A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Integração econômica regional. Integração econômica Razões econômicas e não-econômicas Modalidades Criação e desvio de comércio Proposições básicas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Integração econômica regional. Integração econômica Razões econômicas e não-econômicas Modalidades Criação e desvio de comércio Proposições básicas."— Transcrição da apresentação:

1 Integração econômica regional

2

3 Integração econômica Razões econômicas e não-econômicas Modalidades Criação e desvio de comércio Proposições básicas Modalidades

4 Integração regional: Fundamento Tratamento preferencial Discriminação positiva

5 Determinantes Econômicos: eficiência alocativa, restruturação produtiva, economias de escala, economias de aprendizado, diversificação do comércio exterior, balanço de pagamentos, conjuntura internacional desfavorável Não-econômicos: cultural, política, segurança

6 Modalidades Área preferencial de comércio: acordos de cooperação comercial Área de Livre Comércio: eliminação restrições comerciais União aduaneira: mantém Tarifa Externa Comum, harmonização da política comercial Mercado Comum: eliminação de barreiras ao comércio de bens, serviços e movimento de fatores de produção, coordenação e harmonização de políticas (comercial, cambial, fiscal, financeira, trabalhista) União monetária: moeda única, autoridade monetária supranacional, perda de autonomia nas políticas monetária e fiscal União econômica: autoridade supranacional define políticas, limitações à soberania nacional União política: federação ou confederação de Estados (cooperação na política externa e de defesa)

7 Criação e desvio de comércio Criação: eliminação de barreiras gera o comércio entre os países- membros Desvio: quando a importação proveniente de um país mais eficiente é deslocada para um país-membro menos eficiente

8 Criação e desvio de comércio

9 Efeitos da integração: Proposições básicas O benefício é diretamente proporcional ao grau de similaridade das estruturas produtivas dos países-membros O benefício é diretamente proporcional às barreiras iniciais A perda derivada da integração é diretamente proporcional às barreiras com relação ao resto do mundo Países muito dependentes entre si em termos de comércio tendem a ter maiores benefícios com a integração Benefícios decorrem das oportunidades de economias de escala Integração provoca um efeito pró-competitivo Integração permite a restruturação produtiva com o mercado ampliado

10 Alca e Mercosul: Diferentes visões

11 Indicadores da base econômica do poder dos países no cenário internacional

12 Países das Américas: Classificação segundo indicadores de dependência, abertura, liberalização, vulnerabilidade externa e tamanho de mercado

13 Poder de barganha dos principais países das Américas vis a vis os Estados Unidos

14

15

16


Carregar ppt "Integração econômica regional. Integração econômica Razões econômicas e não-econômicas Modalidades Criação e desvio de comércio Proposições básicas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google