A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

BIODIVERSIDADE UM PATRIMÔNIO À PRESERVAR. BIODIVERSIDADE.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "BIODIVERSIDADE UM PATRIMÔNIO À PRESERVAR. BIODIVERSIDADE."— Transcrição da apresentação:

1 BIODIVERSIDADE UM PATRIMÔNIO À PRESERVAR

2 BIODIVERSIDADE

3 BIODIVERSIDADE Níveis de Diversidade Diversidade de Ecossistemas Diversidade de Comunidades Diversidade de Espécie Diversidade Gênica Biodiversidade: Número de espécie descrita, em uma determinada região

4 BIODIVERSIDADE UM PATRIMÔNIO À PRESERVAR Importância da Biodiversidade Conceito A: TODA E QUALQUER ESPÉCIE, MESMO ESPÉCIES RARAS, CONTRIBUI PARA OS SERVIÇOS DO ECOSSISTEMA. Conceito B: POUCAS ESPÉCIES DESEMPENHAM PAPÉIS IMPORTANTES NO ECOSSISTEMAS, SENDO MUITAS REDUNDANTES.

5 BIODIVERSIDADE UM PATRIMÔNIO À PRESERVAR Extinção de Espécies Extinção de Fundo: Substituição de espécies, através da mudança dos ecossistemas. Extinção Maciça: Catástrofe Natural Extinção Antrópica: Alterações no ecossistema causado pelo Homem

6 Causas de Extinção 1.Perda do Habitat 2. Super exploração Ex.: Pesca Comercial 3. Caça– Região Norte do Brasil c) Fragmentação b) Espécies exóticas a)Poluição – alteração do ambiente

7 - Hoje se conhece cerca de 1,7 milhões de espécies - Estima-se que seja entre 10 a 100 milhões de espécies - Maiores grupos são: plantas com 220 mil espécies insetos com 750 mil espécies - A diversidade de espécies de água doce e terrestres é maior que a do ambiente marinho. que a do ambiente marinho. BIODIVERSIDADE UM PATRIMÔNIO À PRESERVAR

8 BRASIL, O PAÍS DA MEGADIVERSIDADE - Área de 8,5 milhões Km 2 (3,5 milhões Km 2 de costa) - Possue várias zonas climáticas gerando distintos biomas maior floresta tropical úmida - Floresta Amazônica: maior floresta tropical úmida maior planície inundável - Pantanal: maior planície inundável cerrado, caatinga, mata Atlântica, recifes de corais, dunas, manguezais, lagos, estuários - Outros biomas: cerrado, caatinga, mata Atlântica, recifes de corais, dunas, manguezais, lagos, estuários Esta variedade de biomas reflete o grande número de espécies e principalmente favorece o surgimento de espécies endêmicas

9 - Brasil possui mais de 20% das espécies do mundo - Maior número de espécies: - 55, cerca de 24% do total mundial - Primatas: 55, cerca de 24% do total mundial BRASIL, O PAÍS DA MEGADIVERSIDADE

10 - Brasil possui mais de 20% das espécies do mundo - Maior número de espécies: - 516, cerca de 20% do total mundial - Anfíbios: 516, cerca de 20% do total mundial BRASIL, O PAÍS DA MEGADIVERSIDADE

11 - Brasil possui mais de 20% das espécies do mundo - Maior número de espécies: , sendo marinhas e de água doce, cerca de 35% do total mundial - Peixes: 8.000, sendo marinhas e de água doce, cerca de 35% do total mundial BRASIL, O PAÍS DA MEGADIVERSIDADE

12 - Brasil possui mais de 20% das espécies do mundo - Maior número de espécies: , cerca de 22% do total mundial - Flora: , cerca de 22% do total mundial BRASIL, O PAÍS DA MEGADIVERSIDADE

13 - Brasil possui alto grau de endemismo - 68 espécies, cerca de 10% do total mundial - Mamíferos: 68 espécies, cerca de 10% do total mundial

14 BRASIL, O PAÍS DA MEGADIVERSIDADE - Brasil possui alto grau de endemismo espécies, cerca de 17% do total mundial - Aves: 191 espécies, cerca de 17% do total mundial

15 BRASIL, O PAÍS DA MEGADIVERSIDADE - Brasil possui alto grau de endemismo espécies, cerca de 10% do total mundial - Répteis: 172 espécies, cerca de 10% do total mundial

16 BRASIL, O PAÍS DA MEGADIVERSIDADE - Brasil possui alto grau de endemismo espécies, cerca de 10% do total mundial - Anfíbio: 294 espécies, cerca de 10% do total mundial

17 O QUÊ É BIODIVERSIDADE? - O termo diversidade biológica embora popular atualmente, só foi usado na literatura a partir de Já a expressão BIODIVERSIDADE só em O termo é a união de: número de espécies e suas interações - variabilidade ecológica: número de espécies e suas interações diversidade de alelos nos vários loci gênicos ou diversidade de seqüências de DNA nas espécies - variabilidade genética: diversidade de alelos nos vários loci gênicos ou diversidade de seqüências de DNA nas espécies

18 PORQUÊ CONSERVAR A BIODIVERSIDADE? - A espécie humana é dependente da Biodiversidade QUESTÃO DE SOBREVIVÊNCIA QUESTÃO DE SOBREVIVÊNCIA Recursos Biológicos - 40% da economia mundial - cerca de 100% da alimentação mundial - 30% da fonte de energia no Brasil - Matéria prima de importantes fármacos - Estima-se que 2 a 8% das espécies atuais estarão extintas em 25 anos - Além da tragédia ecológica, terá graves influencias no desenvolvimento social e econômico mundial

19 QUAIS OS PRINCIPAIS PROCESSOS RESPONSÁVEIS PELA PERDA DE BIODIVERSIDADE? - Destruição e fragmentação de hábitat - Introdução de espécies e doenças exóticas - Exploração excessiva de espécies - Uso de híbridos e monoculturas na agroindústria e nos reflorestamentos - Contaminação do solo, água e ar por poluentes - Mudanças climáticas Principal Agente causador: Principal Agente causador: HOMEM

20 ESTRATÉGIAS PARA CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE - Criação de parques e áreas de proteção - Uso sustentável de áreas protegidas - Manejo de espécies ameaçadas - Criação em cativeiro - Banco de sementes e de germoplasma - Banco de sêmen e embriões - Conservação genética de espécies: local protegido in situ: local protegido amostras de DNA ex situ: amostras de DNA

21 CONSERVAÇÃO GENÉTICA? - Teve início a cerca de 20 anos, mas só a partir de 1995 teve reconhecimento científico - O objetivo principal é estudar a diversidade genética nas populações naturais das espécies sob ação antrópica - O primeiro passo é conhecer as relações genéticas entre os organismos estudados - O segundo passo é aplicar técnicas de manejo para preservar a diversidade biológica das espécies Conservação genética: união da ecologia, biologia molecular, genética de populações, estatística e sistemática evolutiva

22 O QUÊ É DIVERSIDADE GENÉTICA? - É a variação genética, seja ela de seqüências de DNA ou alélicas, observada entre diferentes indivíduos da mesma espécie ou de diferentes espécies 1 gene determina a cor da flor 3 alelos: Vermelha Branca Amarela

23 O QUÊ É DIVERSIDADE GENÉTICA? VermelhaBrancaAmarela ACCGTTGGACCT flor vermelha ACCGTTGGA flor branca ACCGTT flor amarela

24 O QUÊ É DIVERSIDADE GENÉTICA? Baixa variabilidade genética Alta variabilidade genética POP A POP B

25 POR QUÊ A DIVERSIDADE GENÉTICA É TÃO IMPORTANTE? - Se a diversidade genética for baixa em vários genes numa espécie, esta espécie estará correndo sérios riscos de extinção - Se a maioria dos genes tiver apenas um alelo, todos os indivíduos serão praticamente idênticos - Se houver uma pressão seletiva (), nenhum indivíduo dessa população terá condições necessárias para suportar a nova condição, assim, a população sofrerá uma drástica redução - Se houver uma pressão seletiva (queda brusca de temperatura), nenhum indivíduo dessa população terá condições necessárias para suportar a nova condição, assim, a população sofrerá uma drástica redução

26 COMO OCORRE A REDUÇÃO DA DIVERSIDADE GENÉTICA? - A redução de diversidade genética nas populações é resultado de: (pressões seletivas, mudanças de migração, isolamento geográfico, estabelecimento de uma nova população por poucos indivíduos, efeito fundador) - Cada um destes fatores afetam os indivíduos da população resultando em diferentes freqüências alélicas nas futuras gerações. - Quanto menor a população, mais suscetível a estes fatores e a redução da diversidade genética

27 - Destruição de habitats - Destruição de habitats (grandes construções, hidroelétricas, shoppings, indústrias, aterros,...) - Redução no tamanho populacional de uma espécie (diminuição de pescado no pantanal e em represas, desaparecimento de algumas espécies na área nativa como macacos, panda, araras,...) COMO OCORRE A REDUÇÃO DA DIVERSIDADE GENÉTICA?


Carregar ppt "BIODIVERSIDADE UM PATRIMÔNIO À PRESERVAR. BIODIVERSIDADE."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google