A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 CONTROLE DA QUALIDADE TOTAL (TQC) UDESC/CCT. 2 Objetivos de uma empresa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 CONTROLE DA QUALIDADE TOTAL (TQC) UDESC/CCT. 2 Objetivos de uma empresa."— Transcrição da apresentação:

1 1 CONTROLE DA QUALIDADE TOTAL (TQC) UDESC/CCT

2 2 Objetivos de uma empresa

3 3 Componentes da Qualidade Total

4 4 Controle da Qualidade Total (TQC) O significado de TQC poderia ser melhor entendido se fizéssemos uma equação: TQC = (CONTROLE + QUALIDADE) TOTAL TQC = CONTROLE TOTAL + QUALIDADE TOTAL

5 5 TQC é o controle exercido por todas as pessoas para a satisfação das necessidades de todas as pessoas. O Que é controle total? É o controle exercido por todas as pessoas da empresa, de forma harmônica (sistêmica) e metódica (baseada no PDCA).(baseada no PDCA). O Que é qualidade total? É o verdadeiro objetivo de qualquer organização humana. – satisfação das necessidades de todas as pessoas. Controle da Qualidade Total (TQC)

6 6 Qualidade em primeiro lugar. Satisfação total do cliente; Market-in. Orientação pelo cliente; O próximo processo é um cliente; Gerenciamento com base em fatos. Abordagem científica; Controle de processo. O processo deve ser gerenciado e controlado. (Quando o mau resultado ocorre a ação é tardia); Controle da Qualidade Total (TQC) Princípios básicos do TQC Japonês

7 7 Controle à montante. Prevenir a origem dos problemas cada vez mais à montante. Qualidade é determinada durante os processos de marketing, P&D, engenharia do produto e processo; Atenção prioritária aos problemas mais críticos; Ação preventiva para prevenir problemas recorrentes (o mesmo problema pela mesma causa); Gerenciamento participativo. Respeito pelo trabalhador. Envolvimento total; Comprometimento da alta gerência e direção. Controle da Qualidade Total (TQC) Princípios básicos do TQC Japonês

8 8 O controle de processo é a essência do gerenciamento em todos os níveis hierárquicos da empresa, desde o presidente até os operadores. O primeiro passo no entendimento do controle de processo é a compreensão do relacionamento de Causa-e- Efeito. Sempre que algo ocorre (efeito, fim, resultado) existe um conjunto de causas (meios) que podem ter influenciado. Controle da Qualidade Total (TQC) Controle de Processo

9 9 Diagrama de Causa e Efeito ou Diagrama de espinha de Peixe ou Diagrama de Ishikawa Característica Espinha dorsal Fatores (causas) Características (efeitos) Causas primárias Causas secundárias Causas terciárias Relacionamento de Causa e Efeito

10 10 (Características da qualidade) (Item de controle) Meio AmbienteMáquina Método Mão-de-obra Medidas Matéria Prima Fatores (causas) Efeito Deteriorização Fornecedores Informação Fornecimento próprio Físico Instrumento Manutenção Mental Diagrama de Causa e Efeito Instrução Procedimento Manutenção Clima Oficina Fatores de Qualidade Itens de Verificação PROCESSO

11 11 Itens de Controle de um Processo Os itens de controle de um processo são índices numéricos estabelecidos sobre os principais efeitos de cada processo para medir a sua qualidade total. Os itens de verificação de um processo são índices numéricos estabelecidos sobre as principais causas que afetam determinado item de controle. Controle da Qualidade Total (TQC)

12 12 O Que é um problema? Um problema é o resultado indesejável de um processo O problema de cada um é a SUA meta não alcançada Problema Nível desejado para o item de controle Nível alcançado pelo item de controle

13 13 Exemplos de problema: Retrabalho Acidente Reclamações Sucata Atraso Defeito Custo Elevado Prejuízo Devoluções Baixo Faturamento Qualidade Ruim Metas não atingidas

14 14 Método de Controle de Processo Método, é uma palavra de origem grega e é a soma das palavras: META além de HODOS caminho Método – caminho para se chegar a um ponto além do caminho Se você não tem um item de controle, você não gerencia Kaoru Ishikawa

15 15 PLANEJAR onde se quer chegar: META Definir como chegar lá: MEIOS CAPACITAR as pessoas, se necessário EXECUTAR o que foi planejado VERIFICAR os resultados obtidos, comparando-os com as Metas AGIR sobre as causas, em caso de não atingimento do planejado Ciclo PDCA de Controle de Processo P DC A

16 16 Ciclo PDCA para melhorias (QC STORY) P D C A Identificação do problema Observação Análise Plano de Ação Ação Verificação Padronização Conclusão

17 17 O Conceito de Melhoria Contínua PROCESSO EXISTENTE INOVAÇÃO NOVO PROCESSO PROCESSO EXISTENTE NÍVEL DO RESULTADO TEMPO S DC A P D C A P D C A ROTINA MELHORIA

18 18 POP – Procedimento Operacional Padrão

19 19 Programas Participativos São programas que promovem o crescimento do ser humano à nível de operadores: CCQ Sistema de Sugestões Programa de Reuniões-Relâmpago Programa 5S

20 20 Círculos de Controle de Qualidade (CCQ) Objetivo: Busca a motivação do ser humano Os grupos desenvolvem atividades voltadas para a identificação e resolução de problemas. Localizar, examinar, analisar e solucionar problemas não só relacionados com a qualidade como também referentes à produtividade, segurança, relações no trabalho, custo, arrumação, limpeza da organização.... É um programa que pode ser utilizado para desenvolver a sensibilidade e a tenacidade para mudanças, promovendo o crescimento do ser humano.

21 21 O CCQ é: Um grupo pequeno Que conduz de forma voluntária atividades de controle da qualidade Caracteristicas: Continuidade (melhoria contínua) Desenvolve e promove o auto-desenvolvimento e o mútuo- desenvolvimento Foco na rotina de melhorias através do uso de técnicas de controle da qualidade Participação de todos os membros da organização Círculos de Controle de Qualidade (CCQ)

22 22 As idéias básicas por trás das atividades de CCQ são: Contribuir para a melhoria e desenvolvimento da empresa, Respeitar a natureza humana construir um local de trabalho alegre e brilhante no qual vale a pena viver Fornecer às pessoas uma oportunidade de participar criativamente em assuntos relacionados com suas próprias atividades Círculos de Controle de Qualidade (CCQ)

23 23 Sistemas de sugestões Objetivo: Participação e envolvimento de todas as pessoas da Organização (de todos os níveis). Pontos chaves: Motivar a proposição de melhorias para as organizações Possibilitar o envolvimento das pessoas em atividades criativas Deixar claro que maioria das idéias envolve efeitos pequenos

24 24 Programas de Reunião-Relâmpago Objetivo: Manter a atenção máxima dos envolvidos através de aulas/palestras de 5 – 15 minutos no máximo. Pontos chaves: Reuniões conduzidas nos locais de trabalho, em pé, antes do início de cada turno, nas segundas feiras. Dos quatros encontros mensais, três são conduzidos pelo supervisor da turma e um pela chefia da empresa. Melhoria do relacionamento Chefia-Subordinado

25 25 Programa 5S SEIRI Senso de UTILIZAÇÃO SEITON Senso de ORDENAÇÃO SEIRI Senso de UTILIZAÇÃO SEISO Senso de LIMPEZA SEITON Senso de ORDENAÇÃO SEIKETSU Senso de ASSEIO SEISO Senso de LIMPEZA SEIKETSU Senso de ASSEIO SHITSUKE Senso de AUTO-DISCIPLINA


Carregar ppt "1 CONTROLE DA QUALIDADE TOTAL (TQC) UDESC/CCT. 2 Objetivos de uma empresa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google