A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IPM – Instituto Paulo Montenegro Novidades para o meio Panorama do mercado Nova metodologia na medição de Rádio Transparência nos processos Agenda.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IPM – Instituto Paulo Montenegro Novidades para o meio Panorama do mercado Nova metodologia na medição de Rádio Transparência nos processos Agenda."— Transcrição da apresentação:

1

2 IPM – Instituto Paulo Montenegro Novidades para o meio Panorama do mercado Nova metodologia na medição de Rádio Transparência nos processos Agenda

3 IPM Ação do IBOPE pela Educação

4 Instituto Paulo Montenegro Criado no ano 2000, tem como mantenedoras as empresas do Grupo IBOPE Visa contribuir com a qualidade da Educação: forma de reduzir desigualdades sociais Desenvolve e viabiliza projetos baseados na expertise do IBOPE e em sua rede de relacionamentos

5 Instituto Paulo Montenegro “Nossa Escola Pesquisa sua Opinião” (NEPSO) Promove a realização de projetos de pesquisa de opinião por alunos e professores das escolas públicas: – escolha de temas do interesse do aluno – estimula vínculos escola – comunidade – contextualiza o conhecimento – aluno como protagonista do aprendizado – provoca a reflexão e a ação na solução de problemas

6 Instituto Paulo Montenegro “Indicador de Alfabetismo Funcional” (INAF) Mede os níveis de alfabetização da população adulta brasileira (15 a 64 anos) em todo o país: – estimular o debate público – apoiar a formulação de políticas de educação e cultura Analfabeto funcional: mesmo sabendo ler e escrever algo simples, não tem as habilidades de leitura, escrita e cálculo necessárias para viabilizar seu desenvolvimento pessoal e profissional

7 Evolu ç ão do Indicador de Alfabetismo Funcional RESPOSTA TOTAL BASE Analfabeto Rudimentar B á sico Pleno Analfa betos funcionais Alfabetizados funcionalmente O Analfabetismo Funcional no Brasil

8 A importância da escolaridade Alfabetismo por Escolaridade INAF/BRASIL SEM ESCOLA- RIDADE DE 1 ª A 4 ª S É RIE DE 5 ª A 8 ª S É RIE ENSINO M É DIO (2001 a 2007) BASE Analfabeto Rudimentar B á sico Pleno Analfabetos funcionais Alfabetizados funcionalmente ENSINO SUPERIOR

9 As coisas começam a melhorar... Alfabetismo por Faixas Et á rias De 15 a 24 anos De 25 a 34 anos De 35 a 49 anos De 50 a 64 anos BASE Analfabeto Rudimentar B á sico Pleno Analfabetos funcionais Alfabetizados funcionalmente

10 Os desafios do INAF Mundo acadêmico Gestores públicos Formadores de Opinião Imprensa escrita Conquistar a credibilidade de… Grande Público Assegurar a demanda por uma educação de qualidade para todos os brasileiros

11 Um convite para as emissoras de rádio O rádio atinge todos os tipos de público Com informação, com envolvimento, com credibilidade

12 O Rádio… … é uma das formas mais frequentes de lazer … é uma das fontes mais frequentes de informação

13 Vamos unir forças para mudar esta situação?

14 Novidades para o meio

15 Evolução da amostra (trimestre) Praça São Paulo Rio de Janeiro Belo Horizonte9.100 Distrito Federal9.100 Porto Alegre9.100 Curitiba9.100 Fortaleza9.100 Recife9.100 Salvador9.100 Florianópolis (2006)-3.825* Campinas (2007)-3.825* Ano Aumento de 20% da amostra SP * Aumento da amostra a partir do 2º semestre de 2008.

16 Dias da semana | Isolados Por sugestão dos nossos clientes, os dias da semana serão analisados isoladamente a partir dos dados entregues em Julho/08. *Dados históricos*

17 Software Assim como o Sábado e Domingo isolados, os índices disponíveis para esses dias da semana são: -Audiência -Share -Participação -Afinidade -Tempo médio -Número de casos

18 Audiência Total Rádio 05:00 à s 00:00 | Mar/08 a Mai/2008 POA CAM DEF FLO CTA

19 Audiência Total FM 05:00 à s 00:00 | Mar/08 a Mai/2008 CAM FOR GSP GRJ CTA

20 Audiência Total AM 05:00 à s 00:00 | Mar/08 a Mai/2008 FLO POA DEF CTA

21 Audiência Total Rádio | Curitiba Jan/08 a Mar/ :00 à s 00:00

22 Audiência Total Rádio | Curitiba (Hora a Hora) 05:00 à s 05:00 | Jan/08 a Mar/2008

23 Perfil Total Rádio | Curitiba | Zona Geográfica 05:00 à s 05:00 | Jan/08 a Mar/2008

24 Tempo médio (minutos) Total Rádio | Curitiba 05:00 à s 05:00 | Jan/08 a Mar/2008

25 Classes C1 e C2 A análise isolada das classes C1 e C2 retrata com mais fidelidade as diferenças de potencial da classe C. Disponível a partir de julho/08. *Não haverá histórico* *Banco a partir de jun./2008*

26 CCEB 2008 Em dezembro de 2007, apresentamos ao mercado o novo Critério de Classificação Econômica Brasil; Na apresentação foram apontados os impactos da mudança de critério: – Nos Universos – Pequenas diferenças, com uma tendência de diminuição da participação da classe DE; – Nas Amostras – Pequenas diferenças sem uma tendência estabelecida, que em alguns casos, pode ajustar a amostra ao universo; – Nos Resultados – Pequenas diferenças, sem uma tendência significativa. Classe A142 a 46 pontos Classe A235 a 41 pontos Classe B129 a 34 pontos Classe B223 a 28 pontos Classe C118 a 22 pontos Classe C214 a 17 pontos Classe D8 a 13 pontos Classe E0 a 7 pontos Nova tabela de pontuação Número de automóveis Número de aparelhos de TV em cores Número de rádios Número de banheiros Número de empregadas domésticas Posse de máquina de lavar roupa Posse de geladeira e freezer Posse de vídeo cassete ou dvd Nível de instrução do chefe de família *Aspirador de pó não faz mais parte do CCEB

27 CCEB 2008 Critério Antigo Critério Novo Classe A5% Classe B27%27%28%28% Classe C45%46% Classe C1%23% Classe C2%23% Classe D21%19% Classe E2%2%2% Distribuição das classes na população LSE 2007 | Consolidado 9 RMs

28 Classes C1 e C2 Distribuição classe C no Brasil LSE 2007 | Consolidado 9 RMs 50% 45%42% 45% 46%44% 36% 46% 45% 46%

29 Perfil Total Rádio | Curitiba Antes Agora CCEB 2008 CTA – Classe A 5,29 CTA – Classe B 32,93 CTA - Classe C 44,50 CTA - Classe DE 17,29 CTA – Classe A 5,29 CTA – Classe B 32,93 CTA - Classe C 44,50 CTA - Classe C1 26,37 CTA - Classe C2 18,12 CTA - Classe DE 17,29 Total R á dio | Jan/08 a Mar/ ,22

30 Análise classe C Total Rádio | Curitiba 05:00 à s 00:00 | Jan/08 a Mar/2008

31 Perfil Emissora 1 | São Paulo 05:00 à s 00:00 | Jan/08 a Mar/2008 C1: 32% C2: 24% A nova junção contribui para o aumento do alcance 7% 59%

32 Anunciar é preciso

33  Aumento da cobertura de Tv e Rádio e inclusão do meio Cinema  7 meios monitorados Tv Aberta 37 mercados 125 emissoras R á dio 7 mercados 78 emissoras Cinema 10 mercados 586 salas Tv Assinatura Nacional 28 emissoras Outdoor 24 mercados Jornal 22 pra ç as 51 T ì tulos Revista Nacional 250 t í tulos (aproximadamente) Cobertura Monitor Evolution

34 De: 21 emissoras Para: 78 emissoras Inclusão de 2 novas capitais - POA e SAL B.HORIZONTE (9) 98 FM Alvorada FM Antena 1 FM BH FM BandNews CBN FM Guarani FM Itatiaia AM Jovem Pan FM Liberdade FM Extra FM SÃO PAULO (12) 89 FM 97 FM Alpha FM Antena 1 FM Band FM Bandeirantes AM Band News FM Capital AM CBN AM Eldorado AM Eldorado FM Gazeta FM Globo AM Kiss FM Metropolitana FM Mix FM Nativa FM Nova Brasil FM Jovem Pan AM Jovem Pan FM Record AM Transcontinental FM Tupi FM Transamérica FM Novas Emissoras PORTO ALEGRE (16) 104 FM 107 FM Antena 1 FM Atlântida FM Band AM BandNews Cidade FM Continental FM Eldorado FM Gaúcha AM Ipanema FM Itapema FM Jovem Pan FM Pampa AM Guaiba AM Guaiba FM RIO DE JANEIRO (12) Beat98 FM Antena 1 FM Bandeirantes AM BandNews CBN FM Rádio Oi FM O Dia Globo AM JB FM MPB FM Nativa FM MIX FM Paradiso FM Transamérica FM Tupi FM RECIFE (1) Jornal AM Recife FM Clube FM* SALVADOR (3) Bandnews Globo FM Piatá FM BRASÍLIA (4) 104 FM 105 FM Atividade FM CBN FM JK FM Jovem Pan FM Rádio | Nova cobertura Desde 2007

35  Aumento de 120 % do investimento em 2007  Crescimento de 21 emissoras para 77, ou seja, 56 novas emissoras incorporadas no investimento. ( jan a dez 07 – 21 emissoras vs 77 emissoras) - banco da 2a rem de abril/08) emissoras77 emissoras 120% R$ (000) Rádio | Nova cobertura

36 (jan a dez 07) – banco da 2a rem de abril/08) Monitor Plus R$ 47 bilhões (%) Monitor Evolution R$ 51 bilhões (%) R$ 2 bilhões Participação % | Investimento por meio

37 Setor Comércio e Varejo - 21% do investimento total de rádio* Comércio e Varejo Mais de R$ 400 milhões *R$ 2 bilhões Maior setor do meio (jan a dez 07) – banco da 2a rem de abril/08)

38 Lojas de Departamento Super e Hipermercados Inst. Merc. Financeiro *R$ 2 bilhões Maiores categorias Categorias responsáveis por 15% do investimento total em rádio Mais de R$ 318 milhões (jan a dez 07) – banco da 2a rem de abril/08)

39 *Conforme cobertura São Paulo representa 60% do total de investimento do meio rádio no Brasil*. Em 2007 foi investido mais de R$ 1 bilhão de reais. FM: R$ 688 milhões AM: R$ 541 milhões São Paulo

40 Anunciantes Os 10 maiores anunciantes do meio, em SP, concentram 25% do investimento * Investimento da DM Farmaceutica é até Set/07 (Hypermarcas comprou DM Farmeceutica em Out/07) (Jan a Dez/07 |Banco da 2ª rem. de Abril/08)

41 Como é o ouvinte?

42 Target Group Index Características dos ouvintes O Rádio alcança 79% das pessoas. Cerca de 49 milhões de ouvintes. Target Group Index – Ano 9

43 Target Group Index Características dos ouvintes 86% ouve rádio mais de 3 dias na semana* São mais de 42 milhões de ouvintes *Chamaremos de “ouvinte frequente”. Target Group Index – Ano 9

44 Target Group Index Características dos ouvintes freqüentes Qual o tipo de música preferido desse público*? *ouvinte freqüente. Target Group Index – Ano 9

45 Target Group Index Características dos ouvintes freqüentes Perfil deste público Target Group Index – Ano 9

46 Target Group Index Características dos ouvintes freqüentes Perfil x Estilo Musical Target Group Index – Ano 9 Renda média pessoal mensal (R$) Total878 MPB1.152 Sucesso/As mais pedidas(Inglês)879 Sucesso/ As mais pedidas (Nacional)824 Música Sertaneja714 Forró679 Samba/ Pagode602

47 Target Group Index Características dos ouvintes

48 Sobre o que conversamSobre o que são mais influentes Forró Bebidas Alcoólicas e Prod. Farmacêuticos Bebidas Alcoólicas e Prod. Higiene Pessoal MPB Bebidas Alcoólicas e Prod. Higiene Pessoal Prod. Financeiros e Bebidas Alcoólicas Sucessos/As mais pedidas (em inglês) Automóveis e Celulares Celulares e Eletrônicos Sucessos/As mais pedidas (nacional) Prod.Financeiros Celulares /Roupas Prod. Higiene Pessoal e Roupas Música Sertaneja Prod. Farmacêuticos e Prod. Para casa Prod. Farmacêuticos e Prod. Higiene Pessoal Samba/ Pagode Celulares / Beb. Alcoólicas Prod. Higiene Pessoal Roupas e Bebidas Alcoólicas Afinidade Target Group Index – Ano 9

49 Target Group Index Características dos ouvintes MPB Samba/Pagode Sucesso (inglês) Sucesso (nacional) Forró Sertaneja

50 Target Group Index Características dos ouvintes O que viveram O que esperam viver Afinidade Forró Terminar Estudos e Nascimento do 1º filho Comprar uma casa e Nascimento do 1º filho Sucessos/As mais pedidas (em inglês) Começar Universidade e Viajar ao exterior pela 1ª vez Sair da casa dos pais e Terminar Estudos MPB Viajar ao exterior pela 1ª vez e Casamento dos filhos Começar a Faculdade e Viajar ao exterior pela 1ª vez Sucessos/As mais pedidas (nacional) Começar Universidade e Nascimento do 1º filho Terminar Estudos e Ir viver com companheiro Música Sertaneja Casamento dos Filhos e Nascimento do 1º filho Entrar na Aposentadoria e Comprar uma Casa Samba/ Pagode Nascimento do 1º filho Começar o 1º trabalho Começar o 1º trabalho e Terminar Estudos Target Group Index – Ano 9

51 Novidades

52 Zeus – Planejamento Multimeios Convergência de três grandes bases de dados do IBOPE Mídia: Target Group Index, PNT/Pay Tv e Rádio Demográficos Posse bens e serviços Hábitos e Atitudes Audiência de TV (painel) + Rádio (recall) + índice de Leitura de Jornal e Revista (single source) Fusão inédita para a realização de Planos de Mídia completos

53 GIM - Conceito GIM (Gestão de Informações de Mídia) é uma plataforma para planejamento de mídia, desde a seleção de programas até a execução, checking e pós- avaliação. Objetivos: Plataforma única de trabalho do planejador de mídia; Sistema Integrado de Informações e Dados produzidos pelo IBOPE Mídia; Sistema de Informações Gerenciais (para agência e anunciante); Integração de Informações Financeiras da Agência.

54 GIM - Conceito Monitor Investimento. Publicitário Checking Tabelas de Preço (JOVE) TV, Rádio, Jornal, Revista, etc. Processos integrados de dados TV Audiência MidiaMix Rádio Jornal Revista Internet (NetView) GIM 1.Avaliação A&F TV 2.Investimento Publicitário 3.Planejamento multi-meios 4.Programação/Compra/Reserva 5.Verificação de exibição 6.Integração com sistema Financeiro (terceiros) 7. Informações Gerenciais

55 Consolidando nossos processos

56 InfoMix Para que se tenha à mão a descrição de todos os passos envolvidos na medição dos dados de rádio, reunimos em um Manual Técnico as informações a respeito de como eles acontecem, desde a seleção das amostras até a publicação dos resultados.

57 Nova metodologia

58 Nova Metodologia de medição Acompanhando as mudanças tecnológicas e as necessidades do mercado, o IBOPE vem desenvolvendo um estudo para uma nova metodologia de medição de audiência para o meio rádio. O objetivo é criar uma teconologia que permita o reconhecimento da audiência por meio do áudio. Essa tecnologia seria instalada nos celulares de indivíduos que fizessem parte de um painel representativo da população. A grande vantagem dessa nova metodologia é a mobilidade de mensurar a audiência de rádio em qualquer ambiente, por meio de uma tecnologia automatizada.

59 Obrigada!


Carregar ppt "IPM – Instituto Paulo Montenegro Novidades para o meio Panorama do mercado Nova metodologia na medição de Rádio Transparência nos processos Agenda."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google