A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Temei a Deus, e dai-lhe Glória; porque é vinda a hora do seu juízo. E adorai aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e as fontes das águas. (Apocalipse.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Temei a Deus, e dai-lhe Glória; porque é vinda a hora do seu juízo. E adorai aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e as fontes das águas. (Apocalipse."— Transcrição da apresentação:

1 1 Temei a Deus, e dai-lhe Glória; porque é vinda a hora do seu juízo. E adorai aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e as fontes das águas. (Apocalipse 14:7)

2 2 AS VOZES DE JULGAMENTO (Cap 14) PRIMEIRA VOZ – Anuncia-se então o julgamento de Deus sobre as forças opressoras de seu povo (v.6-7); SEGUNDA VOZ – O juízo que tem chegado é definido em relação a Roma (v.8);

3 3 AS VOZES DE JULGAMENTO (Cap 14) TERCEIRA VOZ – Aqui é anunciado o julgamento sobre os adoradores da besta (v.9-12); QUARTA VOZ – Revela a misericórdia de Deus para com a sua igreja fiel, e a sua recompensa diante das perseguições sofridas (v.13);

4 4 A IRA DE DEUS (Cap 15-16) A ira de Deus não se manifesta como um sentimento humano, mas, como a aplicação da justiça de Deus na história da humanidade.

5 5 A IRA DE DEUS (Cap 15-16)

6 6 A primeira taça (16,2): Lembra a sexta praga do Egito (Ex 9,8ss). Quando as pessoas se manifestam impenitentes e contrárias `a vontade de Deus.

7 7 A segunda taça (16,3): Relaciona-se com a primeira praga do Egito (Ex 7,17-21). Ela atinge o ser humano indiretamente, visto que ele depende do mar para viver. A terceira taça (16,4-7): Assim como a segunda, relaciona-se com a primeira praga do Egito (Ex 7,17-20). Aqui fala-se da água enquanto necessária para a vida humana.

8 8 A quarta taça (16,8-9): Lembra a maldição de Deus sobre os que não o temem (Dt 28,22). Como não pensar, em termos contemporâneos, ao câncer de pele, devido a poluição da atmosfera? A quinta taça (16,10-11): Atinge diretamente a besta (império romano - cp. 13). É a ação direta de Deus sobre os poderes políticos, religiosos etc., que se levantam contra Ele.

9 9 A sexta taça (16,12-16): Manifesta a oposição do diabo (dragão), de Roma (besta) e da máquina religiosa romana (falso profeta - em 19,20 ele é visto como aquele que faz com que as pessoas adorem a besta, mesmo papel da segunda besta em 13,12.15) contra Deus.

10 10 A sétima taça (16,17-21): Apresenta a vinda de Cristo (v.20 e 6,14), relacionada com a destruição de Babilônia (= Roma. 17,5.9). O juízo sobre Roma na história é somente uma antecipação do juízo final que virá sobre ela.

11 11 Descrição de Roma A GRANDE MERETRIZ cp. 17 A DESTRUIÇÃO DOS INIMIGOS DE DEUS (Cap 18-19)

12 12 Primeiramente vem uma visão de Roma, a meretriz (vs. 3-6). Através das indicações do texto torna-se claro concluir que essa mulher é a cidade de Roma (Ver vs.9a e v.18).

13 13 A QUEDA DE ROMA - Cap. 18 Embora essa destruição se apresente como já tendo acontecido (caiu, caiu - v.2), ela, na realidade, será efetuada no futuro. Tal modo de falar é para enfatizar que sua ruína já está determinada.

14 14 Há louvor no céu porque Roma foi julgada (19,1-2). LOUVOR NO CÉU PELA DESTRUIÇÃO DE ROMA - 19,1-10 São os santos, apóstolos e profetas que estão exaltando a Deus (18,20), pois Ele exerceu justiça sobre aquela que tinha sangue dos seus servos em suas mãos (v. 2b).

15 15 A besta com os reis da terra se reúnem para lutarem com Jesus (v. 19). Esta cena foi antecipada em 16,14-16 (Armagedom). O APRISIONAMENTO DA BESTA E DO FALSO PROFETA (Armagedom) - 19,11-21

16 16 Descrição da segunda vinda de Jesus em termos de uma batalha. Essa mesma já foi vista como uma ceifa (14,14-20). O Apocalipse usa várias imagens para descrever o mesmo fato. O APRISIONAMENTO DA BESTA E DO FALSO PROFETA (Armagedom) - 19,11-21 Satanás é preso no abismo por mil anos

17 17 VITÓRIA SOBRE O ÚLTIMO INIMIGO (DIABO) Cap. 20 CENTRO a vitória sobre o diabo e sua prisão por mil anos.

18 18 VITÓRIA SOBRE O ÚLTIMO INIMIGO (DIABO) Cap. 20 O milênio - visto - de duas ênfases diferentes no texto: numa perspectiva terrena (vs. 1-3), relacionada com a prisão de Satanás, e numa abordagem celestial (vs.4- 6), enfocando a presença dos cristãos mortos no céu juntamente com Cristo.

19 19 O diabo é preso por mil anos. Isso se relaciona com a vitória de Jesus sobre ele (Ver Lc 11,20- 22; Jo 12,31; 16,11; 1Jo 3,8b). Esta mensagem já foi apresentada no cap. 12,7-12. Esta prisão significa que ele não tem mais poder para enganar as nações (v.3). O período de mil anos durante o qual o diabo está preso deve ser entendido simbolicamente.

20 20 Dentro de uma perspectiva celeste, os mil anos relacionam- se com o destino daqueles que têm sido mortos em nome de Jesus (v. 4-6). Eles são descritos como sentados em tronos para julgar (v. 4). Esta visão é conhecida do resto do Novo Testamento ( Mt 19,28; Lc 22,30; 1Co 6,2).

21 21 v. 7 a 10 – é descrita a vitória sobre o diabo. Após os mil anos, o diabo é solto (v.7) por um pouco de tempo (v.3b). Será um período curto de tempo no qual ele fará uma oposição feroz a Deus. Paulo já falou dessa manifestação satânica dos últimos tempos (2Tss 2,1-4; 7-12).

22 22 A VITÓRIA DA IGREJA (Cap 21-22) NOVA ORDEM INSTAURADA (21:1-8) Novos Céus e Nova Terra - Como o ser humano, a natureza será resgatada do poder do pecado (Rm 8,20-22).

23 23 A VITÓRIA DA IGREJA (Cap 21-22) Fim dos poderes de oposição - Não haverá mais o mar (v.1). Não são os mares que não existirão, mas sim aquilo que eles simbolizam, o poder do império romano que perseguiu a igreja. Esse sim não existirá.

24 24 Nova Jerusalém que desce do céu Nova Jerusalém que desce do céu - v.2-3 a)É protegida - v.12. b)Tem nos apóstolos seu fundamento - v.14. c)Tem a presença intensa de Deus - v.16. d)É preciosa - v e)Deus será pleno nela - v f)Tem vida abundante - 22,1-2.

25 25 O CRIADOR DA NOVA ORDEM - v.5-6 É o que está assentado no trono. No Apocalipse, é sempre Deus que está assentado ali (ver, por exemplo, 4,2-3). Ele é o alfa e o ômega, o princípio e o fim. Isso quer dizer que tudo o que aconteceu, tem acontecido e acontecerá, desde o começo até o fim, está sob as mãos poderosas de Deus.

26 26 OS PARTICIPANTES DA NOVA ORDEM - v. 7-8 São os que não assimilaram os valores de Roma e, quando necessário, pagaram o preço da fidelidade com a própria vida. Os que não participam são descritos no v.8.

27 27 ADVERTÊNCIAS FINAIS (22,6-21) Estes versículos funcionam como uma conclusão onde o escritor volta a citar vários pontos que já foram mencionados no começo do livro para que lembremos do objetivo e da função desse escrito.

28 28 OBJETIVO DO LIVRO E ADVERTÊNCIAS CONTRA SUA NÃO OBSERVÂNCIA - Diante da afirmação de que Jesus vem sem demora (v.7), Guardar significa viver, observar, cumprir na vida. De modo mais específico, guardar significa não acrescentar nada (v.18) e não retirar nada (v.19). 22,6-10 e vs

29 29 O COMPORTAMENTO DOS HOMENS DIANTE DA IMINENTE VINDA DE JESUS CRISTO - 22, O conflito entre a vontade de Deus e a ação do diabo continuará até o fim. Não existe meio termo. Ou se está de um lado, ou de outro. É a postura diante da mensagem do livro que irá decidir qual nossa posição.


Carregar ppt "1 Temei a Deus, e dai-lhe Glória; porque é vinda a hora do seu juízo. E adorai aquele que fez o céu, e a terra, e o mar, e as fontes das águas. (Apocalipse."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google