A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA NO ESTADO DO TOCANTINS SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO E PROMOÇÃO DA SAUDE DIRETORIA DE ATENÇÃO ESPECIALIDAZADA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA NO ESTADO DO TOCANTINS SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO E PROMOÇÃO DA SAUDE DIRETORIA DE ATENÇÃO ESPECIALIDAZADA."— Transcrição da apresentação:

1

2 REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA NO ESTADO DO TOCANTINS SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO E PROMOÇÃO DA SAUDE DIRETORIA DE ATENÇÃO ESPECIALIDAZADA COORDENAÇÃO DE MÉDIA COMPLEXIDADE GERÊNCIA ESTADUAL DE ATENÇÃO À SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

3 ESTRATÉGIAS DE AÇÃO GERÊNCIA ESTADUAL DE ATENÇÃO À SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA - Implantação do serviço de reabilitação de alta complexidade em Palmas; - Implantação do serviço de reabilitação de média complexidade em Araguaína; - Implantação dos serviços de reabilitação intermunicipais nos municípios de Araguaína, Arraias, Araguatins, Colinas, Dianópolis, Gurupi, Palmas, Paraíso e Porto Nacional;

4 ESTRATÉGIAS DE AÇÃO GERÊNCIA ESTADUAL DE ATENÇÃO À SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA - Implantação de 01 (uma) oficina ortopédica em Palmas; - Implantação do serviço de triagem auditiva em Palmas e Araguaína; - Aquisição e concessão de órtese, prótese, meios auxiliares de locomoção, bolsas coletoras, órtese ocular e aparelho auditivo; -Capacitação de gestores e profissionais da rede de atenção a saúde da pessoa com deficiência; - Reunião com gestores municipais de saúde - apresentação da política estadual de atenção a saúde da pessoa com deficiência e definição de referência municipal.

5 SERVIÇO REABILITAÇÃO INTERMUNICIPAL SERVIÇO REABILITAÇÃO INTERMUNICIPAL ATENÇÃO BÁSICA ATENÇÃO BÁSICA SERVIÇO DE REABILITAÇÃO INTERMEDIÁRIO SERVIÇO DE REABILITAÇÃO INTERMEDIÁRIO SERVIÇO DE REFERÊNCIA EM MEDICINA FÍSICA E REABILITAÇÃO Serv. de Reabilitação _ Pessoas com Deficiência Intelectual (Credenciados na Port.1635/02) REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

6 ATENÇÃO BÁSICA ATENÇÃO BÁSICA SERVIÇO DE REFERÊNCIA DE ALTA COMPLEXIDADE ATENÇÃO BÁSICA ATENÇÃO BÁSICA REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA REGIÃO NORTE

7 Unidades de Reabilitação Física – Nivel Intermunicipal Unidades em articulação com gestores de saúde locais Unidades em articulação com gestores de saúde locais Público Alvo: Pessoas com Deficiência-PCD Público Alvo: Pessoas com Deficiência-PCD Serviço: Reabilitação física para PCD referenciado pelo nível intermediário e da atenção básica; Serviço: Reabilitação física para PCD referenciado pelo nível intermediário e da atenção básica; Equipe: Assist. Administrativos, Assistente Social, Enfermeiro, Fiseoterapeuta, Maqueiro, Téc. Enfermagem, Serviços Gerais. Equipe: Assist. Administrativos, Assistente Social, Enfermeiro, Fiseoterapeuta, Maqueiro, Téc. Enfermagem, Serviços Gerais. Unidades Previstas: Araguatins, Araguaína, Arraias Colinas, Dianópolis, Gurupi, Palmas, Paraíso, Porto Nacional. Unidades Previstas: Araguatins, Araguaína, Arraias Colinas, Dianópolis, Gurupi, Palmas, Paraíso, Porto Nacional.

8 Unidades de Reabilitação Física – Nivel Intermediário Serviço Estadual de Reabilitação Porto Nacional Serviço Estadual de Reabilitação Porto Nacional Unidade instalada - em funcionamento Unidade instalada - em funcionamento Público Alvo: Pessoas com Deficiência-PCD Público Alvo: Pessoas com Deficiência-PCD Serviço: Reabilitação física para PCD com demanda de órtese, prótese e ou meio auxiliar de locomoção; Serviço: Reabilitação física para PCD com demanda de órtese, prótese e ou meio auxiliar de locomoção; Equipe Atual : médico ortopedista, fisioterapeuta, assistente social, terapeuta ocupacional, fonoaudióloga, enfermeira, técnico enfermagem, auxiliares administrativos Equipe Atual : médico ortopedista, fisioterapeuta, assistente social, terapeuta ocupacional, fonoaudióloga, enfermeira, técnico enfermagem, auxiliares administrativos

9 Unidades de Reabilitação Física – Alta Complexidade Serviço Estadual de Reabilitação em Medicina Física - Araguaína Serviço Estadual de Reabilitação em Medicina Física - Araguaína Unidade em funcionamento em estrutura provisória Unidade em funcionamento em estrutura provisória Público Alvo: Pessoas com Deficiência - PCD Público Alvo: Pessoas com Deficiência - PCD Serviço: Reabilitação física para PCD com demanda de órtese, prótese e ou meio auxiliar de locomoção; Serviço: Reabilitação física para PCD com demanda de órtese, prótese e ou meio auxiliar de locomoção; Equipe: 01médico ortopedista, 02 fisioterapeutas, 02 assistentes sociais, 02 psicólogos, 01 terapeuta ocupacional, 01 fonoaudióloga, 02 enfermeiras, 03 técnicos enfermagem, 04 auxiliares administrativos Equipe: 01médico ortopedista, 02 fisioterapeutas, 02 assistentes sociais, 02 psicólogos, 01 terapeuta ocupacional, 01 fonoaudióloga, 02 enfermeiras, 03 técnicos enfermagem, 04 auxiliares administrativos

10 Diretrizes da Gerência Promoção da qualidade de vida das pessoas com deficiências Promoção da qualidade de vida das pessoas com deficiências Assistência integral a saúde da pessoa com deficiência Assistência integral a saúde da pessoa com deficiência Prevenção de deficiência Prevenção de deficiência Organização e funcionamento dos serviços de atenção a saúde da PCD Organização e funcionamento dos serviços de atenção a saúde da PCD Ampliação e fortalecimento dos mecanismos de informação Ampliação e fortalecimento dos mecanismos de informação Capacitação de recursos humanos Capacitação de recursos humanos

11 POLÍTICA ESTADUAL DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA Melhorar a qualidade de vida das pessoas com deficiência através de atenção a saúde; Melhorar a qualidade de vida das pessoas com deficiência através de atenção a saúde; Impactar na redução do índice de situação de risco de instalação ou agravante de deficiência, implantando e implementando ações de prevenção, na atenção materno infantil, e na atenção as pessoas que apresentam patologias potencialmente limitantes. Impactar na redução do índice de situação de risco de instalação ou agravante de deficiência, implantando e implementando ações de prevenção, na atenção materno infantil, e na atenção as pessoas que apresentam patologias potencialmente limitantes.

12 Atenção a Saúde da Pessoa com Deficiência Processo centralizado Processo centralizado Sem acompanhamento pela atenção básica Sem acompanhamento pela atenção básica Dificuldade de acesso do usuário Dificuldade de acesso do usuário Dificuldade de comunicação Dificuldade de comunicação Não havia interface definida com outras políticas públicas Não havia interface definida com outras políticas públicas Processo descentralizado em consonância com as diretrizes federais Processo descentralizado em consonância com as diretrizes federais Porta de entrada atenção básica Porta de entrada atenção básica Município conhecendo e acompanhando sua demanda Município conhecendo e acompanhando sua demanda Facilidade de comunicação ao usuário Facilidade de comunicação ao usuário Interface com o PACS/PSF, CRAS e outras políticas públicas Interface com o PACS/PSF, CRAS e outras políticas públicas

13 REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA Rede prevê: Atenção Integral – Prevenção, Diagnóstico, Habilitação e Reabilitação Atenção Integral – Prevenção, Diagnóstico, Habilitação e Reabilitação Intersetorialidade com outras políticas públicas Intersetorialidade com outras políticas públicas Parcerias estratégicas com Organizações da Sociedade Civil Parcerias estratégicas com Organizações da Sociedade Civil

14 REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA SERVIÇO DE REABILITAÇÃO INTERMUNICIPAL Presta atendimento a paciente com deficiência motora; Presta atendimento a paciente com deficiência motora; Devem estar articulados com as equipes de saúde da família; Devem estar articulados com as equipes de saúde da família; Primeira referência para atenção a pessoa com deficiência; Primeira referência para atenção a pessoa com deficiência; Desenvolve as seguintes atividades: Desenvolve as seguintes atividades: Atendimento individual (consulta médica, procedimentos terapêuticos de reabilitação e atendimento de serviço social); Atendimento individual (consulta médica, procedimentos terapêuticos de reabilitação e atendimento de serviço social); Atendimento em grupo (atividade educativa, grupo de orientação, modalidade terapêutica de reabilitação e atividade de vida diária); Atendimento em grupo (atividade educativa, grupo de orientação, modalidade terapêutica de reabilitação e atividade de vida diária); Prevenção de seqüelas, incapacidades e deficiências secundárias; Prevenção de seqüelas, incapacidades e deficiências secundárias; Estimulação do desenvolvimento neuropsicomotor; Estimulação do desenvolvimento neuropsicomotor; Visita domiciliar; Visita domiciliar; Orientação familiar; Orientação familiar; Preparação para alta, convívio social e familiar; Preparação para alta, convívio social e familiar; Orientação técnica às equipes de saúde da família. Orientação técnica às equipes de saúde da família. A localização desses serviços serão definido a partir das discussões do pacto pela vida. (Augustinópolis, Araguaína, Colinas, Guaraí, Pedro Afonso, Miracema, Paraíso, Palmas, Porto Nacional, Dianópolis, Gurupi, Arraias) A localização desses serviços serão definido a partir das discussões do pacto pela vida. (Augustinópolis, Araguaína, Colinas, Guaraí, Pedro Afonso, Miracema, Paraíso, Palmas, Porto Nacional, Dianópolis, Gurupi, Arraias)

15 REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA SERVIÇO REABILITAÇÃO INTERMEDIÁRIO Presta assistência em reabilitação a pessoa com deficiência física motora encaminhada por outros serviços; Presta assistência em reabilitação a pessoa com deficiência física motora encaminhada por outros serviços; Constitui-se na referencia de média complexidade; Constitui-se na referencia de média complexidade; Desenvolve as seguintes atividades: Desenvolve as seguintes atividades: Avaliação médica clínica e funcional; Avaliação médica clínica e funcional; Atendimento individual e em grupo; Atendimento individual e em grupo; Prescrição, avaliação, adequação, treinamento, acompanhamento e dispensação de órteses, próteses e meios auxiliares de locomoção; Prescrição, avaliação, adequação, treinamento, acompanhamento e dispensação de órteses, próteses e meios auxiliares de locomoção; Prevenção de seqüelas, incapacidades e deficiências secundárias; Prevenção de seqüelas, incapacidades e deficiências secundárias; Orientação de cuidados de enfermagem; Orientação de cuidados de enfermagem; Orientação familiar; Orientação familiar; Preparação do paciente para alta, convívio social e familiar; Preparação do paciente para alta, convívio social e familiar; Orientação técnica às equipes dos Serviços de reabilitação Física Intermunicipal e às equipes de saúde da família. Orientação técnica às equipes dos Serviços de reabilitação Física Intermunicipal e às equipes de saúde da família. É preconizado apenas 1 serviço no estado. ARAGUAÍNA É preconizado apenas 1 serviço no estado. ARAGUAÍNA

16 REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA SERVIÇO DE REFERÊNCIA EM MEDICINA FÍSICA E REABILITAÇÃO Presta assistência intensiva em reabilitação a pessoa com deficiência física; Presta assistência intensiva em reabilitação a pessoa com deficiência física; Constitui-se na referência de alta complexidade em reabilitação motora e sensório motora; Constitui-se na referência de alta complexidade em reabilitação motora e sensório motora; Desenvolve as seguintes atividades: Desenvolve as seguintes atividades: Avaliação clínica e funcional realizada por médico especializado; Avaliação clínica e funcional realizada por médico especializado; Avaliação e atendimento individual em em grupo em fisioterapia, terapia ocupacional, fonoaudiologia, psicologia, serviço social, enfermagem e nutrição; Avaliação e atendimento individual em em grupo em fisioterapia, terapia ocupacional, fonoaudiologia, psicologia, serviço social, enfermagem e nutrição; Atendimento medicamentoso; Atendimento medicamentoso; Orientação e cuidados de enfermagem; Orientação e cuidados de enfermagem; Orientação familiar; Orientação familiar; Prescrição, avaliação, adequação, treinamento, acompanhamento e dispensação órteses, próteses e meios auxiliares de locomoção; Prescrição, avaliação, adequação, treinamento, acompanhamento e dispensação órteses, próteses e meios auxiliares de locomoção; Preparação do paciente para alta, convívio social e familiar; Preparação do paciente para alta, convívio social e familiar; Orientação técnica às equipes dos Serviços de reabilitação dos níveis de menor complexidade e às equipes de saúde da família Orientação técnica às equipes dos Serviços de reabilitação dos níveis de menor complexidade e às equipes de saúde da família É preconizado no estado apenas 1 serviço. PALMAS É preconizado no estado apenas 1 serviço. PALMAS

17 IMPACTOS DA REDE Ampliação de acesso aos serviços de reabilitação; Ampliação de acesso a órteses, próteses, meios auxiliares de locomoção e bolsas coletoras Inclusão social Garantia de uma das condições básicas para exercício da acessibilidade

18 LEGISLAÇÃO PORTARIAS PORTARIAS MS/GM Nº 818 de 05 de junho de 2001 MS/GM Nº 1635 de 12 de dezembro de 2002 MS/GM Nº 196/02

19


Carregar ppt "REDE DE ATENÇÃO A SAÚDE DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA NO ESTADO DO TOCANTINS SUPERINTENDÊNCIA DE ATENÇÃO E PROMOÇÃO DA SAUDE DIRETORIA DE ATENÇÃO ESPECIALIDAZADA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google