A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Profª. Luciana Balduíno. Definição: Adjetivo é a palavra variável em gênero, número e grau que caracteriza o substantivo, indicando-lhe qualidade, estado,

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Profª. Luciana Balduíno. Definição: Adjetivo é a palavra variável em gênero, número e grau que caracteriza o substantivo, indicando-lhe qualidade, estado,"— Transcrição da apresentação:

1 Profª. Luciana Balduíno

2 Definição: Adjetivo é a palavra variável em gênero, número e grau que caracteriza o substantivo, indicando-lhe qualidade, estado, modo de ser ou aspecto. Homem - bom Pessoa - doente Mulher - honesta Dia - chuvoso Carro - sujo

3 Classificação dos Adjetivos: a) simples: quando apresentam um único radical. Ex: Dia interminável, comida saborosa. b) composto: quando apresentam mais de um radical. Ex: Acordo nipo-lusitano, olho castanho-claro

4 Profª. Luciana Balduíno Classificação dos Adjetivos: c) primitivos: quando não provêm de outra palavra da língua portuguesa. Ex: Gravata amarela. d) derivados: quando provêm de outra palavra da língua portuguesa. Ex: Gravata amarelada.

5 Profª. Luciana Balduíno Locuções Adjetivas: Locução adjetiva é a expressão formada de preposição + substantivo (ou advérbio), com valor de adjetivo. Dia - de chuva (chuvoso) Atitudes - de anjo (angelicais) Pneu - de trás (traseiro) Menino - do Brasil (brasileiro)

6 Profª. Luciana Balduíno Flexão de Gênero: No que se refere ao gênero, a flexão dos adjetivos é semelhante à dos substantivos: podem ser do gênero masculino ou feminino. Homem honesto Mulher honesta Homem corrupto Mulher corrupta Dependendo da forma que assumem, os adjetivos podem ser classificados em uniformes ou biformes.

7 Profª. Luciana Balduíno a) adjetivos uniformes: apresentam uma única forma para os dois gêneros. Homem inteligente Mulher inteligente Homem simples Mulher simples Aluno feliz Aluna feliz b) adjetivos biformes: apresentam uma forma para o masculino e outra para o feminino. Homem simpático Mulher simpática Homem alto Mulher alta Aluno estudioso Aluna estudiosa

8 Profª. Luciana Balduíno Adjetivo simples: formam um plural da mesma maneira que os substantivos simples, ou seja, a terminação do plural varia conforme a terminação do singular. Veja dois exemplos: Pessoa honesta Pessoas honestas Regra fácil Regras fáceis Os substantivos empregados como adjetivos são invariáveis. Blusa vinho Blusas vinho Camisa rosa Camisas rosa Mulher monstro Mulheres monstro

9 Adjetivos Compostos: 1- Como regra geral, nos adjetivos compostos somente o último elemento varia, tanto em gênero quanto em número. Sapato marrom–escuro Sapatos marrom–escuros Camisa verde–clara Camisas verde–claras 2- Se o último elemento dor substantivo, o adjetivo composto fica invariável. Camisa verde–abacate Camisas verde–abacate Sapato marrom–café Sapatos marrom–café Blusa amarelo–ouro Blusas amarelo–ouro

10 Profª. Luciana Balduíno 3- Os adjetivos composto azul–marinho e azul–celeste são invariáveis. Blusa azul–marinho Blusas azul–marinho Camisa azul–celeste Camisa azul–celeste 4- No adjetivo composto surdo–mudo, ambos os elementos variam. Menino surdo–mudo Meninos surdos–mudos Menina surda–muda Meninas surdas–mudas

11 Flexão de Grau: O adjetivo apresenta-se no grau comparativo quando a qualidade que ele expressa está em comparação com a de outros seres e no grau superlativo quando essa qualidade se apresenta em grau elevado. A mudança de grau pode ser obtida por dois processos: sintético ou analítico.

12 Profª. Luciana Balduíno Flexão de Grau: a) sintético: a alteração de grau é feita pelo acréscimo de sufixos. Ex: Esta casa é agradabilíssima. b) analítico: a alteração de grau é feita pelo acréscimo de alguma palavra que modifique o adjetivo. Ex: Esta casa é muito agradável.

13 Profª. Luciana Balduíno Grau comparativo: O comparativo pode ser de igualdade, de inferioridade ou de superioridade. a) de igualdade: a qualidade expressa pelo adjetivo aparece com a mesma intensidade nos elementos que se comparam. O comparativo de igualdade apresenta, geralmente, a seguinte forma: Ex: Esta casa é tão arejada quanto aquela. ___ ________ _______ tão + adjetivo + quanto(ou como)

14 Profª. Luciana Balduíno b) de inferioridade: a qualidade expressa pelo adjetivo aparece menos intensificada no primeiro elemento da relação de comparação. O comparativo de inferioridade apresenta, geralmente, a seguinte forma: Ex: Esta casa é menos arejada (do) que aquela. _____ _______ ________ mais + adjetivo + (do) que b) de superioridade: a qualidade expressa pelo adjetivo aparece mais intensificada no primeiro elemento da relação de comparação. O comparativo de superioridade apresenta, geralmente, a seguinte forma: Ex: Esta casa é mais arejada (do) que aquela. _____ _______ _______ menos + adjetivo + (do) que

15 Comparativos Sintéticos: Normalmente, o grau comparativo é obtido pelo processo analítico. Há, no entanto, alguns poucos adjetivos que formam o comparativo de superioridade pelo processo sintético. AdjetivoAnalíticoSintétic o bom mau grande pequeno mais bom mais mau mais grande mais pequeno melhor pior maior menor

16 Profª. Luciana Balduíno Nesses casos, deve-se preferir a forma sintética na comparação entre dois seres. Só se deve usar a forma analítica se comparam duas qualidades do mesmo ser. Ex: Esta sala é mais grande que arejada. (comparação de duas qualidades do mesmo ser)

17 Grau Superlativo O superlativo pode ser absoluto ou relativo. a) absoluto: a qualidade atribuída pelo adjetivo não é expressa em relação a outros elementos. Ex: Este exercício é muito fácil. Ex²: Este exercício é facílimo. (superlativo absoluto analítico) (superlativo absoluto sintético) b) relativo: a qualidade atribuída pelo adjetivo é expressa em relação a outros elementos. Ex: Este exercício é o mais fácil do capítulo. Ex²: Este exercício é o menos fácil do capítulo. (superlativo relativo de superioridade) (superlativo relativo de inferioridade)

18 Profª. Luciana Balduíno O superlativo absoluto sintético é feito pelo acréscimo dos sufixos superlativos: -íssimo, - ílimo ou -érrimo. Segue uma lista de superlativos absolutos sintéticos. Quando o adjetivo apresenta mais de uma forma para o superlativo absoluto sintético, a primeira é erudita; as demais são formas populares consagradas pelo uso.

19 AdjetivoSuperlativo Absoluto Sintético ágil agradável agudo amargo amável amigo antigo áspero atroz audaz agílimo, agilíssimo agradabilíssimo acutíssimo, agudíssimo amaríssimo amabilíssimo amicíssimo antiquíssimo aspérrimo atrocíssimo audacíssimo

20 Profª. Luciana Balduíno AdjetivoSuperlativo Absoluto Sintético belo benéfico benévolo capaz célebre claro cru difícil belíssimo beneficentíssimo benevolentíssimo capacíssimo celebérrimo claríssimo cruíssimo dificílimo

21 Profª. Luciana Balduíno Em resumo: Podemos esquematizar o estudo dos graus do adjetivo da seguinte maneira: 1. comparativo a) de igualdade: tão + adjetivo + como (ou quanto) b) de superioridade: mais + adjetivo + (do) que c) de inferioridade: menos + adjetivo + (do) que 2. superlativo a) absoluto: sintético & analítico b) relativo: de superioridade & de inferioridade

22 Profª. Luciana Balduíno


Carregar ppt "Profª. Luciana Balduíno. Definição: Adjetivo é a palavra variável em gênero, número e grau que caracteriza o substantivo, indicando-lhe qualidade, estado,"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google