A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

No dia 13 de agosto de 1961, Num domingo, por volta de 1 hora, o governo comunista da Alemanha Oriental começou a construir o muro de Berlim. Mais.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "No dia 13 de agosto de 1961, Num domingo, por volta de 1 hora, o governo comunista da Alemanha Oriental começou a construir o muro de Berlim. Mais."— Transcrição da apresentação:

1

2

3

4 No dia 13 de agosto de 1961, Num domingo, por volta de 1 hora, o governo comunista da Alemanha Oriental começou a construir o muro de Berlim. Mais de homens, policiais e soldados ergueram uma cerca de arame farpado ao longo da cidade. No dia seguinte alguns parentes, irmãos, pais e filhos, amigos, estavam separados.

5 O objetivo era impedir que cidadãos da Alemanha Oriental passassem para a Alemanha Ocidental. Pouco tempo depois, foi acrescentado concreto ao arame farpado. Agora havia um muro de Cimento com 12 Km de extensão, e que prosseguia por 137 Km de cercas de arame, com 3 metros e meio de altura.

6 Este muro recebeu 20 guaritas, de onde soldados atiravam em quem tentasse passar. E pelo que se sabe, foram 192 pessoas mortas, 2000 feridas e 3200 detidas.

7 O mais incrível é que por volta deste mesmo período, Brasil e Paraguai, dois países que no século 19 haviam travado um conflito sangrento que se estendeu por quase 5 anos, no mesmo lugar onde se travou a maior das batalhas, a batalha de Riachuelo, assinavam o acordo de construção da Ponte da Amizade, que uniria Brasil e Paraguai.

8 Uma ponte com a extensão de 552,40 metros, com vão livre de 305 metros e altura de 78 metros. A Ponte da Amizade foi concluída em Mas só em 09 de Novembro de 1989, o Muro de Berlin foi derrubado.

9 Isto tudo é apenas um retrato da humanidade. Assim, Cheia de Muros e de Pontes. Muros - que separam até pessoas da mesma raça, ou de cor, raça, religião e costumes diferentes. Pontes - que não conhecem desafios naturais, rios, mares ou até mesmo distâncias, para tentar unir mais as pessoas.

10 No que tange a atitude humana para viabilizar a felicidade do próximo, podemos dizer que só existem dois tipos de pessoas no mundo: aquelas que constroem muros e aquelas que constroem pontes. Alguns de nós passam a vida construindo Muros. Outros constroem pontes.

11 O filho de Deus optou pela segunda, optou por construir pontes. Ele veio ao mundo nasceu em uma manjedoura, cresceu, andou por todos os lados pregando, curando e restaurando vidas com um único objetivo: Derrubar muros e construir pontes.

12 O Apóstolo Paulo diz que Ele mesmo veio para derribar o muro de separação e de inimizade entre os homens – “(...) tendo derribado a parede da separação que estava no meio, a inimizade (...)”.

13 Com certeza, muitos muros caíram ante a presença de Jesus: Muros de discórdia, muros de intolerância, muros de preconceitos, muros de indiferença, muros da falta de perdão. Muros, que são verdadeiras muralhas intransponíveis. Contudo, Ele foi um construtor de pontes por excelência.

14 Entre o abismo dos religiosos intransigentes e dos páreas destituídos de justiça própria, foi a ponte da misericórdia por onde passam todos cansados e sobrecarregados a procura de um descanso para as suas almas aflitas – “vinde a mim todos os que estais cansados e sobrecarregados...”.

15 Entre o tribunal humano da hipocrisia e a mulher pecadora arrependida ele foi a Ponte do perdão – “nem eu te condeno, vai e não peques mais”. Entre o coração aflito de um pai esmagado pela perda de sua filhinha, e a incredulidade da massa circundante ele foi a ponte da esperança – “somente crê”.

16 Entre os abatidos de espírito, e as in-cumpríveis exigências do moralismo farisaico, Ele foi a ponte do novo começo sobre o abismo das frustrações. Entre o homem pecador, perdido, vendido ao pecado, devedor a santidade e a justiça de Deus e o Deus Santo, Perfeito e Justo Juiz, Ele foi a Ponte da reconciliação e da justificação; unindo novamente o Homem ao seu Criador.

17 Cristo, foi o grande construtor de pontes – Pontes de esperança, pontes de reconciliação, pontes de misericórdia, pontes de perdão. Jesus é a Ponte que liga o céu à terra e a terra ao céu; liga o mundo da humanidade com o mundo do divino, o mundo do temporal com o mundo eterno, o mundo finito com o mundo infinito, o mundo das coisas efêmeras, com o mundo das coisas permanentes, o mundo das coisas relativas com o mundo das coisas absolutas.

18 Jesus é a Ponte – a Ponte que liga o homem a Deus, a Ponte que liga o pecador ao Deus santo, o perdido à salvação. Jesus não é o melhor construtor de pontes, Ele é a própria PONTE QUE UNE AS PESSOAS! E ele nos convida e nos dá a oportunidade para nós sermos também os seus construtores de pontes num mundo onde a regra é construir muros! Que Deus nos abençoe!

19 CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOVAS MENSAGENS DE EDIFICAÇÃO CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOVAS MENSAGENS DE REFLEXÃO CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOVOS VERSÍCULOS BÍBLICOS CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOVOS SALMOS CLIQUE AQUI PARA RECEBER CAPÍTULOS DA BÍBLIA SAGRADA REINICIAR FINALIZAR


Carregar ppt "No dia 13 de agosto de 1961, Num domingo, por volta de 1 hora, o governo comunista da Alemanha Oriental começou a construir o muro de Berlim. Mais."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google