A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Linux Caixa Mágica Um Conceito de Software Livre.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Linux Caixa Mágica Um Conceito de Software Livre."— Transcrição da apresentação:

1 Linux Caixa Mágica Um Conceito de Software Livre

2 Software Livre A essência de um movimento A essência de um movimento Algumas notas Históricas Algumas notas Históricas O Linux O Linux As Suas Características As Suas Características

3 Definição O movimento Open Source promete democratizar o mundo da informática, libertando os utilizadores da opressão virtual, causada pelos grandes produtores de software que hoje ditam integralmente as regras neste mundo. O movimento Open Source promete democratizar o mundo da informática, libertando os utilizadores da opressão virtual, causada pelos grandes produtores de software que hoje ditam integralmente as regras neste mundo.

4 Definição O conceito de Open Source ou FreeWare está estreitamente ligado a uma licença de utilização chamada GPL (General Public Licence). O conceito de Open Source ou FreeWare está estreitamente ligado a uma licença de utilização chamada GPL (General Public Licence). A GPL é um sistema livre de direitos A GPL é um sistema livre de direitos Garante a qualquer pessoa o direito e a liberdade de utilizar, modificar, melhorar, corrigir erros, e até mesmo, o direito a distribuir e a comercializar qualquer produto licenciado por esta licença. Garante a qualquer pessoa o direito e a liberdade de utilizar, modificar, melhorar, corrigir erros, e até mesmo, o direito a distribuir e a comercializar qualquer produto licenciado por esta licença.

5 Restrições GPL Sempre que alguém fornece um produto licenciado pela GPL a uma terceira pessoa, quer seja de forma gratuita ou comercial, a terceira pessoa deve ser sempre informada acerca das condições da GPL. Sempre que alguém fornece um produto licenciado pela GPL a uma terceira pessoa, quer seja de forma gratuita ou comercial, a terceira pessoa deve ser sempre informada acerca das condições da GPL. Deve poder aceder a todo o código fonte desse mesmo produto. Deve poder aceder a todo o código fonte desse mesmo produto. a GPL não pode insistir em que outros programas distribuídos conjuntamente também sejam Open Source. a GPL não pode insistir em que outros programas distribuídos conjuntamente também sejam Open Source. Permite modificações e trabalhos derivados e estes têm que ser distribuídos nos mesmos termos da licença original. Permite modificações e trabalhos derivados e estes têm que ser distribuídos nos mesmos termos da licença original.

6 Historial Tudo começou no início dos anos 80 com o aparecimento da famosa FSF, ou Free Software Foundation. Tudo começou no início dos anos 80 com o aparecimento da famosa FSF, ou Free Software Foundation. Esta associação de pessoas dedicava-se à produção de software livre, assim como à posterior protecção legal deste software e dos seus autores. Esta associação de pessoas dedicava-se à produção de software livre, assim como à posterior protecção legal deste software e dos seus autores. Os fundadores da FSF (Free Software Foundation) tinham um sonho: criar um novo ambiente de trabalho, integralmente construído sobre FreeWare. Os fundadores da FSF (Free Software Foundation) tinham um sonho: criar um novo ambiente de trabalho, integralmente construído sobre FreeWare.

7 Historial Ambiente de Trabalho FreeWare Por esse motivo, entre os primeiros projectos lançados pela FSF, aparecem principalmente ferramentas de desenvolvimento de software. Por esse motivo, entre os primeiros projectos lançados pela FSF, aparecem principalmente ferramentas de desenvolvimento de software. Exemplos: compiladores, debuggers, etc. Entre estas ferramentas destacam-se os compiladores de C e C++, gcc e g++, que hoje são consideradas uma referência no seu campo. Entre estas ferramentas destacam-se os compiladores de C e C++, gcc e g++, que hoje são consideradas uma referência no seu campo. Estas ferramentas serviram depois como base para o desenvolvimento de muitos outros produtos de software, quer seja Open Source ou Comercial. Estas ferramentas serviram depois como base para o desenvolvimento de muitos outros produtos de software, quer seja Open Source ou Comercial.

8 A Internet As ideias de liberdade de software e democracia propagados pela FSF rapidamente se disseminaram por todo o mundo, especialmente dentro da comunidade científica e universitária. As ideias de liberdade de software e democracia propagados pela FSF rapidamente se disseminaram por todo o mundo, especialmente dentro da comunidade científica e universitária. Durante os anos 80, quando toda a comunidade científica já se encontrava ligada através da Internet, o movimento Open Source recebeu um grande impulso, pois a Internet veio facilitar a troca de software e ideias entre pessoas afastadas por enormes distâncias. Durante os anos 80, quando toda a comunidade científica já se encontrava ligada através da Internet, o movimento Open Source recebeu um grande impulso, pois a Internet veio facilitar a troca de software e ideias entre pessoas afastadas por enormes distâncias. As equipas de desenvolvimento de projectos de Software Open Source podiam estar dispersas por diversos continentes. As equipas de desenvolvimento de projectos de Software Open Source podiam estar dispersas por diversos continentes.

9 Historial Tudo começou em 1985 com o aparecimento da famosa FSF, ou Free Software Foundation. Tudo começou em 1985 com o aparecimento da famosa FSF, ou Free Software Foundation. Esta associação de pessoas dedica-se à produção de software livre, assim como à posterior protecção legal deste software e dos seus autores. Esta associação de pessoas dedica-se à produção de software livre, assim como à posterior protecção legal deste software e dos seus autores. Os fundadores da FSF (Free Software Foundation) tinham um sonho: criar um novo ambiente de trabalho, integralmente construído sobre FreeWare. Os fundadores da FSF (Free Software Foundation) tinham um sonho: criar um novo ambiente de trabalho, integralmente construído sobre FreeWare.

10 Historial - Internet A própria Internet beneficiou bastante com este movimento, pois grande parte do software que permite o seu funcionamento, foi desenvolvido pela comunidade Open Source. A própria Internet beneficiou bastante com este movimento, pois grande parte do software que permite o seu funcionamento, foi desenvolvido pela comunidade Open Source. Um bom exemplo é o programa sendmail que está encarregue de encaminhar as mensagens de por dentro da internet, garantindo que chegam ao seu destino. Um bom exemplo é o programa sendmail que está encarregue de encaminhar as mensagens de por dentro da internet, garantindo que chegam ao seu destino.

11 Surgem os Browsers Os primeiros servidores e Browsers de WEB, como o servidor NCSA e o browser Mosaic, foram também eles, projectos Open Source. Os primeiros servidores e Browsers de WEB, como o servidor NCSA e o browser Mosaic, foram também eles, projectos Open Source. Só mais tarde vieram as companhias de software comercial corromper o espírito inicial. O uso da Internet banalizou-se e a quantidade de pessoas que dedicam os seus tempos livres a desenvolver e a melhorar software open-source, cresceu exponencialmente. O uso da Internet banalizou-se e a quantidade de pessoas que dedicam os seus tempos livres a desenvolver e a melhorar software open-source, cresceu exponencialmente. A quantidade de novos projectos multiplicou-se e a qualidade dos mesmos, melhorou de forma apreciável. A quantidade de novos projectos multiplicou-se e a qualidade dos mesmos, melhorou de forma apreciável.

12 Historial – Aumento da qualidade Actualmente, muitos dos projectos Open Source já atingiram níveis de qualidade muito superiores aos produtos comerciais que com eles concorrem. Actualmente, muitos dos projectos Open Source já atingiram níveis de qualidade muito superiores aos produtos comerciais que com eles concorrem. Este facto deve-se à enorme dimensão das equipas de desenvolvimento. Este facto deve-se à enorme dimensão das equipas de desenvolvimento. Em muitos casos conseguem congregar em vários milhares de programadores em todo o mundo, o que seria impossível de suportar por qualquer empresa privada de software. Em muitos casos conseguem congregar em vários milhares de programadores em todo o mundo, o que seria impossível de suportar por qualquer empresa privada de software.

13 Resolução de Problemas O modelo de distribuição deste software, em que o código fonte está sempre acessível, faz com que os problemas sejam resolvidos muito mais rapidamente. O modelo de distribuição deste software, em que o código fonte está sempre acessível, faz com que os problemas sejam resolvidos muito mais rapidamente. Por exemplo, qualquer utilizador com capacidades razoáveis de programação, que se depare com um problema ou bug, num produto Open Source. Por exemplo, qualquer utilizador com capacidades razoáveis de programação, que se depare com um problema ou bug, num produto Open Source. É muitas vezes capaz de resolver o problema por ele próprio e de seguida enviar o patch (correcção) para os responsáveis desse produto. É muitas vezes capaz de resolver o problema por ele próprio e de seguida enviar o patch (correcção) para os responsáveis desse produto. Assim, na semana seguinte, a próxima versão que sair, já tem mais um problema resolvido. Assim, na semana seguinte, a próxima versão que sair, já tem mais um problema resolvido.

14 Linux O culminar de todo o movimento Open Source chama-se Linux. O culminar de todo o movimento Open Source chama-se Linux. Tudo começou com um estudante de ciência dos computadores Finlandês em 1991, chamado Linus Torvalds: Tudo começou com um estudante de ciência dos computadores Finlandês em 1991, chamado Linus Torvalds: Não estava satisfeito com os sistemas operativos para PC que existiam. Resolveu começar a escrever o seu próprio kernel (núcleo) de sistema operativo, nas horas vagas. Resolveu começar a escrever o seu próprio kernel (núcleo) de sistema operativo, nas horas vagas. Baseou-se no kernel do Minix, pequeno sistema UNIX de Andy Tannembaun Baseou-se no kernel do Minix, pequeno sistema UNIX de Andy Tannembaun Até então, esta tarefa era considerada muito difícil de elaborar. Até então, esta tarefa era considerada muito difícil de elaborar. Afirmava-se que só uma larga equipa de programadores experientes teria capacidade para a levar a bom termo. Afirmava-se que só uma larga equipa de programadores experientes teria capacidade para a levar a bom termo.

15 Linux Seis meses após ter começado a trabalhar, já existia a primeira versão de Linux, com capacidade para realizar algumas tarefas úteis. Seis meses após ter começado a trabalhar, já existia a primeira versão de Linux, com capacidade para realizar algumas tarefas úteis. Na verdade, quando Linus Torvalds resolveu fazer post da primeira versão do Linux (ainda uma versão pré-alfa) para a Internet, o sistema praticamente ainda só era capaz de correr o famoso compilador da linguagem C gcc, desenvolvido pelos colaboradores da FSF. Na verdade, quando Linus Torvalds resolveu fazer post da primeira versão do Linux (ainda uma versão pré-alfa) para a Internet, o sistema praticamente ainda só era capaz de correr o famoso compilador da linguagem C gcc, desenvolvido pelos colaboradores da FSF.

16 Linux e a Adesão Foi precisamente esse compilador que veio permitir a todas as pessoas que fizeram download da primeira versão do Linux, começarem de imediato a desenvolver novas aplicações neste novo sistema operativo. Foi precisamente esse compilador que veio permitir a todas as pessoas que fizeram download da primeira versão do Linux, começarem de imediato a desenvolver novas aplicações neste novo sistema operativo. Também adaptaram ao Linux muitas outras aplicações, que tinham sido feitas noutros sistemas operativos (na altura já existiam dezenas de programas Open Source). Também adaptaram ao Linux muitas outras aplicações, que tinham sido feitas noutros sistemas operativos (na altura já existiam dezenas de programas Open Source).

17 Linux O aspecto mais importante do Linux está no facto de ter sido, desde o início, licenciado sob a licença GPL. O aspecto mais importante do Linux está no facto de ter sido, desde o início, licenciado sob a licença GPL. Isto possibilitou que muitas pessoas pudessem começar a modificar o sistema e a adicionar cada vez mais características novas, bem como novos drivers para cada vez mais hardware. Isto possibilitou que muitas pessoas pudessem começar a modificar o sistema e a adicionar cada vez mais características novas, bem como novos drivers para cada vez mais hardware.

18 Linux Nos primeiros tempos, sempre que alguém tinha necessidade de uma característica nova, ou possuía alguma placa de hardware que ainda não era suportada pelo sistema, só tinha uma solução: Nos primeiros tempos, sempre que alguém tinha necessidade de uma característica nova, ou possuía alguma placa de hardware que ainda não era suportada pelo sistema, só tinha uma solução: Entregava-se ao trabalho e implementava tudo por si próprio. Entregava-se ao trabalho e implementava tudo por si próprio. Se alguém encontrasse um erro, ou falha no sistema, apenas tinha que corrigir o problema e enviar o patch para as mailing-lists do Linux. Se alguém encontrasse um erro, ou falha no sistema, apenas tinha que corrigir o problema e enviar o patch para as mailing-lists do Linux. A próxima versão (que saía no dia seguinte) já iria incluir o seu patch e o seu nome aparecia na lista de menções honrosas dos contribuidores. A próxima versão (que saía no dia seguinte) já iria incluir o seu patch e o seu nome aparecia na lista de menções honrosas dos contribuidores.

19 Linux Actualmente ainda é possível a qualquer pessoa (programador) contribuir para o kernel do Linux ou para qualquer um dos muitos outros programas que fazem parte de qualquer distribuição de Linux. Actualmente ainda é possível a qualquer pessoa (programador) contribuir para o kernel do Linux ou para qualquer um dos muitos outros programas que fazem parte de qualquer distribuição de Linux. O Kernel do sistema cresceu tanto e foram corrigidos tantos erros, que hoje é considerado como um dos sistemas operativos mais estáveis e fiáveis que alguma vez existiu. O Kernel do sistema cresceu tanto e foram corrigidos tantos erros, que hoje é considerado como um dos sistemas operativos mais estáveis e fiáveis que alguma vez existiu. A probabilidade de encontrar erros num kernel de produção é quase nula. A probabilidade de encontrar erros num kernel de produção é quase nula.

20 Linux-Características Sistema Operativo (V 0.01 em 1991) Sistema Operativo (V 0.01 em 1991) É um programa que serve como inteface mais amigável para utilizar o computador. É um programa que serve como inteface mais amigável para utilizar o computador. Fiabilidade Fiabilidade Segurança Segurança Permite matar(kill) processos evitando a necessidade de reiniciar a máquina. Permite matar(kill) processos evitando a necessidade de reiniciar a máquina. Protecção a nível de ficheiros de uma forma muito simples Protecção a nível de ficheiros de uma forma muito simples Mais difícil de se propagarem virus Mais difícil de se propagarem virus Disponibilidade Disponibilidade Qualquer problema que surja pode ser resolvido, não só pelo código fonte diponível como também pela comunidade Linux na Internet Qualquer problema que surja pode ser resolvido, não só pelo código fonte diponível como também pela comunidade Linux na Internet Multitarefa Multitarefa Executa mais que um processo ao mesmo tempo Executa mais que um processo ao mesmo tempo MultiUtilizador MultiUtilizador Podem estar vários utilizadores ligados ao sistema(Maquina) em simultâneo. Podem estar vários utilizadores ligados ao sistema(Maquina) em simultâneo. MultiProcessador MultiProcessador Podem ser utilizados vários Processadores(CPUs) ao mesmo tempo Podem ser utilizados vários Processadores(CPUs) ao mesmo tempo Flexibilidade Flexibilidade MultiArquitectura MultiArquitectura Pode ser utilizado em várias plataformas: Intel e compatíveis, Motorola, Power PC, Digital Alpha, Spark, Mips,PDAs Pode ser utilizado em várias plataformas: Intel e compatíveis, Motorola, Power PC, Digital Alpha, Spark, Mips,PDAs Económico Económico Grátis Grátis Código Aberto (Open Source) Código Aberto (Open Source)

21 Desvantagens Alguns Programas do Windows não podem ser executados em Linux Alguns Programas do Windows não podem ser executados em Linux Como a maioria das aplicações a nível de utilizador de PCs estão desenvolvidas em Windows, algum hardware antigo e mesmo algum mais recente pode não ter compatibilidade com Linux Como a maioria das aplicações a nível de utilizador de PCs estão desenvolvidas em Windows, algum hardware antigo e mesmo algum mais recente pode não ter compatibilidade com Linux

22 Arquitectura do Linux Núcleo- Kernel Núcleo- Kernel Interface com o computador Interface com o computador Shell Shell Interface entre aplicações e Núcleo Interface entre aplicações e Núcleo Aplicações Aplicações Programas editores de texto, video, som, etc Programas editores de texto, video, som, etc

23 Kernel – Núcleo do Sistema Parte do sistema operativo, Parte do sistema operativo, Gere a memória do sistema, Gere a memória do sistema, Gere discos rígidos e ficheiros, Gere discos rígidos e ficheiros, Executa comunicações com outros computadores utilizando os protocolos de rede, Executa comunicações com outros computadores utilizando os protocolos de rede, verifica que cada utilizador apenas acede aos dispositivos, ficheiros e outros recursos a que lhe foi dado acesso pelo administrador do sistema. verifica que cada utilizador apenas acede aos dispositivos, ficheiros e outros recursos a que lhe foi dado acesso pelo administrador do sistema. Quando existem várias tarefas para executar em simultâneo (possivelmente de utilizadores diferentes), é também o kernel que garante que o tempo disponível ao CPU seja devidamente repartido por todas essas tarefas e utilizadores. Quando existem várias tarefas para executar em simultâneo (possivelmente de utilizadores diferentes), é também o kernel que garante que o tempo disponível ao CPU seja devidamente repartido por todas essas tarefas e utilizadores. Ou seja: o kernel é uma parte do sistema operativo que está escondida por dentro do sistema e faz com que tudo funcione, mas um utilizador normal nunca deveria chegar a aperceber-se da sua existência. Ou seja: o kernel é uma parte do sistema operativo que está escondida por dentro do sistema e faz com que tudo funcione, mas um utilizador normal nunca deveria chegar a aperceber-se da sua existência. Na verdade, é exactamente isto que costuma acontecer no Linux. Na verdade, é exactamente isto que costuma acontecer no Linux.

24 Shell Interpreta e executa os comandos Interpreta e executa os comandos Possibilidade de utilizar várias: Possibilidade de utilizar várias: sh – A primeira de todas. Utilizada no UNIX sh – A primeira de todas. Utilizada no UNIX csh – Shell com sintaxe da linguagem C csh – Shell com sintaxe da linguagem C tcsh – csh melhorada e com mais funcionalidades tcsh – csh melhorada e com mais funcionalidades bash – a mais utilizada em Linux, incluido o Caixa Mágica bash – a mais utilizada em Linux, incluido o Caixa Mágica bsh ou ash – primeira versão de bash bsh ou ash – primeira versão de bash ksh – Korn shell, contemporânea da bsh, e também usada no UNIX ksh – Korn shell, contemporânea da bsh, e também usada no UNIX

25 Ambiente Gráfico XFree86 XFree86 Surgiu em 1986 Surgiu em 1986 Derivou do X Windows(UNIX) sendo a sua versão Open Source Derivou do X Windows(UNIX) sendo a sua versão Open Source Vários Ambientes gráficos (Window Managers) Vários Ambientes gráficos (Window Managers) KDE KDE GNOME GNOME Fvwm2 Fvwm

26 Sistemas GNU/Linux Em 1984, Richard Stallman funda a GNU Em 1984, Richard Stallman funda a GNU GNU significa (GNU Not Unix) GNU significa (GNU Not Unix) Eram um conjunto de aplicações Open Source Eram um conjunto de aplicações Open Source Linux surge por Linus Benedict Torvalds Linux surge por Linus Benedict Torvalds Criação apenas do núcleo do sistema (Kernel) Criação apenas do núcleo do sistema (Kernel) Conclusão Conclusão A combinação das Aplicações GNU com Linux é que originaram o que agora se chama Linux A combinação das Aplicações GNU com Linux é que originaram o que agora se chama Linux No entanto o verdadeiro nome deveria ser GNU/Linux No entanto o verdadeiro nome deveria ser GNU/Linux

27 Acesso ao Linux Identificação do utilizador segundo 3 formas: Identificação do utilizador segundo 3 formas: Login do Utilizador – designação que o utilizador tem no sistema. Em conjunto com a password permite o acesso Login do Utilizador – designação que o utilizador tem no sistema. Em conjunto com a password permite o acesso Nome do utilizador – Nome real do Utilizador Nome do utilizador – Nome real do Utilizador ID do utilizador – (User ID) é um numero atribuido ao utilizador no momento da criação da conta ID do utilizador – (User ID) é um numero atribuido ao utilizador no momento da criação da conta Tal como em outros sistemas para se trabalhar no linux tem de se inserir o login e a palavra-chave ou senha (Password) Tal como em outros sistemas para se trabalhar no linux tem de se inserir o login e a palavra-chave ou senha (Password)

28 Tipo de utilizadores O superutilizador (superuser) O superutilizador (superuser) Este será o administrador do sistema. O seu login de utilizador é root. O seu ID normalmente é zero ID=0 Este será o administrador do sistema. O seu login de utilizador é root. O seu ID normalmente é zero ID=0 Ele tem privilégios especiais sobre o sistema. É ele que cria os restantes utilizadores Ele tem privilégios especiais sobre o sistema. É ele que cria os restantes utilizadores Também será ele que deverá definir os privilégios de acesso que cada um poderá ter Também será ele que deverá definir os privilégios de acesso que cada um poderá ter O utilizador normal O utilizador normal Não tem privilégios especiais. Não tem privilégios especiais. Em termos de segurança isso limita as hipóteses de cometer erros por forma a danificar o sistema ou a propagar virus Em termos de segurança isso limita as hipóteses de cometer erros por forma a danificar o sistema ou a propagar virus Obs.: Mesmo o administrador deve evitar utilizar a conta de root para acessos normais


Carregar ppt "Linux Caixa Mágica Um Conceito de Software Livre."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google