A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS REITORES DAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS 2ª Conferência – Fórum da Gestão do Ensino Superior Nos Países e Regiões de.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS REITORES DAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS 2ª Conferência – Fórum da Gestão do Ensino Superior Nos Países e Regiões de."— Transcrição da apresentação:

1 ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS REITORES DAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS 2ª Conferência – Fórum da Gestão do Ensino Superior Nos Países e Regiões de Língua Portuguesa MACAU / CHINA Reitor João Carlos Gomes / Universidade Estadual de Ponta Grossa-ParanáPresidente/ ABRUEM

2 O papel das Universidades Públicas Estaduais e Municipais no Desenvolvimento da Educação Superior no Brasil Reitor João Carlos Gomes / Universidade Estadual de Ponta Grossa-ParanáPresidente/ ABRUEM

3 “A congregação das universidades estaduais e municipais brasileiras em torno de seus propósitos institucionais" A ABRUEM congrega 40 Universidades Públicas Estaduais e Municipais Brasileiras associadas, distribuídas em 22 Estados com uma população de aproximadamente alunos regularmente matriculados e docentes.

4 UEA UEPA UNITINS UERR UEAP

5

6 UNEMAT UEMS UEG FESURV

7

8

9

10 NÚMEROS ABRUEM

11 Corpo Docente Titulação:Numero:Percentual: Especialistas % Mestres % Doutores % Total Docentes %

12 GRADUAÇÃO Cursos de Graduação2.234 Alunos de Graduação PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO Mestrados791 Doutorados521 Alunos de Pós-Graduação Stricto-Sensu TOTAL DE ALUNOS (Graduação e Pós-Graduação): (43%) do Sistema Público

13 O papel das Universidades Públicas Estaduais e Municipais no Desenvolvimento da Educação Superior no Brasil. O compromisso de nossas instituições é ofertar um ensino superior de qualidade, onde podemos destacar cinco pilares que priorizamos para atingirmos esta qualidade acadêmica:

14 ENSINO DE QUALIDADE 1. Modelo Acadêmico de Pertinência Social 2. Pesquisa e Pós-Graduação 3. Integração com a Comunidade Produtiva e Inovação 4. Mobilidade Acadêmica 5. Educação a Distância

15 ENSINO DE QUALIDADE 1. Modelo Acadêmico de Pertinência Social “participação na busca de solução para os problemas principais da comunidade onde [a Universidade] está inserida...”....formar pessoas, nas suas áreas específicas, mas tendo como ponto de partida e chegada a comunidade e o entorno onde esta Universidade se encontra.

16 ENSINO DE QUALIDADE A Universidade... deve ser sensível [aos] problemas e apelos [da sociedade], sejam os expressos pelos grupos sociais com os quais interage, sejam aqueles definidos ou apreendidos por meio de suas atividades próprias de Ensino, Pesquisa e Extensão

17 ENSINO DE QUALIDADE A ação cidadã das Universidades não pode prescindir da efetiva difusão e democratização dos saberes nelas produzidos, de tal forma que as populações, cujos problemas se tornam objeto da pesquisa acadêmica, sejam também consideradas sujeito desse conhecimento, tendo, portanto, pleno direito de acesso às informações resultantes dessas pesquisas

18 ENSINO DE QUALIDADE A prestação de serviços deve ser produto de interesse acadêmico, científico, filosófico, tecnológico e artístico do Ensino, Pesquisa e Extensão, devendo ser encarada como um trabalho social... que visem à transformação social

19 ENSINO DE QUALIDADE 2. Pesquisa e Pós-Graduação (ABRUEM) PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO Mestrados791 Doutorados521 Alunos de Pós-Graduação Stricto-Sensu

20 ENSINO SUPERIOR Modelo brasileiro atual Graduação Bacharelados Duração – 4, 5 ou 6 anos Doutorado Duração – 4 anos Mestrado Duração – 2 anos Graduação Licenciaturas Duração – 4 anos POS-GRADUAÇÃO lato- sensu Especialização – Duração a 1200 hs

21 Brasil: Dispêndio das instituições com cursos de pós- graduação stricto sensu reconhecidos pela Capes/MEC como aproximação dos dispêndios em pesquisa e desenvolvimento das instituições de ensino superior (1), (bilhão de reais) AnoFederaisEstaduaisParticularesTotais ,41.544,4143,63.211, ,41.758,9179,33.528, ,41.971,3241,94.074, ,32.098,4321,04.578, ,91.849,7359,64.752, ,11.965,3413,64.995, ,52.001,6467,65.788, ,93.022,9670,78.085, ,13.600,3746,69.380, ,73.715,1806,59.572, ,84.508,0832, ,2

22 Mestres Doutores MESTRES E DOUTORES TITULADOS ANUALMENTE NO BRASIL Fonte: GEOCAPES

23 Número de doutores titulados no Brasil por natureza jurídica das instituições, ( Doutores 2010: Estudos da Demografia da Base Técno-Científica Brasileira - CGEE)

24 Publicações científicas 2,7% 13ª posição no Mundo O Brasil tem hoje mais de pesquisadores. Tem a maior e mais qualificada comunidade de C&T da América Latina

25 BRASIL 2,7 Produção Científica Mundial

26 Produção Científica: Brasil e Mundo JAG Evolução da taxa de crescimento da producão científica – Brasil x Mundo

27 ANO TOTAL , , ,51 Fonte: CONFAP Investimentos Estaduais Fundações Estaduais que apoiam a pesquisa (valores em Reais)

28 ENSINO DE QUALIDADE 3. Integração com a Comunidade Produtiva e Inovação ABRUEM “Terceira Variação da Hélice Tripla do Desenvolvimento” A universidade passa a ter desempenho quase governamental, como, por exemplo, organizadora da inovação tecnológica local ou regional.

29 ABRUEM Investimentos dos Governos Estaduais X Federal Ciência e Tecnologia (C&T) (bilhões de reais) Fonte – Portal MCT Investimentos dos Governos Estaduais Investimentos do Governo Federal Total 2.854,33.287,03.473,23.705,63.900,74.027,34.282,05.687,47.138,88.424, , Total 3.342,83.883,54.127,44.902, ,07.594,79.547, , ,2 MCT 1.255,61.613,41.514,12.000,92.228,62.690,53.193,13.645,84.396,85.251,86.445,4 MEC 2.087,22.270,12.613,32.901,83.347,13.631,54.401,65.901,36.576,76.996,68.508,8

30 ENSINO DE QUALIDADE 4. Mobilidade Acadêmica

31 ENSINO DE QUALIDADE

32 ENSINO DE QUALIDADE

33 ENSINO DE QUALIDADE 5. Educação a Distância 28 UNIVERSIDADES ESTADUAIS VINCULADAS SISTEMA UAB APROX ALUNOS Fontes: NORTE SUL NORDESTE CENTRO OESTE SUDESTE ABRUEM – Relatório – 20/09/2011 Câmara de Educação a Distância/UAB MEC/CAPES

34 Universidade do Estado do Pará – UEPA – PA Universidade do Estado do Amazonas – UEA - AM Universidade de Tocantins – UNITINS - TO NORTE alunos UNIVERSIDADEALUNOS UEPA2973 UEA- UNITINS15570 NORTE SUL NORDESTE CENTRO OESTE SUDESTE

35 Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas – UNCISAL– AL Universidade Estadual do Alagoas – UNEAL – AL Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS – BA Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – UESB – BA Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC – BA Universidade do Estado da Bahia – UNEB – BA Universidade Estadual do Ceará – UECE – CE Universidade Estadual do Maranhão – UEMA – MA Universidade Estadual da Paraíba – UEPB – PB Universidade de Pernambuco – UPE – PE Universidade Estadual do Piauí – UESPI – PI Universidade do Estado do Rio Grande do Norte – UERN – RN NORDESTE alunos UNIVERSIDADEALUNOS UNCISAL2106 UNEAL- UEFS- UESB1832 UESC1388 UNEB6164 UECE2043 UEMA6525 UEPB2000 UPE1348 UESPI1187 UERN- NORTE SUL NORDESTE CENTRO OESTE SUDESTE

36 CENTRO OESTE alunos Universidade Estadual de Goiás – UEG - GO Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul – UEMS - MS Universidade Estadual de Mato Grosso – UNEMAT - MT UNIVERSIDADEALUNOS UEG1968 UEMS592 UNEMAT1076 NORTE SUL NORDESTE CENTRO OESTE SUDESTE

37 Universidade do Estado de Minas Gerais – UEMG – MG Universidade Estadual de Montes Claros – UNIMONTES – MG Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro – UENF – RJ Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ – RJ Universidade Estadual Paulista – UNESP – SP SUDESTE alunos UNIVERSIDADEALUNOS UEMG- UNIMONTES3200 UERJ30620 UNESP10260 UENF1320 NORTE SUL NORDESTE CENTRO OESTE SUDESTE

38 Universidade Estadual de Londrina – UEL – PR Universidade Estadual de Maringá – UEM – PR Universidade Estadual de Ponta Grossa – UEPG – PR Universidade Estadual do Centro-Oeste – UNICENTRO – PR Fundação Universidade do Estado de Santa Catarina – UDESC – SC SUL alunos UNIVERSIDADEALUNOS UEL2900 UEPG7369 UEM10413 UNICENTRO3000 UDESC1729 NORTE SUL NORDESTE CENTRO OESTE SUDESTE

39 ABRUEM Plano Nacional de Formação dos Professores da Educação Básica Participação da ABRUEM

40 ABRUEM Plano Nacional de Formação dos Professores da Educação Básica IES ESTADUAIS E MUNICIPAIS Nº de vagas Total Universidade Estadual de Alagoas – UNEAL Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas - UNCISAL Universidade Estadual do Amapá - UEAP Universidade do Estado do Amazonas - UEA Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – UESB Universidade do Estado da Bahia – UNEB Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC Universidade Regional do Cariri – URCA Universidade Estadual Vale do Acaraú – UVA Universidade Estadual do Ceará – UECE Universidade Estadual de Goiás – UEG Universidade Estadual do Maranhão – UEMA Universidade do Estado do Mato Grosso - UNEMAT Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul – UEMS

41 ABRUEM 28 IES ESTADUAIS E MUNICIPAIS Nº de vagas Total Universidade do Estado do Pará – UEPA Universidade Estadual da Paraíba – UEPB Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG Universidade Estadual de Londrina – UEL Universidade Estadual de Maringá – UEM Universidade Estadual do Centro-Oeste – UNICENTRO Universidade Estadual do Oeste do Paraná – UNIOESTE Universidade de Pernambuco – UPE Universidade do Estado do Piauí – UESPI Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro – UENF Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ Universidade do Estado do Rio Grande do Norte – UERN Universidade Estadual de Roraima – UERR IES Plano Nacional de Formação dos Professores da Educação Básica

42 Home page - – OBRIGADO Reitor João Carlos Gomes / Universidade Estadual de Ponta Grossa-ParanáPresidente/ ABRUEM


Carregar ppt "ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS REITORES DAS UNIVERSIDADES ESTADUAIS E MUNICIPAIS 2ª Conferência – Fórum da Gestão do Ensino Superior Nos Países e Regiões de."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google