A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

JOSÉ AUGUSTO C.BARROS/DMS/CCS/UFPE PROPAGANDA E OUTRAS ESTRATÉGIAS DOS PRODUTORES: NA CONTRA-MÃO DO USO RACIONAL DOS MEDICAMENTOS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "JOSÉ AUGUSTO C.BARROS/DMS/CCS/UFPE PROPAGANDA E OUTRAS ESTRATÉGIAS DOS PRODUTORES: NA CONTRA-MÃO DO USO RACIONAL DOS MEDICAMENTOS."— Transcrição da apresentação:

1 JOSÉ AUGUSTO C.BARROS/DMS/CCS/UFPE PROPAGANDA E OUTRAS ESTRATÉGIAS DOS PRODUTORES: NA CONTRA-MÃO DO USO RACIONAL DOS MEDICAMENTOS A PROPAGANDA DE MEDICAMENTOS ENSP / FIOCRUZ Rio de janeiro, 09 e

2 “”Se só fazemos o que sempre fizemos, teremos sempre e só, o que sempre tivemos” Granny Donaldson

3 FATOS RECENTES 1- O vice-presidente de marketing do Johnson & Johnson-Merck Consumer Pharmaceuticals Co propõe à FDA, em janeiro de 2005, oferecer uma versão de baixa dose de lovastatina (medicamento para hipercolesterolemia), sem exigência de prescrição, o que ajudaria a milhões de estadounidenses que estariam sob risco de cardiopatias a obter o tratamento necessário.

4 Pergunta chave ESSA DECISÃO, NÃO ESTIMULARIA A OPÇÃO MEDICAMENTOSA EM LUGAR DE ALTERAÇÕES NO ESTILO DE VIDA ???

5 FATOS RECENTES 2- New England Journal of Medicine publica artigo em setembro 2004 que aponta riscos cardiovasculares aumentados em uso prolongado do rofecoxib Evidências, neste sentido, já existiam há mais de 2 anos!!!...

6 FATOS RECENTES 3- O SISTEMA DE SAÚDE ENVOLVE PACIENTES, MÉDICOS, HOSPITAIS, LAORATÓRIOS, FARMÁCIAS E ATÉ O GOVERNO. NÓS, PORÉM, SOMOS OS ÚNICOS QUE TORNAMOS PÚBLICOS NOSSOS LUCROS. É UMA SITUAÇÃO PROFUNDAMENTE DIFÍCIL. POR UM LADO, PRODUZIMOS REMÉDIOS QUE AJUDAM PACIENTES. POR OUTRO, TEMOS LUCROS COM ISSO. ÀS VÊZES, MUITO LUCRO (Daniel Vasella, Presidente do NOVARTIS, Entrevista à revista VEJA, )

7 RESPOSTA 1 O comitê assessor da FDA aconselhou às autoridades reguladoras que desaprovassem a mudança de condição de venda de lovastatina (Mevacor ® ), assinalando que os estudos de Merck não haviam demonstrado que os pacientes estariam aptos a utilizar o fármaco de forma segura sem a visita ao médico

8 RESPOSTA 2 Produtor decide em retirar o vioxx do mercado mundial (80 países, com vendas anuais de US$2,5 bi) ®

9 Pergunta chave POR QUÊ AS AUTORIDADES REGULADORAS NÃO TOMARAM A INICIATIVA DE IMPOR RESTRIÇÕES AO USO OU DE RETIRAR O FÁRMACO DO MERCADO ???

10 THE WALL STREET JOURNAL (Estados Unidos) Merck, que poderia ter que pagar até US$20 bilhões aos ex-usuários do seu medicamento Vioxx, disse que somente os que tomaram Vioxx durante mais de 18 meses têm mais risco de sofrer ataques do coração e apoplexias, mas os resultados preliminares de um ensaio clínico realizado pela empresa sugerem que o risco é evidente muito antes

11 Primeira vitória judicial Merck tem primeira derrota no caso Vioxx Folha de S.Paulo,  Empresa é condenada a pagar US$ 253,5 milhões (24,5 por perdas econômicas e desgaste mental e 229 como punição à companhia, por ter vendido um remédio mesmo sabendo de todos os seus riscos) à viúva de Robert Ernst, 59 anos, que morreu de arritmia cardíaca, não de infarto, efeito mais diretamente ligado ao uso contínuo do Vioxx  Mais de 20 milhões usaram o medicamento em 80 países

12  A empresa vai recorrer da decisão e está disposta a combater, ainda que individualmente, os mais de 4 mil processos de ex-pacientes  A estimativa é de que a 3ª maior farmacêutica do país está sujeita a processos que somam mais de US$ 18 bilhões

13 EL MUNDO (Espanha) Merck ha respirado aliviado tras ganar el segundo caso contra su medicamento Vioxx, sobre todo despues de la derrota millonaria que sufrio en el primero. Sin embargo, a la compania aun le quedan miles de demandas que lidiar. El nuevo veredicto puede frenar la cantidad de demandas contra la companhia, aunque los expertos creen que todavia es pronto para saber como evolucionarán los demas casos

14 Kenneth Frazier, vicepresidente y consejero delegado de Merck Sharp & Dohme, comentó que la empresa se enfrenta a unas demandas de pacientes o familiares que asocian sus problemas de salud al consumo del farmaco Vioxx. Los analistas opinan que con solo dos juicios (sobre todo, teniendo en cuenta que sus veredictos son opuestos) es pronto para ver como se zanjaran las demas demandas y habra que esperar a ver que sucede con otros litigios antes de empezar a hablar de una tendencia.

15 Pfizer Inc. agregou na embalagem de seu medicamento para a artrite Celebrex uma advertência sobre seus possíveis riscos cardiovasculares, como ataques cardíacos Pfizer comentou que a advertência incluída na caixa do medicamento - um dos principais produtos da empresa, cujas vendas caíram abruptamente devido a preocupações sobre sua segurança - recomenda que seja prescrito “à menor dose efetiva com a menor duração possível” REUTERS,

16 A lucratividade do setor farmacêutico tem sido superior à de outros ramos da indústria (nos EUA em 2001, 18,5% X 3,3%,segundo Fortune) As 09 principais do setor nos EUA, faturaram, em 2004, US$ 215 bilhões, com margem de lucro de 16%

17 O INVESTIMENTO EM PUBLICIDADE É MUITO MAIOR QUE O DESTINADO À P & D As 9 grandes do setor nos EUA investiram, em 2004, apenas 15% do seu faturamento em P & D e 32% em marketing e administração

18 ESTRATÉGIAS PUBLICITÁRIAS Empresa Gastos com marketing, publicidade e administração Gastos com P & D Merck Pfizer Bristol-Meyers-Squibb Abott Wyeth Pharmacia Eli Lilly Schering-Plough Allergan Porcentagem de gastos realizados, em 2001, por nove empresas farmacêuticas em publicidade e P & D Fonte: Families US

19 Fonte: Rosenthal, 2002 Gastos com propaganda direta ao consumidor/EUA/

20 PRODUTOGASTO PUBLICIDADE (US$ MILHÕES) VENDAS (US$ MILHÕES) % A MAIS EM RELAÇÃO A 1999 Viox  (rofecoxib) Prilosec  (omeprazol) Clartin  (loratadina) Paxil  (paroxetina) Zocor  sinvastatina) Viagra  (sildenafil) Celebrex  celecoxib) Flonase  (fluticasona) Allegra  fexofenadina) 160,8 107,5 99,7 91,8 91,2 89,5 78,3 73,5 67, , , , , ,0 809, ,5 618, , , , , , , , , , ,3 FUENTE: Scrip, 2001 Produtos mais frequentemente promovidos nos EUA em 2000

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

32

33 MARATHON Laboratorio: Armstrong Composición: Coenzima Q10 10 mg; Extracto de Ginseng Coreano 40 mg; Extracto de Ginseng Siberiano 40 mg; Pro-Vitamina A U.I.; Vitamina D3 200 U.I.; Vitamina E 45 U.I.; Vitamina C 60 mg; Tiamina 800 Ýg; Riboflavina 1 mg; Vitamina B6 1 mg; Vitamina B12 1,5 mcg; Niacina 10 mg; Acido Pantotónico 5 mg; Acido Fólico 200 mcg; Biotina 20 Ýg; Hierro 10 mg; Zinc 7,5 mg; Cobre 1 mg; Magnesio 50 mg; Calcio 26 mg; Fósforo 20 mg; Manganeso 1,2 mg; Potasio 7,5 mg; Selenio 40 mcg; Molibdeno 7,5 mcg; Cromo 7,5 mcg; Excipiente c.s. Acción terapéutica: Complejo multivitamínico con Minerales, Extractos de Ginseng Coreano y Siberiano y Coenzima Q10. Posee Acción antioxidante. La Coenzima Q, de amplia distribución en el organismo, es el principal dador móvil de electrones de la cadena respiratoria y en la fosforilación oxidativa, estos son los mecanismos responsables de la síntesis de ATP reservorio y fuente celular de energía metabólica. Dosificación: Adultos y niños mayores de 12 años: Ingerir 2 cápsulas de gelatina blanda por día durante las primeras 2 a 3 semanas de tratamiento; luego, 1 cápsula de gelatina blanda por día. Tomarlo preferentemente junto con la primera comida del día. Contraindicaciones: Hemocromatosis y hemosiderosis. Dado que no se ha probado el producto durante el embarazo y la lactancia, el médico deberá evaluar su riesgo y beneficio antes de Indicaciones:ar el producto en estas situaciones. Precauciones: Administrar con precaución a menores de 12 años. Presentación: Envases con 30 capsulas ($39) y 60 cápsulas. ($79) 27 principios activos!!!

34 Pharmaton® Complex (Ginseng, Dimetilaminoetanol, Vitaminas A, B1, B6, B12, C, D2, E, Nicotinamida, Calcio, Rutina, Hierro, Fluor, Cobre, Potasio, Manganeso, Magnesio, Cinc, Colina, Inositol, Lecitina) Reconstituyente??? dimetilaminoetamol, una sal que, cuando está presente en el cuerpo, produce que regrese la memoria, mejoren los patrones del sueño, un pensamiento más claro y un sentimiento general de bienestar y salud. Además el dimetilaminoetanol reduce o elimina los síntomas del cerebro más comunes en jóvenes y los ancianos incluyendo mareos, dolores de cabeza y pérdida o cambios en las capacidades auditivas ?????? 22 principios activos!!!

35 18 principios activos!!!!

36

37

38

39

40 Medicalização de cães e gatos: stress??

41 Estudo feito no RGS avaliou material dirigido a médicos (folhetos avulsos, anúncios em revistas não científicas de divulgação médica, monografias de produtos)

42 ESTRATEGIAS PUBLICITARIAS Argumentos mais utilizados:  Eficácia  Comodidade posológica  Rapidez de ação  Alta tolerabilidade  Segurança

43 ESTRATEGIAS PUBLICITÁRIAS ANTIBIÓTICOS são comparados com ‘aviões em batalha’ PRODUTOS PARA REPOSIÇÃO HORMONAL se associam a mulheres ‘jovens’ e ‘bonitas’ E ANTI-HIPERTENSIVOS com idosos ‘joviais’ e ‘ativos’

44 CIÊNCIA E NEGÓCIOS Na indústria farmacêutica convivem, de forma não isenta de conflitos, ciência e negócios, isto é, tanto o benefício para a comunidade através da promoção da saúde, como a ânsia de lucro empresarial. A indústria farmacêutica sempre tenta justificar o preço elevado dos medicamentos em função das inversões que realiza em P & D.

45 Na medida em que o acesso ao consumo foi convertido no objetivo principal para o desfrute de níveis satisfatórios de bem-estar, bons níveis de saúde passaram a ser vistos como dependendo do acesso a tecnologias diagnóstico- terapêuticas.

46 A MEDICALIZAÇÃO Em uma sociedade em que, para quaisquer problemas, busca-se um ‘remédio’ oferecido pela ciência, os antigos instrumentos de dominação mágica do mundo foram substituidos por objetos técnicos.

47 MEDICALIZAÇÃO Em virtude das funções atribuídas aos fármacos, a expectativa é de que os mesmos tragam algum conforto moral, diminuam a sensação de insegurança, aliviem a angústia, preencham vazios, em suma, ajudem a viver


Carregar ppt "JOSÉ AUGUSTO C.BARROS/DMS/CCS/UFPE PROPAGANDA E OUTRAS ESTRATÉGIAS DOS PRODUTORES: NA CONTRA-MÃO DO USO RACIONAL DOS MEDICAMENTOS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google