A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

- Ao anunciar a vinda do Espírito, Jesus completa: a Salvação… e a “Trindade”… [ 3ª L./ Ev. 2 - Jo 15 ] - A ação do Espírito Santo confirma a “promessa”

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "- Ao anunciar a vinda do Espírito, Jesus completa: a Salvação… e a “Trindade”… [ 3ª L./ Ev. 2 - Jo 15 ] - A ação do Espírito Santo confirma a “promessa”"— Transcrição da apresentação:

1

2 - Ao anunciar a vinda do Espírito, Jesus completa: a Salvação… e a “Trindade”… [ 3ª L./ Ev. 2 - Jo 15 ] - A ação do Espírito Santo confirma a “promessa” de Jesus… maravilhosamente!… [ 1ª Leit. / At 2 ] - Para quem se deixa guiar pelo Espírito Santo… não há nenhuma outra lei (?)… [ 2ª Leit. 2 / Gl 5 ]

3

4

5 ( … ) [ S AUDAÇÃO ] S- A graça … estejam convosco. P- Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo! [ A TO P ENITENCIAL ] S- ( … ) Confessemos os nossos pecados: ( S e P)- Confesso a Deus todo-poderoso e a vós, irmãos, que pequei muitas vezes por pensamentos e palavras, atos e omissões, por minha culpa, minha tão grande culpa. E peço à Virgem Maria, aos Anjos e Santos, e a vós, irmãos, que rogueis por mim a Deus, nosso Senhor. ( … )

6 Glória a Deus nas alturas, e paz na terra aos homens por Ele amados. Senhor Deus, Rei dos Céus, Deus Pai todo-poderoso. Nós Vos louvamos, nós Vos bendizemos, nós Vos adoramos, nós Vos glorificamos, nós Vos damos graças por vossa imensa glória. Senhor Jesus Cristo, Filho Unigénito, Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai: Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós. Vós que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica. Vós que estais à direita do Pai, tende piedade de nós. Só Vós sois o Santo, só Vós, o Senhor, só Vós, o Altíssimo, Jesus Cristo, com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai. Ámen.

7

8 “Quando chegou o dia de Pentecostes, os Apóstolos estavam todos reunidos no mesmo lugar. Subitamente, fez-se ouvir, vindo do Céu, um rumor semelhante a forte rajada de vento, que encheu toda a casa onde se encontravam. Viram então aparecer uma espécie de línguas de fogo, que se iam dividindo, e poisou uma sobre cada um deles. Todos ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a falar outras línguas, conforme o Espírito lhes concedia que se exprimissem. Residiam em Jerusalém judeus piedosos, procedentes de todas as nações que há debaixo do céu. Ao ouvir aquele ruído, a multidão reuniu-se e ficou muito admirada, pois cada qual os ouvia falar na sua própria língua.

9 Atónitos e maravilhados, diziam: «Não são todos galileus os que estão a falar? Então, como é que os ouve cada um de nós falar na sua própria língua? Partos, medos, elamitas, habitantes da Mesopotâmia, da Judeia e da Capadócia, do Ponto e da Ásia, da Frígia e da Panfília, do Egito e das regiões da Líbia, vizinha de Cirene, colonos de Roma, tanto judeus como prosélitos, cretenses e árabes, ouvimo-los proclamar nas nossas línguas as maravilhas de Deus»”. (At 2)

10 “Irmãos: Ninguém pode dizer «Jesus é o Senhor», a não ser pela acção do Espírito Santo. De facto, há diversidade de dons espirituais, mas o Espírito é o mesmo. Há diversidade de ministérios, mas o Senhor é o mesmo. Há diversas operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos. Em cada um se manifestam os dons do Espírito para o bem comum. Assim como o corpo é um só e tem muitos membros, e todos os membros, apesar de numerosos, constituem um só corpo, assim também sucede com Cristo. Na verdade, todos nós – judeus e gregos, escravos e homens livres – fomos batizados num só Espírito, para constituirmos um só corpo. E a todos nos foi dado a beber um único Espírito”. (1 Cor 12) [ OU, em alternativa ]

11 [ No Ciclo B ] “Irmãos: Deixai-vos conduzir pelo Espírito e não satisfareis os desejos da carne. Na verdade, a carne tem desejos contrários aos do Espírito, e o Espírito desejos contrários aos da carne; são dois princípios antagónicos, e por isso não fazeis o que quereis; mas se vos deixais guiar pelo Espírito, não estais sujeitos à Lei. As obras da carne são bem conhecidas: luxúria, imoralidade, libertinagem, idolatria, feitiçaria, inimizades, ciúmes, discórdias, ira, rivalidades, dissensões, facciosismos, invejas, embriaguez, orgias e coisas semelhantes a estas, sobre as quais vos previno, como já vos disse: os que praticam estas ações não herdarão o reino de Deus. Pelo contrário, os frutos do Espírito são: caridade, alegria, paz, paciência, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, temperança. Contra coisas como estas não há lei. Os que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a carne com as suas paixões e apetites. Se vivemos pelo Espírito, caminhemos também segundo o Espírito”. (Gl 5)

12 [ Facultativa ] Vinde, ó santo Espírito, vinde, Amor ardente, acendei na terra vossa luz fulgente. Vinde, Pai dos pobres: na dor e aflições, vinde encher de gozo nossos corações. Benfeitor supremo em todo o momento, habitando em nós sois o nosso alento. Descanso na luta e na paz encanto, no calor sois brisa, conforto no pranto. Luz de santidade, que no Céu ardeis, abrasai as almas dos vossos fiéis. Sem a vossa força e favor clemente, nada há no homem que seja inocente. Lavai nossas manchas, a aridez regai, sarai os enfermos e a todos salvai. Abrandai durezas para os caminhantes, animai os tristes, guiai os errantes. Vossos sete dons concedei à alma do que em Vós confia: Virtude na vida, amparo na morte, no Céu alegria.

13

14 “Na tarde daquele dia, o primeiro da semana, estando fechadas as portas da casa onde os discípulos se encontravam, com medo dos judeus, veio Jesus, apresentou-Se no meio deles e disse-lhes: «A paz esteja convosco». Dito isto, mostrou-lhes as mãos e o lado. Os discípulos ficaram cheios de alegria ao verem o Senhor. Jesus disse-lhes de novo: «A paz esteja convosco. Assim como o Pai Me enviou, também Eu vos envio a vós». Dito isto, soprou sobre eles e disse-lhes: «Recebei o Espírito Santo: àqueles a quem perdoardes os pecados ser-lhes-ão perdoados; e àqueles a quem os retiverdes ser-lhes-ão retidos»”. (Jo 20) [ OU, em alternativa ]

15 [ No Ciclo B ] “Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Quando vier o Paráclito, que Eu vos enviarei de junto do Pai, o Espírito da verdade, que procede do Pai, Ele dará testemunho de Mim. E vós também dareis testemunho, porque estais comigo desde o princípio. Tenho ainda muitas coisas para vos dizer, mas não as podeis suportar por agora. Quando vier o Espírito da verdade, Ele vos conduzirá à verdade plena, porque não falará de Si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará o que há de vir. Ele Me glorificará, porque receberá do que é meu e vo-lo anunciará. Tudo o que o Pai tem é meu. Por isso vos disse que receberá do que é meu e vo-lo anunciará»”. (Jo 15)

16 Creio em um só Deus, Pai todo-poderoso, Criador do céu e da terra, de todas as coisas visíveis e invisíveis. Creio em um só Senhor, Jesus Cristo, Filho Unigénito de Deus, nascido do Pai antes de todos os séculos: Deus de Deus, Luz de Luz, Deus verdadeiro de Deus verdadeiro. Gerado, não criado, consubstancial ao Pai. Por Ele todas as coisas foram feitas. E por nós, homens, e para nossa salvação desceu dos Céus. ( / ) E encarnou pelo Espírito Santo, no seio da Virgem Maria, e Se fez homem. Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos; padeceu e foi sepultado. Ressuscitou ao terceiro dia, conforme as Escrituras e subiu aos Céus, onde está sentado à direita do Pai. De novo há de vir na sua glória, para julgar os vivos e os mortos, e o Seu Reino não terá fim. Creio no Espírito Santo, Senhor que dá a vida, e procede do Pai e do Filho; e com o Pai e o Filho é adorado e glorificado: Ele que falou pelos Profetas. Creio na Igreja una, santa, católica e apostólica. Professo um só batismo para remissão dos pecados. E espero a ressurreição dos mortos, e a vida do mundo que há de vir. Ámen.

17 Oramos... ao Senhor Jesus, que, mais uma vez, nos promete enviar o “seu” Espírito, procedente do Pai e d’Ele próprio, para que seja em nós o Espírito da Verdade, que faça frutificar o nosso Batismo e a nossa Confirmação ou Crisma. Que venha esse Espírito sobre todos os que: - partilham com os outros os seus dons e carismas... - são egoístas e vivem fechados, para que os livre do mal... - sabem perdoar e acolher, e criam amor e comunhão... - não sabem ou não querem perdoar e aceitar os outros, para que saiam dessa vida triste e sem futuro…

18

19

20 ( … ) [ P REP. DAS O FERENDAS ] S- Bendito sejas, Senhor, Deus do Universo, pelo pão … se vai tornar Pão da vida. P- Bendito seja Deus para sempre! S- Bendito sejas, Senhor, Deus do Universo, pelo vinho … se vai tornar Vinho da salvação. P- Bendito seja Deus para sempre! S- Orai, irmãos, para que o meu e vosso sacrifício seja aceite por Deus Pai todo-poderoso. P- Receba o Senhor por tuas mãos este Sacrifício, para glória do Seu nome, para nosso bem e de toda a santa Igreja. ( … )

21 ( … ) [ O RAÇÃO E UCARÍSTICA ] S- O Senhor esteja convosco. P- Ele está no meio de nós. S- Corações ao alto. P- O nosso coração está em Deus. S- Dêmos graças ao Senhor nosso Deus. P- É nosso dever, é nossa salvação. ( … )

22

23 [ Após a Consagração / À escolha ] ( [ Após a Consagração / À escolha ] (1ª) S- Mistério da fé! P- Anunciamos, Senhor, a Vossa morte, proclamamos a Vossa Ressurreição. Vinde, Senhor Jesus! (2ª) S- Mistério admirável da nossa fé! P- Quando comemos deste pão e bebemos deste cálice, anunciamos, Senhor, a Vossa morte, esperando a Vossa vinda gloriosa. (3ª) S- Mistério da fé para a salvação do mundo! P- Glória a Vós que morrestes na cruz e agora viveis para sempre. Salvador do mundo, salvai-nos! Vinde, Senhor Jesus!

24

25 ( … ) [ R ITOS DA C OMUNHÃO ] S- Livrai-nos de todo o mal, Senhor … … a vinda gloriosa de Jesus Cristo nosso Salvador. P- Vosso é o reino e o poder e a glória para sempre! S- Senhor Jesus Cristo, que dissestes aos vossos Apóstolos: Deixo-vos a paz, dou-vos a minha paz: não olheis aos nossos pecados mas à fé da Vossa Igreja e dai-lhe a união e a paz, segundo a Vossa vontade. Vós que sois Deus com o Pai na unidade do Espírito Santo. P- Amen! S- A paz do Senhor esteja sempre convosco. P- O amor de Cristo nos uniu. ( … )

26 S- Felizes os convidados para a Ceia do Senhor. Eis o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. P- Senhor, eu não sou digno de que entreis em minha morada, / mas dizei uma palavra e serei salvo.

27

28

29 Devemos reconhecer que estamos cheios de dons e carismas, recebidos, desde o Batismo, e através dos outros Sacramentos. Estes “dons” são “sete”, e são muitos mais... Enquanto Lhe agradecemos, continuamos a pedir que infunda «esses dons» nas nossas almas: ~ o de Sabedoria, para iluminar as trevas da ignorância... ~ o de Fortaleza, que aumente e fortifique a nossa fé… ~ o de Piedade, para sermos bons e perfeitos como o Pai… ~ o de Alegria e Felicidade, que afaste os nossos corações da tristeza e encha a nossa vida de júbilo…

30

31


Carregar ppt "- Ao anunciar a vinda do Espírito, Jesus completa: a Salvação… e a “Trindade”… [ 3ª L./ Ev. 2 - Jo 15 ] - A ação do Espírito Santo confirma a “promessa”"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google