica, no âmbito de sua jurisdição, seja exercida por profissionais legalmente habilitados e conscientes da importância do seu papel social.

6 Atribuições do CRF-RJ Defender o âmbito profissional e esclarecer dúvidas relativas à competência do profissional farmacêutico; Garantir, em suas respectivas áreas de jurisdição, que a atividade farmacêutica seja exercida por profissionais legalmente habilitados; Habilitar o farmacêutico, por meio de inscrição, para o exercício legal da profissão; Manter registro sobre o local de atuação do farmacêutico junto ao mercado de trabalho

7 Um novo CRF-RJ Nova diretoria; Comissão de Assistência Farmacêutica no SUS, participação em reuniões em conjunto com o Cosems/RJ e SES/RJ; Capacitação direcionada para atuação do Farmacêutico no SUS.

8 Antes de ser uma obrigação, é um direito da população contar com a prestação de assistência farmacêutica e a assistência à saúde.

9 Obrigado Dr. Marcus Athila Presidente do CRF-RJ


Carregar ppt "Papel do Conselho Regional de Farmácia e do Farmacêutico na Saúde Pública."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google