A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Glândulas endócrinas. Características Produção de hormônios lançando na corrente sangüínea Homeostasia manutenção das funções orgânicas : regulação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Glândulas endócrinas. Características Produção de hormônios lançando na corrente sangüínea Homeostasia manutenção das funções orgânicas : regulação."— Transcrição da apresentação:

1 Glândulas endócrinas

2 Características Produção de hormônios lançando na corrente sangüínea Homeostasia manutenção das funções orgânicas : regulação

3 Hormônio Palavra grega Hormaein excitar Definição: substância produzida por glândulas endócrinas e mistas, transportado pelo sangue para órgão alvo ou sobre células amplamente distribuídas pelo corpo Substância proteínas ou esteróides

4 Homeostasia O termo homeostasia foi cunhado pelo fisiologista americano W. B. Cannon ( ) e é utilizado para expressar a manutenção da condição de equilíbrio do meio interno. Este equilíbrio se refere a manutenção constante ou estática do valor fisiológico das variáveis corporais, manutenção a qual é desempenhada por todos os órgãos e tecidos dos corpo.

5 Mecanismos de controle da homeostasia Û A homeostasia é controlada principalmente por dois mecanismos distintos, chamados de (alça de) retroalimentação (feedback) negativa e positiva. ÛTanto a retroalimentação negativa quanto a positiva envolvem um receptor, um centro de controle, com um ponto fixo, e um efetor.

6 Retroalimentação negativa Û A retroalimentação negativa é definida como um mecanismo que reduz o efeito do estímulo perturbador, fazendo com que a variável ou variáveis retorne(m) ao seu valor(es) normal(is). ÛEx. Regulação da pressão arterial, regulação da glicemia, regulação da pressão parcial de CO2. ÛA eficiência deste mecanismo de controle pode ser medida utilizando-se o cálculo do ganho. ÛGanho = Correção/Erro ÛEx. Temperatura: -32, pressão arterial: -7

7 Retroalimentação positiva ÛA retroalimentação positiva é definida como um mecanismo que aumenta o efeito do estímulo perturbador, fazendo com que a variável ou variáveis se distancie(m) do(s) valor(es) normai(s). ÛEx. Parto e Hemorragia profunda.

8 Constituição do sistema endócrino Endócrina Hipófise Tireóide Paratireóide Adrenais Anfícrina Pâncreas Testículos Ovários

9 Localização das glândulas de secreção interna Hipófise sela túrcica do osso esfenóide Tireóide pescoço, com um lobo de cada lado da traquéia Paratireóides aspectos posterior da glândula tireóide Supra-renais parte superior de cada rim Ilhotas pancreáticas distribuídas pelo pâncreas Ovários na pelve um de cada lado do útero Testículos um de cada lado da bolsa escrotal

10 Glândulas endócrinas e seus produtos

11 Hipotálamo Atua na adeno-hipófise – fatores liberadores e inibidores da liberação Controle neural da Neuro-hipófise e da medula supra-renal

12

13 Produtos do Hipotálamo Hormônio liberador de tireotropina (THR) Fator liberador de corticotropina (CRF) Hormônio liberador de gonadotropina Fator liberador do hormônio de crescimento Fator inibidor da liberação do hormônio de crescimento ou também chamado de somatostanina Fator inibidor da liberação da prolactina (PIF) Fator liberador da prolactina (PRF) Fator liberador do hormônio estimulante do melanocócito (MRF) Fator inibidor da liberação do hormônio melanocócito (MIF)

14 Hipófise ou Pituitária Formada por dois lobos –Lobo anterior ou adeno-hipófise –Lobo posterior ou neuro- hipófise

15

16 Produtos da Adeno-hipófise Hormônio estimulante da tireóide (TSH, também chamado tireotrofina) Hormônio adrenocorticotrófico (ACTH) Hormônio folículo estimulante (FSH) Hormônio luteinizante Prolactina (PRL) Hormônio de crescimento (GH) Hormônio estimulante do melanocócito (MSH)

17 Produtos da Neuro-hipófise Hormônio antidiurético (ADH) e ocitonina –Esses hormônios são sintetizados no hipotálamo e transportado à neuro-hipófise via fibras nervosas

18 Funções Ocitonina atua no tecido muscular liso do útero e das glândulas mamárias Hormônio antidiurético(ADH) promove a retenção de água através dos túbulos renais e estimula a musculatura dos vasos sangüíneos

19 Tireóide A tireóide humana é composta de dois lobos que se dispõem de cada lado da traquéia e são conectados na linha média por um delgado istmo, que se estende sobre a superfície anterior da traquéia. No adulto, a tireóide pesa cerca de 25 gramas.

20 Constituição da tireóide Formada por folículos de tamanho uniforme, cada um constituindo com uma glândula separada o diâmetro de uma cabeça de alfinete. Não possuem aberturas externas, mas são ricamente supridas pelos vasos sangüíneos e linfáticos, os quais fornecem iodo.

21

22 Hormônios da Tireóide Triiodotironina ou T 3 tiroxinas = tireoglobulina + átomos de iodo Tetraiodotironina T 4 Calcitonina fixação de cálcio no sangue e aumentar a excreção de cálcio –Estimulada pelos estrogênios

23 Hipotireoidismo Diminuição ou interrupção da produção de T 3 e T 4. –Mixedema baixo metabolismo celular, letargia, lentidão mental, pele insensível e ressecada freqüência cardíaca e pressão arterial diminuta, perda dos cabelos e aumento de peso. –Cretinismo deficiência tireóidea não tratada na infância. Agravamento pode causar o retardo mental. Pode ser congênito.

24 Mixedema

25 Hipertireoidismo Excesso de produção dos hormônios T 3 e T 4 Sintomas –Nesta condição a pessoa se torna excitado e nervoso, apresentando pele úmida, pulso rápido, velocidade metabólica elevada, intolerância ao calor, perda de peso, mãos trêmulas e exolftalmia

26 Bócio Termo descrito para qualquer aumento de tamanho da tiróide, podendo esta secretar muita ou pouca quantidade de hormônio Bócio endêmico

27 Bócio

28 Paratireóide Produção do hormônio paratormônio ou paratirina O paratormônio exerce a função contraria da calcitonina, ou seja, retira o cálcio dos ossos, colocando-o no sangue

29 Doenças relacionadas com disfunção das paratireóides Hiperparatireoidismo osteoporose e cálculos renais Hipoparatireoidismo tetania: fortes contrações musculares

30

31 Glândulas supra-renais Morfologia –Medem aproximadamente 4cm de comprimento e 1,5 cm de diâmetro –Em uma pessoa adulta pesa em média 4g Dividida por função –Córtex –Medula

32 Córtex Produção de esteróides –Mineralocorticóides principal – aldosterona –Glicocorticóides principal – cortisol (90%) –Andrógenios hormônios sexuais

33 Medula Produção –Adrenalina e noradrenalina – classe de compostos (catecolaminas) – formadas do aminoácido tireosina Adrenalina –Aumenta a atividade dos neurônios –Quebra do glicogênio


Carregar ppt "Glândulas endócrinas. Características Produção de hormônios lançando na corrente sangüínea Homeostasia manutenção das funções orgânicas : regulação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google