A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Casos de Uso. Casos de Uso – O que é Descrições narrativas de processos do domínio da aplicação Documentam a seqüência de eventos de um ator (um agente.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Casos de Uso. Casos de Uso – O que é Descrições narrativas de processos do domínio da aplicação Documentam a seqüência de eventos de um ator (um agente."— Transcrição da apresentação:

1 Casos de Uso

2 Casos de Uso – O que é Descrições narrativas de processos do domínio da aplicação Documentam a seqüência de eventos de um ator (um agente externo) usando o sistema para completar, do início ao fim, um determinado processo Representação em UML:

3 Objetivos de um Caso de Uso Ser compreensível para os usários leigos em informática Auxiliar a tarefa de análise, especificando funcionalidades e comportamento do sistema Delimitar o sistema Servir de base para derivar casos de teste

4 Atores Entidades externas ao sistema que de algum modo participam da estória do caso de uso Estimulam o sistema com eventos de entrada, ou recebem alguma coisa dele Designados pelo papel que exercem no caso de uso Ex.: Cliente, Operador, etc. Representação em UML:

5 Atores e Casos de Uso Um caso de uso possui um ator que o inicia, que gera o estímulo inicial, e possivelmente vários atores participantes O ator iniciador deve ser indicado explicitamente na descrição do caso de uso Algumas categorias típicas de atores incluem: papeis exercidos por pessoas sistemas de computação, outros softwares dispositivos elétricos e mecânicos hardware

6 Diagramas de Caso de Uso Ilustram um conjunto de casos de uso e atores para um sistema e os relacionamentos entre eles Cashier POST Buy Items Customer Log In Refund Purchased items

7 Relacionamentos no Diagrama de Casos de Uso Relacionamento entre atores Relacionamento entre atores e casos de uso Relacionamento entre casos de uso

8 Relacionamento entre atores Relacionamento de Associação Relacionamento de Generalização Funcionario ClienteCaixa Cliente _________

9 Herança entre atores Gerente de Compras Gerente de Vendas Gerente

10 Relacionamento entre atores e casos de uso Cliente _________ A seta pode indicar duas alternativas a escolher: ator que inicia o caso de uso ou simplesmente a direção dos dados

11 > ou > ValidarCliente Cliente RealizarPedido > CadastrarCliente Cliente RealizarPedido ________ Relacionamento entre Casos de Uso > ______

12 Relacionamento de Uso ou Include Utilizar quando se tem um bloco de comportamento que é o mesmo para vários casos de uso. Representar o fluxo comum como um outro caso de uso B a ser chamado pelo caso de uso A complexo: A >B Validar Cliente pode ser um caso de uso utilizado por outro caso tal como Abrir Conta além de Realizar Pedido

13 Relacionamento de Extensão Utilizar quando se tem dois casos de usos que fazem algo parecido, só que o caso de uso B faz alguma coisa a mais que A. B estende A B representa alguma situação não muito comum que ocorre em A mediante a satisfação de uma pré-condição

14 Relacionamento de Generalização Identificar Usuário Verificar Senha _______ relação estrutural entre um caso de uso mais geral e um caso de uso mais específico. o caso de uso mais geral é uma generalização (abstração) do ou dos casos de uso mais específicos. O caso de uso geral, representa as partes comuns de casos de uso especializados.

15 Fluxo de Eventos, Cenários Um caso de uso descreve um fluxo de eventos para realizar uma operação Cenário: é uma das formas possíveis de se realizar um caso de uso Tipos de fluxos: Típicos: Principal ou Básico Atípicos: Alternativos, casos de erro, cancelamento, etc.

16 Pré e Pós Condições Condições que devem ser verdadeiras antes de o caso de uso ser executado, ou após a sua execução. Ex: retirar dinheiro em um caixa Pré-condição: cliente precisa ter conta no banco Pós-condição: o terminal fica pronto para outro cliente.

17 Interfaces entre Atores e Casos de Uso Identificam quais operações o ator (ou o caso de uso) realizam Auxiliam a especificar as interações e a reutilizar casos de uso Cliente Realizar Pedido Interface Cliente ________

18 Tipos de Caso de Uso Com Respeito à Importância Primário Representam os processos principais ou mais comuns (ex.: Comprar Itens) Secundário Representam processos menos importantes ou mais raros (ex.: Cadastrar Operadores) Opcional Representam processos que podem ser ignorados ou incluídos em futuras versões do sistema (ex.: Solicitar Estoque para um Novo Produto)

19 Tipos de Casos de Uso com Respeito à Descrição Textual Alto-nível Breve descrição de um processo, normalmente em duas ou três frases, e deliberadamente vago em decisões de projeto Criados na fase inicial de requisitos Expandido Descrição passo a passo dos fluxos de eventos de um processo Durante a fase de requisitos, apenas os casos de uso mais importantes são geralmente escritos nesse formato

20 Exemplo de um caso de uso de alto-nível: A UML não especifica um formato rígido para os cabeçalhos e a estrutura de um caso de uso Podem ser alterados de acordo com as necessidades de documentação Casos de Uso Alto Nível Caso de uso: Atores: Tipo: Descrição: Comprar Itens ( Buy Items ) Cliente ( Customer ), Operador ( Cashier ) primário Um Cliente chega no caixa com itens para comprar. O Operador registra os itens e coleta o pagamento. Ao final, o Cliente sai com os itens.

21 Exemplo de um caso de uso expandido: Caso de Uso Expandido Caso de uso: Atores: Propósito: Descrição: Comprar Itens com Dinheiro ( Buy Items with Cash ) Cliente (Iniciador), Operador Capturar uma venda e seu pagamento em dinheiro. Um Cliente chega no caixa com itens para comprar. O Operador registra os itens e coleta um pagamento com dinheiro. Ao final, o Cliente sai com os itens. Tipo: Referencia: primário e essencial Funções : R1.1, R1.2, R1.3, R1.7, R1.9, R2.1 Típica Seqüência de Eventos Ação do Ator Resposta do Sistema 1. Este caso de uso começa quando um Cliente chega no caixa com itens para comprar.

22 Exemplo de um caso de uso expandido (cont.): Caso de Uso Expandido Típica Seqüência de Eventos Ação do Ator Resposta do Sistema 2. O Operador registra o identi- ficador de cada item. Se há mais de um do mesmo item, o Operador também pode infor-mar a quantidade. 3. Determina o preço do item e adiciona informação sobre o item à transação de venda em anda- mento. Mostra a descrição e o preço do item corrente. 4. Após processar o último item, o Operador indica ao POST que a entrada de itens terminou. 5. Calcula e mostra o valor total da venda. 6. O Operador informa o total ao Cliente..

23 Exemplo de um caso de uso expandido (cont.): Caso de Uso Expandido Típica Seqüência de Eventos Ação do Ator Resposta do Sistema 7. O Cliente entrega um paga- mento em dinheiro, possivelmente maior do que o valor total. 8. O Operador registra o valor recebido em dinheiro. 9. Mostra o troco devido. Emite um recibo. 12. O Cliente sai com os itens comprados O Operador deposita o dinheiro e retira o troco devido. O Operador entrega o troco e o recibo ao Cliente. 11. Registra a venda no log de vendas completadas.

24 Tipos de Casos de Uso com Respeito à Implementação Essencial Descrição de um processo em termos de sua motivação e atividades essenciais Expressos relativamente livres de detalhes de implementação, decisões de projeto, e uso de tecnologias Real Descrição de um processo em termos de seu projeto real, comprometido com tecnologias de desenvolvimento, interfaces de entrada e saída, etc.

25 Caso de Uso Essencial Trecho do caso de uso Comprar Itens essencial Ação do Ator Resposta do Sistema 2. O Operador registra o identi- ficador de cada item. Se há mais de um do mesmo item, o Operador também pode infor-mar a quantidade. 3. Determina o preço do item e adiciona informação sobre o item à transação de venda em anda- mento. Mostra a descrição e o preço do item corrente

26 Caso de Uso Real Trecho do caso de uso Comprar Itens real Ação do Ator Resposta do Sistema 2. Para cada item, o Operador digita o código universal de pro- duto (UPC) no campo de entrada UPC da Janela 1. Ele então pres- siona o botão Entra Item com o mouse ou pressiona a tecla. 3. Determina o preço do item e adiciona informação sobre o item à transação de venda em anda- mento. Mostra a descrição e o preço do item corrente na Caixa de Texto 2 da Janela

27 Casos de Uso com Fluxos Alternativos Caso de uso Comprar Itens Expandido Ação do Ator Resposta do Sistema O Cliente escolhe o tipo de pagamento: a) Se pagamento com dinheiro, veja seção Pagamento com Dinheiro. b)... Seção: Principal Ação do Ator Resposta do Sistema 1. O Cliente entrega um paga- mento em dinheiro... Seção: Pagamento com Dinheiro

28 Formato para um Caso de Uso Nome do caso de uso Descrição Atores Tipo Referências Pré-condições Fluxo de eventos Fluxo principal (típico) Fluxos alternativos Fluxos não típicos (erros, cancelamentos, etc) Pós-condições Pontos de extensão Casos de uso incluídos Outros requisitos (Interfaces)

29 Decomposição de Diagramas de Casos de Uso Pode-se dividir sistemas complexos em sub-sistemas e para cada um deles um diagrama de Casos de Uso Para mostrar o relacionamento entre esses sub-sistemas, os Casos de Uso são agrupados em Pacotes.

30 Decomposição de Diagramas de Casos de Uso Casos de uso Gerai s Casos de uso Adminitrativos Casos de uso Mercadológicos

31 Identificando Casos de Uso Normalmente não são eventos ou passos individuais, mas um processo completo Erro mais comum! Método baseado em atores 1. Identificar os atores relacionados com o sistema ou organização 2. Para cada ator, identificar os processo que eles iniciam ou participam

32 Identificando Casos de Uso Método baseado em eventos 1. Identificar os eventos externos aos quais o sistema deve responder 2. Relacionar os eventos a atores e casos de uso Exemplos do sistema Posto Comercial Operador: Login, Retirar Dinheiro Cliente: Comprar Itens, Devolver Itens Digitar Senha? Imprimir Recibo?

33 Casos de Uso e Funções Todas as funções do sistema identificadas na especificação dos requisitos devem ser alocadas a casos de usos Alocação documentada através da seção Referencia

34 Casos de Uso e o Limite do Sistema Identificar os atores e casos de uso de um sistema requer a definição de seu limite de atuação Alguns limites típicos incluem: o software/hardware de um dispositivo ou sistema de computação um departamento de uma organização uma organização inteira Limites diferentes podem resultar em diferentes conjuntos de atores e casos de uso

35 Casos de Uso e o Limite do Sistema Exemplo de um diagrama de caso de uso para o sistema Posto Comercial, quando o limite de atuação é a loja inteira Store Buy Items Customer Refund Purchased items

36 Recomendações Crie nomes sempre começando com um verbo Identifique primeiro os fluxos principais, iniciando com: 1. Este caso de uso começa quando Use a seção Seqüências não Típicas para representar desvios para seqüências de eventos incomuns ou excepcionais. Use subseções para representar desvios para seqüências alternativas com igual importância ou probabilidade de ocorrência

37 Recomendações Procure estimar a dimensão (granularidade) do caso de uso. Se ele estiver muito extenso procure identificar sub-casos Procure identificar partes comuns nos seus casos de uso, e usar >. Identifique serviços comuns aos casos de uso e crie casos de uso genéricos. A medida que se definem os casos de uso um refinamento no diagrama é possível

38 Referências Boock, G. and Rumbaugh, J. The Unified Modeling Language User Guide. Addison-Wesley, 1999 Arlow, J. and Neustadt, I. UML 2 and the Unified Process: Practical Object-Oriented Analysis and Design, 2nd Edition, The Addison- Wesley Object Technology Series, Rumbaugh, J.; Jacobson, I. and Booch, G. The Unified Modeling Language Reference Manual, 2nd Edition, The Addison-Wesley Object Technology Series, Boock, G.; Rumbaugh, J. and Jacobson, I; Unified Modeling Language User Guide, 2nd Edition, The Addison-Wesley Object Technology Series, Jacobson, I; Boock, G. and Rumbaugh, J., Unified Software Development Process, Addison-Wesley, Janeiro Larman, C. Applying UML and Patterns: An Introduction to Object- Oriented Analysis and Design Prentice-Hall, New Jersey - USA, 1997 Bezerra, E. Princípios de Análise e Projeto com a UML, ed. Campus- Elsevier


Carregar ppt "Casos de Uso. Casos de Uso – O que é Descrições narrativas de processos do domínio da aplicação Documentam a seqüência de eventos de um ator (um agente."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google