A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Atenção ao Servidor Gerência Geral de Desenvolvimento de Pessoas Gerência de Atenção ao Servidor e Desenvolvimento na Carreira Recife julho/2011.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Atenção ao Servidor Gerência Geral de Desenvolvimento de Pessoas Gerência de Atenção ao Servidor e Desenvolvimento na Carreira Recife julho/2011."— Transcrição da apresentação:

1 Atenção ao Servidor Gerência Geral de Desenvolvimento de Pessoas Gerência de Atenção ao Servidor e Desenvolvimento na Carreira Recife julho/2011

2 Cenário atual Fortalecimento da Política de Atenção ao Servidor 18 Núcleos de Atenção ao Servidor - NAS 1 Sede da SE – Assistente Social, Psicólogo, Pedagoga 4 GRE da RMR - Assistente Social, Fonoaudiólogo Psicólogo 13 GRE Interior - Assistente Social, Fonoaudiólogo Psicólogo Ampliação das ações coletivas de promoção da saúde e prevenção de agravos Elaboração de Projetos específicos Fortalecimento das articulações intra e interinstitucional

3 Readaptação de Função Legislação de referência Lei , de 16 de janeiro de 1996 Lei de 10 de junho de 1998 Decreto Nº , de 30 de dezembro de 2009

4 Lei de 16 de janeiro de 1996 Dispõe sobre o Estatuto do Magistério Público de Pré-Escolar, Ensino Fundamental e Ensino Médio do Estado de Pernambuco. Art Ao professor afastado de regência de classe por motivo de doença impeditiva ao exercício da função, comprovada por Junta Médica do Estado, serão assegurados todos os direitos e vantagens. Parágrafo Único - O professor readaptado será lotado na função para a qual for designado a partir da publicação da portaria que assim o determinar, no órgão oficial de imprensa. Art Superado o motivo que der causa a readaptação de que trata o artigo anterior, o servidor reverterá ao exercício da regência de classe.

5 Atividades Técnico-Pedagógicas Art. 8º - São atribuições do professor no exercício de atividades técnico-pedagógicas: I - acompanhar e apoiar a prática pedagógica desenvolvida na escola; II - estimular atividades artísticas, culturais e esportivas na escola; III - localizar demandas de capacitação em serviço e de formação continuada; IV - programar e executar capacitação em serviço; V - participar da formulação e aplicação do processo de avaliação escolar; VI - acompanhar a dinâmica escolar e coordenar ações inter-escolares; VII - supervisionar a vida escolar do aluno; VIII - zelar pelo funcionamento regular da escola; IX - assessorar o processo de definição do planejamento de políticas educacionais, realizando diagnóstico, produzindo, organizando e analisando informações; X - promover a divulgação, monitorar e avaliar a implementação das políticas educacionais; XI - realizar avaliação psico-pedagógica e prestar atendimento aos alunos portadores de deficiência.

6 O Readaptado e a sua importância no projeto pedagógico da escola A inclusão do professor readaptado em atividades pedagógicas social, operacional e acadêmico resgate da autoestima e do papel como educador inclusão participativa com a comunidade escolar

7 NAS x Readaptação Funcional Sistemática articulação entre SE, Junta Médica, SASSEPE e outros Potencializar a capacidade técnica do servidor no desenvolvimento de atividades pedagógicas, respeitando as suas habilidades e condições de saúde Articular capacitação, avaliar e acompanhar na nova função pedagógica Acompanhar o tratamento de saúde, na perspectiva do retorno as atividades de regência.

8 Projeto Readaptação de Função da SE Orientar os professores e demais servidores quanto aos procedimentos administrativos ; Acompanhar o processo de tratamento e reabilitação dos servidores que se encontram em processo de reabilitação; Estabelecer um canal de comunicação entre os setores internos e instituições externas envolvidas no processo de reabilitação (SASSEPE,Centro de Saúde Mental, Junta Médica e profissional de saúde responsável pelo acompanhamento do servidor); Fortalecer os servidores readaptados nas suas novas atribuições, resgatando sua autoestima e as relações interpessoais estabelecidas no ambiente de trabalho; Articular capacitação para o exercício das novas atividades; Fomentar espaços de discussão e reflexão acerca do tema no ambiente de trabalho; Realizar estudos sobre as causas dos processos de adoecimento no trabalho e produção de dados epidemiológicos.

9 Desafios Descentralização da Junta Médica Fortalecimento do trabalho dos NAS Articulação para ampliação dos convênios do SASSEPE Articulação com a rede de saúde local dos municípios


Carregar ppt "Atenção ao Servidor Gerência Geral de Desenvolvimento de Pessoas Gerência de Atenção ao Servidor e Desenvolvimento na Carreira Recife julho/2011."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google