A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SUSTENTÁVEL NO BRASIL II FORUM CNTUR DE TURISMO. Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | www.anepe.org.br A VOZ DA PESCA AMADORA ESPORTIVA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SUSTENTÁVEL NO BRASIL II FORUM CNTUR DE TURISMO. Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | www.anepe.org.br A VOZ DA PESCA AMADORA ESPORTIVA."— Transcrição da apresentação:

1 SUSTENTÁVEL NO BRASIL II FORUM CNTUR DE TURISMO

2 Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | A VOZ DA PESCA AMADORA ESPORTIVA NO BRASIL A Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva - ANEPE, é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, fundada em 2005, englobando toda a cadeia produtiva do mercado da pesca amadora esportiva (turismo, indústria, comércio e importadores); Pesca Sustentável Desenvolvimento socioeconômico Defesa, preservação e conservação do meio ambiente Assento no Conselho Nacional de Aquicultura e Pesca – CONAPE, órgão do Ministério da Pesca e Aquicultura – MPA; integrante do Comitê da Cadeia Produtiva da Pesca e Aquicultura – COMPESCA, da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo – FIESP, e membro do Grupo de Trabalho Náutico (GTT-Náutico) do Ministério do Turismo, tem por meio do presente,

3 NO BRASIL PESCA AMADORA ESPORTIVA

4 Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | Pesquisa realizada com pessoas (Homens e Mulheres acima de 10 anos) A amostra representa universo de 48 Milhões de pessoas 7,8 milhões (16%) têm o hábito de pescar Fonte: IPSOS 2004 e 2014, Hábitos de Pesca. O MERCADO DA PESCA AMADORA NO BRASIL COSTUMAM PESCAR ( de acordo com a classe econômica)

5 Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | INDICADORES DA PESCA ESPORTIVA NO BRASIL pescadores amadores licenciados pelo Ministério da Pesca e Aquicultura - MPA Faturamento estimado em R$3 Bi 80% praticam a pesca embarcada (MPA)

6 Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | O Brasil tem grande potencial para um desenvolvimento mais arrojado desta prática, considerando: A sua extensa bacia hidrográfica (mais de 5 milhões de km2); A sua extensa costa (cerca de 8 mil Km); A grande diversidade de espécies nativas propícias para a pesca amadora esportiva (Tucunarés, Robalos, Dourados, Cachorras, Pirararas, Piraiba, Black Basses, Olhos-de-Boi, Marlins, Sailfishes, Garoupas, dentre outras); Tratar-se de uma verdadeira paixão nutrida por milhões de brasileiros; uma tradição que passa de pais para filhos. POTENCIAL PARA O DESENVOLVIMENTO DA PESCA ESPORTIVA NO BRASIL

7 Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | Segmento que gera emprego e renda nas regiões mais carentes do Brasil, muito longe dos centros urbanos São guias de pesca, piloteiros, produtores e/ou catadores de iscas-vivas, fornecedores de refeições, mecânicos de motores, balconistas de lojas (cerca de lojas), empregados da hotelaria, dentre outros. A cadeia produtiva de equipamentos de pesca paga mais impostos do que a milionária industria náutica. As alíquotas de IPI e ICMS para iates de luxo (alguns que custam mais de R$ 5 milhões) são de 10% e 7% respectivamente, enquanto um simples caniço de pesca recolhe 20% de IPI e 18% de ICMS. A grande maioria das fabricas que produziam equipamentos de pesca no Brasil encerraram sua operações, demitiram parte de seus funcionários, e passaram a importar do exterior. DESAFIOS PARA O DESENVOLVIMENTO DA PESCA AMADORA ESPORTIVA NO BRASIL

8 NO MUNDO PESCA AMADORA ESPORTIVA

9 Total de despesas42,044,0Bilhões de dólares Viagem17,921,7Bilhões de dólares Alimentação e Alojamento6,37,7Bilhões de dólares Transporte5,06,3Bilhões de dólares Outros custos com viagem6,67,8Bilhões de dólares Total de gastos com Equipamentos18,815,5Bilhões de dólares Equipamento de Pesca5,36,1Bilhões de dólares Equipamentos Auxiliares0,81,1Bilhões de dólares Equipamentos Especiais12,68,2Bilhões de dólares Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | Fonte: NATIONAL SURVEY OF FISHING, HUNTING, AND WILDLIFE-ASSOCIATED RECREATION, 2011 NATIONAL SURVEY OF FISHING EXEMPLOS DE SUCESSO NA ATIVIDADE DA PESCA AMADORA ESPORTIVA NO MUNDO ESTADOS UNIDOS

10 Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | EXEMPLOS DE SUCESSO NA ATIVIDADE DA PESCA AMADORA ESPORTIVA NO MUNDO ARGENTINA As alterações introduzidas na legislação pesqueira na Província de Corrientes, Argentina, proporcionaram: O recebimento de cerca de 70 mil turistas brasileiros por ano; Que gastam em média US$ 2.000,00 por viagem; Receitas de R$ 280 milhões por ano, somente com turistas brasileiros. BILLFISH FOUDATION SOUTHWICK ASSOCIATES Fonte: Billfish Foudation em conjunto com a Southwick Associates

11 Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | EXEMPLOS DE SUCESSO NA ATIVIDADE DA PESCA AMADORA ESPORTIVA NO MUNDO Impacto econômico anual: US$ 599,1 milhões, representa 2,13% do Produto Interno Bruto (PIB); US$ 78 milhões em impostos; empregos em todo o país; Em 2008 – turistas dos EUA e Canadá visitaram a Costa Rica; O turismo é o principal gerador de divisas estrangeiras da Costa Rica; O Turismo da Pesca é o setor mais especializado do turismo da Costa Rica. COSTA RICA BILLFISH FOUDATION SOUTHWICK ASSOCIATES Fonte: Billfish Foudation em conjunto com a Southwick Associates

12 COSTA RICA Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | ANÁLISE COMPARATIVA PARA AS MESMAS ESPÉCIES DE PEIXES PESCA COMERCIALPESCA ESPORTIVA Impacto Econômico: $ 527,8 milhões (1,88% do PIB) Investimentos: (Valor Adicionado na Economia) $ 16,6 milhões Empregos: 57 mil Impacto Econômico: $ 599,1 milhões (2,13% do PIB) Investimentos: (Valor Adicionado na Economia) $ 279 milhões Empregos: 63 mil BILLFISH FOUDATION SOUTHWICK ASSOCIATES Fonte: Billfish Foudation em conjunto com a Southwick Associates

13 COSTA RICA O IMPACTO ECONÔMICO DO TURISMO DA PESCA Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | US$ 600 milhões anuais – 2,1% do PIB; US$ 78milhões em impostos; empregos diretos; turistas da América do Norte; O turismo é o principal gerador de riquezas da Costa Rica; O turismo da Pesca é o setor mais especializado de todo turismo na Costa Rica. Os resultados da pesca comercial e da pesca esportiva, da mesma espécie, não podem ser agregados. Em todas as espécies avaliadas o turismo da pesca fornece maiores benefícios sociais e econômicos. O extrativismo comercial não é a única e tão pouco a melhor fonte de receita dos oceanos.

14 O IMPACTO ECONÔMICO DO TURISMO DA PESCA Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | PANAMÁ 2008 OSPECA – acordo regional para desenhar o plano de gerenciamento do sailfish e do marlin como peixes esportivos; Julho 2010 – Proibição da pesca de arrasto em águas costeiras; Dezembro 2010 – Proibição da pesca com espinhel em barcos maiores de 6 tons; Comprometimento e política públicas para o desenvolvimento do turismo de pesca; O Governo Panamenho financia estudo socioeconômico de âmbito nacional Foco: O turismo da pesca impulsiona o crescimento da infraestrutura para o futuro (marinas, resorts, pousadas,...)

15 Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | DESAFIOS E METAS TURISMO SUSTENTÁVEL NO BRASIL Preservação dos peixes e espécies ( água doce e oceanos); Preservação e capacitação da população ribeirinho para evitar o extrativismo (aquicultura) Capacitação dos Hotéis, Pousadas, Pesqueiros, Guias de pesca, Industrias e Comercio locais ; Registro profissional dos Guia de Pesca; Melhora na infraestrutura;

16 AGRADECEMOS A PRESENÇA DE TODOS Av. Paulista, º andar Bela Vista | São Paulo |SP Tel: +55 (11)


Carregar ppt "SUSTENTÁVEL NO BRASIL II FORUM CNTUR DE TURISMO. Associação Nacional de Ecologia e Pesca Esportiva | www.anepe.org.br A VOZ DA PESCA AMADORA ESPORTIVA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google