A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 FISIOLOGIA DO SISTEMA RESPIRATÓRIO Pulso. 2 MECÂNICA DA VENTILAÇÃO MECANISMOS –Movimento do diafragma –Elevação e abaixamento das costelas MÚSCULOS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 FISIOLOGIA DO SISTEMA RESPIRATÓRIO Pulso. 2 MECÂNICA DA VENTILAÇÃO MECANISMOS –Movimento do diafragma –Elevação e abaixamento das costelas MÚSCULOS."— Transcrição da apresentação:

1 1 FISIOLOGIA DO SISTEMA RESPIRATÓRIO Pulso

2 2 MECÂNICA DA VENTILAÇÃO MECANISMOS –Movimento do diafragma –Elevação e abaixamento das costelas MÚSCULOS INSPIRATÓRIOS –Diafragma (PRINCIPAL) Intercostais externos Esternocleiodomastoideos (elevam o esterno) Denteados anteriores (elevam muitas costelas) Escalenos (elevam as costelas 1 e 2)

3 3 MECÂNICA DA VENTILAÇÃO MÚSCULOS EXPIRATÓRIOS –Retos abdominais –Intercostais internos

4 4 PRESSÕES RESPIRATÓRIAS PRESSÃO INTRA-PLEURAL -5 cm H20 (expiração) -- 7,5 cm H20 (inspiração) -PRESSÃO ELÁSTICA PULMONAR -1 cm H20 (inspiração) -+ 1 cm H20 (expiração) -PRESSÃO TRANSPULMONAR -Entre a superfície e o hilo pulmonar -Deve ser menor que a intra-pleural em valores absolutos

5 5 O que é compliância pulmonar? Distensibilidade Elasticidade Facilidade do pulmão de expandir –EXEMPLOS: Bola de soprar macia = alta compliância Bola de soprar dura = baixa compliância

6 6 Que forças determinam a compliância? FORÇAS ELÁSTICAS PULMONARES (1/3) –Fibras elásticas –Colágeno FORÇA ELÁSTICA DA TENSÃO SUPERFICIAL DO LÍQUIDO ALVEOLAR (2/3)

7 7 O que é e para que serve o surfactante? Líquido secretado pelas células epiteliais alveolares tipo II Contem fosfolipídio dipalmitoilfosfatidilcolina, apoproteinas e cálcio A parte hidrofílica dissolve-se na água e a parte lipofílica se orienta em direção ao ar Reduz a tensão superficial do líquido alveolar

8 8 PRESSÃO DE COLAPSO DE ALVÉOLOS OCLUÍDOS Quanto menor o alvéolo maior a tensão de colapso Os recém nascidos têm alvéolos pequenos O surfactante começa a ser secretado no mês 6 ou 7

9 9 O que é espirometria? Teste de função respiratória Medida de volumes e capacidades pulmonares

10 10 VOLUMES PULMONARES AR CORRENTE (500 ml) –Ar inspirado e expirado em cada ciclo normal RESERVA INSPIRATÓRIA (3.000 ml) –Ar que pode ser inspirado após uma inspiração normal RESERVA EXPIRATÓRIA (1.100 ml) Ar que pode ser expirado após uma expiração normal RESIDUAL (1.200 ml) –Ar que permanece nos pulmões após expiração forçada

11 11 CAPACIDADES PULMONARES CAPACIDADE INSPIRATÓRIA (CI) –V T + VRI (3.500 ml) CAPACIDADE RESIDUAL FUNCIONAL (CRF) –VRE + VR (2.300 ml) CAPACIDADE VITAL (CV) –VRI + V T + VRE (4.600 ml) CAPACIDADE PULMONAR TOTAL (CPT) –VRI + V T + VRE + VR (5.800 ml)

12 12 O que é o débito respiratório? VOLUME MINUTO = V T X Freqüência –500 ml X 12 = 6 litros por minuto ESPAÇO MORTO ANATÔMICO (V D ) –Ar que preenche as vias aéreas que não fazem trocas gasosas (150 ml) ESPAÇO MORTO FISIOLÓGICO –Ar que preenche alvéolos que não fazem trocas gasosas (normalmente zero) VENTILAÇÃO ALVEOLAR POR MINUTO –VAC – V D X FR = (500 – 150) X 12 = ml/min

13 13 O que faz parte das vias (árvore) respiratória? TRAQUEIA –1 a ordem BRÔNQUIOS –2 a ordem DEMAIS BRÔNQUIOS E BRONQUÍOLOS –Até 25 a ordem

14 14 Quais as funções das vias aéreas? CONDUZIR FILTRAR –Partículas menores que 1 μm chegam aos alvéolos AQUECER UMIDECER

15 15 Qual a estrutura da via respiratória? A traquéia e brônquios têm cartilagem e músculo liso Os bronquíolos têm praticamente só músculo liso (diâmetro 1,5 mm) –A maior parte da resistência das vias aéreas está na traquéia e brônquios calibrosos

16 16 Qual efeito do estímulo do sistema nervoso autônomo sobre a árvore respiratória? Epinefrina causa dilatação da árvore brônquica Acetilcolina causa constrição da árvore brônquica –Reflexo vagal parassimpático (acetil- colina) por irritação (cigarro, gases, poeira infecção etc)

17 17 Que outra substância comumente causa espasmo brônquico? Histamina produzida pelos mastócitos causa constrição brônquica –Pólen –Ácaros –Mofo –Pelo de animais

18 18 Qual o princípio biofísico que rege as trocas gasosas nos pulmões? A difusão –O gás sempre passa do meio de maior pressão (maior quantidade), para o de menor pressão (menor quantidade)

19 19 Quais os principais gases da atmosfera? GÁSSOLUBILIDADE RELATIVA Oxigênio0,024 Gás carbônico0,57 Monóxido carbono0,018 Nitrogênio0,012 Hélio0,008

20 20 O que faz um gás difundir mais rápido ou não? Diferença de pressão Área disponível para difusão Solubilidade no líquido Distância a percorrer Peso molecular do gás Temperatura (constante no corpo)

21 21 Quais as composições dos gases desde a atmosfera até o alvéolo? Ar AtmAr UmAr AlvAr Exp N2N2 597,0563,4569,0566,0 O2O2 159,0149,3104,0120,0 CO 2 0,3 40,027,0 H2OH2O3,747,0 Total ,0

22 22 O que é e quais os constituintes da membrana respiratória? Parte das vias respiratórias que faz troca


Carregar ppt "1 FISIOLOGIA DO SISTEMA RESPIRATÓRIO Pulso. 2 MECÂNICA DA VENTILAÇÃO MECANISMOS –Movimento do diafragma –Elevação e abaixamento das costelas MÚSCULOS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google