A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Suíça. Dados Principais Sobre a Suíça Área: 41.290 km² Capital: Berna População: 7,86 milhões (estimativa 2010) Moeda: franco suíço Nome Oficial: Confederação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Suíça. Dados Principais Sobre a Suíça Área: 41.290 km² Capital: Berna População: 7,86 milhões (estimativa 2010) Moeda: franco suíço Nome Oficial: Confederação."— Transcrição da apresentação:

1 Suíça

2 Dados Principais Sobre a Suíça Área: km² Capital: Berna População: 7,86 milhões (estimativa 2010) Moeda: franco suíço Nome Oficial: Confederação Suíça - Confederação Helvética Nacionalidade: suíça Data Nacional: 1º de agosto (aniversário do Pacto de Rütli (1291) - Fundação Governo: República confederativa Divisão administrativa: dividida em 26 cantões (estados )Berna

3 Geografia da Suíça Localização: centro - oeste da Europa Cidade Principais: Zurique, Basileia, Genebra, Berna e Lausanne. Densidade Demográfica: 188 hab./km2 Fuso Horário: + 4h Clima: temperado continental Índice Pluviométrico: 800 mmEuropa ZuriqueBasileiaGenebraLausanne

4 Bandeira da Suíça e o brasão da bandeira da Suíça Brasão da bandeira Bandeira da Suíça

5 DADOS CULTURAIS E SOCIAIS Composição da População: alemães 65%, franceses 18%, italianos 10%, grisões 1%, espanhóis 2%, portugueses 1,5%, outros 2,5% Idioma: alemão, francês, romanche e italiano (oficiais) Religião: cristianismo 87,2% (católicos 46,2%, protestantes 40%, ortodoxos 1%), islamismo 2,2%, judaísmo 0,3%, outras 10,3%. IDH: 0,903 (Pnud 2011) - desenvolvimento humano muito alto. Gini: 33.7 (médio) - ano 2000 Taxa de analfabetismo: 1% População abaixo da linha de pobreza: 6,5% Mortalidade infantil: 4 (por nascimentos)

6 Economia Produtos Agrícolas: beterraba, batata, trigo, tomate e cevada. Pecuária: bovinos, suínos, caprinos e aves. Mineração: sal rochoso Indústria: farmacêutica, produtos lácteos, relógios e máquinas. Renda per capita: US$ (estimativa 2010). PIB: US$ 324,5 bilhões (estimativa 2010) tomate

7 Línguas Oficiais Alemão Francês Italiano Romanche

8 Moeda A moeda oficial do país é o Franco Suíço (CHF). Apesar da Suíça não fazer parte da Comunidade Europeia e ainda não ter convertido a sua moeda para o Euro, muitos preços são indicados em Euros para que os visitantes possam compará-los. Os comerciantes aceitam o Euro como forma de pagamento, porém não são obrigados a fazê-lo. Se houver troco, muito provavelmente será feito em francos.

9 Capital e cidades mais importantes Capital: Berna Cidade Principais: Zurique, Basileia, Genebra, Berna e LausanneBerna ZuriqueBasileia GenebraLausanne

10 Governo O Governo da Suíça é constituído por um Conselho Federal, que representa o poder executivo, eleito indiretamente pelas duas assembleias reunidas: o Conselho Nacional e o Conselho dos Estados, que juntas formam o Parlamento suíço, a Assembleia Federal (Die Bundesversammlung, L' Assembleia federal ). Conselho NacionalConselho dos Estados

11 Gastronomia na Suíça A gastronomia típica helvética é claramente feita à base de leite. Os suíços, juntamente com os franceses, produzem queijo para a raclette que é derretida e servida com batatas cozidas e pickles. Além do queijo, come-se muita massa, como o äplermakronen, uma massa com queijo e batatas, prato típico de inverno, o chocolate também é muito famoso no país e além mundo. A empresa Nestlé, sediada em Vevey (Vaud), produz chocolate suíço para ser comercializado em todo o Mundo. Na parte alemã é comum encontrar o rösti em formato de panqueca, é feito de batatas cozidas e raladas, a massa misturada com manteiga podendo juntar bacon, cebolas, entre outros ingredientes, é então colocada em uma frigideira e tostada dos dois lados. Também é comum encontrar pratos feitos a partir de castanhas, sobretudo nas zonas montanhosas (Valais e Tessino).francesesraclette pickleschocolateNestléVeveyVaudröstibaconcastanhas

12 Gastronomia na Suíça Os vinhos suíços não são muito famosos no mundo, pois a produção vinhateira na Suíça é muito reduzida, apesar da tecnologia usada no processo de obtenção. A cidra de maçã, o absinto de Jura e a Rivella são outras bebidas famosas.vinhoscidraabsintoJuraRivella Tortas e quiches também são tradicionalmente encontradas na Suíça. Em particular, as tortas são feitas de todos os modos, desde maçã à cebola. Outro prato típico são os cervelats, linguiça suíça feita especialmente no país e no sul da Alemanha. Na Suíça, a culinária é influenciada pelas outras culturas adjacentes como a francesa, alemã e italiana.quiches cervelatsfrancesaalemã italiana

13 Artes Nas várias artes que compõe a cultura, desde o cinema à literatura, passando pela música e pela arquitectura, a Suíça apresenta uma boa diversidade nestas áreas. Na música, dá-se grande ênfase à música folclórica única no mundo. Na história da música não há grandes compositores destacados mas acredita-se que tenha dado boas contribuições. Atualmente as rádios nacionais são obrigadas por lei a emitir programas culturais sobre a Suíça. DJ Bobo é um cantor suíço conhecido na Europa e que teve destaque na Eurovisão.DJ Bobo No campo da literatura existe uma diversidade de autores e livros, dado o multilinguismo presente no território. Alguns autores conhecidos são Jean-Jacques Rousseau, Blaise Cendrars, Hermann Hesse… Alguns deles são confundidos com outra nacionalidade, pois publicam muitos livros nas capitais dos países vizinhos. Jean-Jacques RousseauBlaise CendrarsHermann Hesse Alguns atores suíços são também conhecidos no mundo inteiro, sobretudo a intérprete da primeira bond - girl em Dr. No, Úrsula Andress.Dr. NoÚrsula Andress

14 Curiosidades A expectativa de vida na Suíça praticamente dobrou de 1900 para cá. Um homem nascido hoje viverá em média 77.9 anos, enquanto que a mulher chegará aos 83 anos. A suíça tem 1,11% de habitantes com mais de 100 anos, a mais alta percentagem da Europa. Apenas os japoneses conseguem melhores marcas. Em 2000, havia 798 habitantes centenários, dos quais, 677 eram mulheres, no meio de uma população de 7.2 milhões. Pequenas quantidades de açafrão são produzidas na região do Alto-Ródano, no Cantão do Valais. O extremamente caro e reluzente pó, originário da planta do açafrão, ou crocus sativus, é usado para dar cor e sabor ao arroz e às massas, assim como a algumas bebidas alcoólicas. A Suíça é um bom país para você ter uma quebra na monotonia de igrejas, museus, escultura, etc. Tem muita natureza, desportos radicais e cenários lindos.

15 Mais curiosidades A capital administrativa é Berna, apesar de muitos suíços acharem que é Zurique. A Suíça é uma das economias mais ricas do Mundo e é sede de inúmeros bancos privados e de organizações internacionais como a FIFA e a UEFA. O povo suíço é muito certinho, muito frios e não se comunicam muito com as outras pessoas. O inverno é muito frio e no verão costuma chegar, no máximo, aos 30 graus. Algumas mulheres fazem topless. Existe um refrigerante que se chama Rivela. É feito de soro de leite, mas não é branco, é da cor do Guaraná do Brasil. O chocolate é muito forte.

16 História da Suíça A história da Suíça começa antes do Império Romano: em 500 a.C. Nessa altura, muitas tribos celtas estavam localizadas nos territórios do Centro- Norte da Europa. A mais importante delas era a dos Helvécios, nome que iria originar a designação actual da Suíça.Império RomanoceltasEuropaHelvécios Ao contrário do que era dito pelos Romanos e pelos Gregos, os Helvécios não eram selvagens mas sim avançados na técnica de jóias e outras peças pequenas corroborando as escavações feitas no Lago de Neuchâtel.Lago de Neuchâtel Em 58 a.C., os Helvécios tinham planeado descer para Sul, mas foram parados na batalha de Bibracte pelo Exército Romano sob o comando do general Júlio César e obrigados a recuar.batalha de BibracteExército RomanoJúlio César Os Romanos controlaram o território suíço até cerca 400 d.C. Foram criadas fronteiras e fortalezas a Norte do rio Reno para conter as invasões bárbaras provenientes do Norte da Europa. Com o imperador Augusto, os romanos conquistaram a parte Oeste da Alemanha e a Áustria. Muitas cidades atuais da Suíça foram fundadas durante esta era: Genibra (Genebra), Lausana (Lausana), Octodurum (Martigny), Salodurum (Soleura), Turicum (Zurique), Sedunum (Sion), Basilia (Basileia), entre outras.RomanosRenoEuropaAugustoAlemanhaÁustriaGenebraLausanaOctodurumMartignySoleuraZuriqueSionBasileia

17 História da Suíça Depois da queda do Império Romano, o território foi invadido por tribos germânicas, como os Burgúndios, Alamanos e Lombardos.BurgúndiosAlamanosLombardos O período da Idade Média da Suíça foi um pouco confuso até à formação da antiga Suíça. No século VIII, os Burgúndios e os Alamanos entraram na coaligação dos Francos de Carlos Magno, o que permitiu aos missionários católicos entrar nos territórios controlados pelos Alamanos. Com o Tratado de Verdun, o território suíço passou para as mãos de Lotário I, que incluía um assentamento burgúndio a oeste do rio Aar que depois formou um reino independente até 1033, quando integrou de novo o Sacro Império Romano-Germânico.FrancosCarlos MagnoTratado de VerdunLotário Irio Aar Sacro Império Romano-Germânico

18 SUÍÇA


Carregar ppt "Suíça. Dados Principais Sobre a Suíça Área: 41.290 km² Capital: Berna População: 7,86 milhões (estimativa 2010) Moeda: franco suíço Nome Oficial: Confederação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google