A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL - PUCRS FACULDADE DE ENGENHARIA - FENG DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA - DEE ENGENHARIA DA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL - PUCRS FACULDADE DE ENGENHARIA - FENG DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA - DEE ENGENHARIA DA."— Transcrição da apresentação:

1 1 PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL - PUCRS FACULDADE DE ENGENHARIA - FENG DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA - DEE ENGENHARIA DA COMPUTAÇÃO ORCAD 9 - PSPICE SIMULADOR ELÉTRICO Prof. Anderson Royes Terroso

2 Página:

3 3 PASTA ORCAD RELEASE 9.0

4 4 CAPTURE Editor de esquemático e VHDL LAYOUT PLUS Editor de Layout LAYOUT PLUS SMART ROUTE Roteador PSPICE AD PSPICE compilador PSPICE MODEL EDITOR Editor de modelos PSPICE STIMULUS EDITOR Editor de estímulos SIMULATE Simulador

5 5 SPICE - S imulator P rogram with I ntegrated C ircuit E mphasis (programa de simulação com ênfase em circuitos integrados) Todas as versões do SPICE originaram da versão SPICE 2, criada nos meados de 1970 pela Universi- dade de Berkeley, na Califórnia.

6 ORCAD 9.1 PSPICE

7 7

8 8 Quando você abre o programa CAPTURE, esta tela (Session Log) pode aparecer minimizado ou maximizado, como mostra a tela abaixo

9 9 Para criar um circuito e simular no SPICE clique em FILE => NEW => PROJECT

10 10 O próximo passo é dar um nome a este novo circuito. nome do circuito Analog or Mixed Signal Circuit Wizard permite fazer a simulação utilizando o SPICE. diretório em que você vai gravar o circuito. OK para confirmar

11 11 ESCOLHA DAS BIBLIOTECAS QUE SERÃO UTILIZADAS Você pode incluir outras bibliotecas antes de começar o projeto, porém depois de iniciar você também pode, portanto você pode adicionar novas bibliotecas agora ou simplesmente clicar em FINISH Relação das bibliotecas que existem no ORCAD Relação das bibliotecas disponíveis na folha de trabalho

12 12 Área de trabalho Pastas

13 13 PASTAS Nestas pastas você encontra o arquivo com o esquemático. Quando se cria pela primeira vez isso não é necessário saber, porém quando se abre um arquivo pré-existente, ele será obtido clicando na ramifi- cações acima. O arquivo PAGE1 é o arquivo.

14 14 Todos os comandos do MENU PLACE estão nesta barra ao lado. MAXIMIZE A ÁREA DE TRABALHO

15 15 PART insere componente WIRE desenha a conexão BUS desenha um barramento JUNCTION coloca uma junção BUS ENTRY conexão com o barramento NET ALIAS labels em nós POWER alimentação GROUND terra OFF-PAGE CONECTOR conector <

16 16 BIBLIOTECAS PARA MONTAGEM DE UM CKT ANALÓGICO E DIGITAL Componentes Bibliotecas Representação Gráfica Adiciona novas Bibliotecas Remove Bibliotecas

17 17 PRINCIPAIS BIBLIOTECAS ANALOG => Resistores (R), Capacitores (C), Indutores (L), etc.. SOURCE => Fontes de alimentação (CLOCK, VAC, VDC, VSIN)

18 18 PARÂMETROS DE ALGUMAS FONTES

19 19 Parâmetros da fonte VPWL Parâmetros da fonte DigClock Parâmetros da fonte STIM1

20 20 EXEMPLO 1:

21 21 EXEMPLO PRÁTICO: MONTAGEM DE UM CIRCUITO.

22 22 Para soltar um componente: clique com o botão direito do mouse e selecione a opção END MODE; Para rotacionar um componente: clique sobre ele e aperte a tecla R; WIRE - FIOS GROUND COMPONENTES

23 23 EDITANDO VALORES DE COMPONENTES E FONTES Clique duas vezes p/ ajustar parâmetros Clique duas vezes valor do R

24 24 SALVANDO A FOLHA DE TRABALHO (FILE => SAVE)

25 25 SIMULAÇÃO DO CIRCUITO NO PSPICE (PSPICE => New Simulation Profile)

26 26 Dar um nome para a simulação DAR UM NOME À SIMUÇÃO

27 27 AJUSTES DO PARÂMETROS DE SIMULAÇÃO Análise transiente (domínio tempo) Opções da Análise Transiente Deixe marcado apenas General Settings Tempo de simulação

28 28 Unidades

29 29 SIMULAÇÃO DO CIRCUITO ( PSPICE => RUN )

30 30 VISUALIZADOR GRÁFICO Curvas da Simulação Procedimentos executados Simulando ! ! ! !

31 31 PONTEIRAS DE TESTE TENSÃO CORRENTE DIFERENÇA DE POTENCIAL OBS.: A PONTEIRA DE CORRENTE SÓ PODE SER COLOCADA NO PONTO ONDE TERMINA O FIO E COMEÇA O TERMINAL DO COMPONENTE

32 32 PONTEIRA DE CORRENTE NA JUNÇÃO ENTRE O FIO O TERMINAL DO COMPONENTE

33 33 MEDIÇÃO DE TENSÃO E CORRENTE DC - SOMENTE QUANDO UTILIZAR FONTE DC Medir Tensão (V) e Corrente (I)

34 34 Unidades

35 35 Run to Time = 10ms 0 10V 10ms EXEMPLO 2:

36 36 EXEMPLO 3:

37 37 O cursor permite a visualização dos valores numéricos da curva Habilita o cursor Tracejado indica que o cursor está sobre esta curva Para deslizar com o cursor basta arrastar o mouse com o botão esq. apertado A1 = tempo valor Obs.: Obs.: para acrescentar mais um cursor clique na área gráfica com o botão direito do mouse e depois sobre a segunda curva [V(R1:2)], também com o botão direito.

38 38 PARA ABRIR ESSE PROJETO EM OUTRA MÁQUINA SÃO NECESSÁRIOS OS SEGUINTES ARQUIVOS: *.DSN (Ex.: amplificador.dsn) *.OPJ (Ex.: amplificador.obj) *.SIM (Ex.: amplificador-schematic1-amplificador.sim) Embora ele crie vários outros, apenas estes três são suficientes.


Carregar ppt "1 PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL - PUCRS FACULDADE DE ENGENHARIA - FENG DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA - DEE ENGENHARIA DA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google