A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

VI CONGRESSO BRASILEIRO DE ASMA IMPACTO DA EDUCAÇÃO NA ADESÃO E CONTROLE DA ASMA Profa. Dra. Maria do Rosário da Silva Ramos Costa Universidade Federal.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "VI CONGRESSO BRASILEIRO DE ASMA IMPACTO DA EDUCAÇÃO NA ADESÃO E CONTROLE DA ASMA Profa. Dra. Maria do Rosário da Silva Ramos Costa Universidade Federal."— Transcrição da apresentação:

1 VI CONGRESSO BRASILEIRO DE ASMA IMPACTO DA EDUCAÇÃO NA ADESÃO E CONTROLE DA ASMA Profa. Dra. Maria do Rosário da Silva Ramos Costa Universidade Federal do Maranhão

2 Educar não é só transmitir conhecimento e ensinar habilidades. EDUCAÇÃO EM ASMA Precisamos aprender a ofertar aos nossos pacientes uma linguagem fácil, acessível e que tenha sentido para eles. Qual será essa Linguagem?

3

4 São quatro as linguagens do Amor: Bom Dia! O Sr. está Ótimo! 2. Toque físico 1. Palavras de Afirmação 3. Qualidade de tempo 4. Ações de serviço

5 IMPACTO NA ADESÃO Adesão Posologia Técnica de uso Educação Efeitos colaterais Custo

6 Objetivo: Avaliar a adesão ao tratamento de pacientes com asma moderada e grave. Métodos: Estudo prospectivo em 15 estados brasileiros. Pacientes receberam salmeterol/fluticasona 50/250 µg diskus durante 90 dias gratuito. Foi considerado como aderente ao tratamento aquele que utilizou no mínimo 85% das doses prescritas. CHATKIN JM et al JBras Pneumol 32 (04) ESTUDO ADERE

7 RESULTADOS (ADERE) VariáveisnTaxa de adesão (%) ORIC 95%p Sexo Masculino Feminino ,8 46,3 2,21,0 – 4,90,05 União estável Sim Não ,3 46,5 1,610,8 – 3,20,22 Escolaridade Fundamental Médio Superior ,6 56,4 36,8 1 0,9 1,4 0,5 – 1,8 0,5 – 4,2 0,96 0,63 Estágio asma Moderada Grave ,7 63,9 0,420,5 – 0,80,02 Taxas de adesão conforme variáveis selecionadas e análise bivariadas (n=131)

8 Taxa geral de adesão = 52% (baixa) Houve maior adesão com significância estatística, nos asmáticos que se encontravam no estágio grave em relação aos moderados, isto é quanto mais grave a asma maior foi a taxa de adesão observada.(Or 2,4;Ic 95%: 1,1-5,1;p=0,03) Não houve diferença estatisticamente significante para os demais fatores estudados. CONCLUSÃO (ADERE)

9 ESTUDO DE ADESÃO NO PAPA ESTUDO DE ADESÃO NO PAPA Objetivo: Avaliar a adesão ao tratamento da asma no PAPA no período de nov/2002 a jun/2003 e identificar os possíveis fatores de riscos para não adesão. Paciente e Métodos: 138 pacientes do PAPA que recebiam medicamentos gratuitos em meses alternados. Foram avaliados por um questionário onde foram considerados como aderentes ao tratamento aqueles que usaram a medicação durante todos os meses, e ausência de alterações na dose da medicação por mais de 3 dias (diminuição da dose ou interrupção do tratamento) Sousa NCA et al ERS 2005

10 VariáveisnTaxa de adesão (%) Sexo Masculino Feminino ,93 30,28 Idade <40 >40 36,96 63,04 39,22 27,59 Escolaridade Fundamental Médio Superior Estágio asma Leve Moderada Grave ,31 47,96 22,73 RESULTADOS (PAPA)

11

12 VariávelRisco relativoDesvio padrãoIC*p Tempo de tratamento no PAPA 1 ano 1,280,151,01 – 1,630,046 Uso do Aerolizer 2,260,841,09 – 4,690,027 Uso do Turbuhaler 2,710,991,32 – 5,580,007 *IC=Intervalo de confiança. Fatores de riscos isolados para não adesão ao tratamento de asma no PAPA

13 CONCLUSÃO A taxa de adesão no PAPA = 52,17 (baixa) Os fatores de riscos isolados para não adesão ao tratamento da asma no PAPA foram: o tempo prolongado de tratamento (>1 ano) e uso de inaladores do tipo Uso do Aerolizer e do Turbuhaler.

14 ADESÃO AO TRATAMENTO ATUAL NO PAPA (2007)

15 IMPACTO NO CONTROLE Metas do Tratamento da Asma: Controle Ausência de sintomas diurnos Ausência de limitações às atividades (exercício) Sintomas ou despertares noturnos ausentes Necessidade mínima ou ausente de medicação 2-agonista de resgate Função pulmonar normal ao próxima ao MVP Ausência de exacerbações Metas do Tratamento da Asma: Controle Ausência de sintomas diurnos Ausência de limitações às atividades (exercício) Sintomas ou despertares noturnos ausentes Necessidade mínima ou ausente de medicação 2-agonista de resgate Função pulmonar normal ao próxima ao MVP Ausência de exacerbações

16 AIRLA – Controle da Asma Pacientes com sintomas diários: 56 % Despertares noturnos: 51% Ausência à escola: 58% Ausência ao trabalho: 31% Uso de corticóide inalatório: 6 % Uso de drogas de alívio sintomático: 60 % Neffen H et al. Pan Am J Public Health 2005; 17(3):191-7.

17 Estudo Goal SEMANA NA QUAL O CONTROLE FOI ALCANÇADO Salmeterol / fluticasona fluticasona PROBABILIDADE DE ATINGIR O CONTROLE SEMANA 7 SEMANA 2 BATEMAN, AJRCCM 2004

18 Medidas de desfechoRRIC Hospitalização0,640,5 - 0,82 Visitas ao PS0,820,73 - 0,94 Visitas não agendadas0,680,56 - 0,71 Absenteísmo0,790,67 - 0,93 Asma Noturna0,670,56 - 0,79 Qualidade de vida0,290,11-0,47 PROGRAMA DE DUCAÇÃO: Revisão Sistemática Cochrane Library estudos, 36 ensaios clínicos controlados e randomizados EDUCAÇÃO EM ASMA

19 Efetividade de programa de educação para adultos asmáticos em instituição pública. Ambulatório de pesquisa em asma - UNIFESP AntesDepois p Internações 0 0,5 ±0,8 0,08 Visitas ao PS 0,7 ±1,02 ±2 0,03 Sintomas noturnos 0,3 ±0,50,7 ±1 0,04 Freqüência de sintomas 1,3 ±12 ±1 0,04 Qualidade de vida global 28 ±1750 ±150,0005 EDUCAÇÃO EM ASMA Oliveira MA et al Eur Resp J 1999;14:

20 PFEAntesDepoisp Classe I (>80%)2048<0,0001* Classe II (50-80%)55560,897 ns Classe III (<50%)4617<0,0001* Experiência de um programa de educação estruturado para asma em São Luis – MA. Monitorização dos Sinais e Sintomas e PFE In press, AAI IMPACTO DA EDUCAÇÃO NO CONTROLE

21 Tempo 2 (meses) % 0% 20% 40% 60% 80% 100% 120% 0 probabilidade de torna-se livre de sintomas Classe I Classe II Classe III Tempo necessário para pacientes atingirem um bom controle da Asma baseado no PFE. Tese de Doutorado Costa, M.R.S.R. IMPACTO DA EDUCAÇÃO NO CONTROLE

22 PAPA COMPUTADORIZADO Modelo de controle da asma em um software, utilizando o ACT.

23

24

25

26

27

28

29

30 Consultas Subseqüentes

31

32

33

34

35 Resultados Atual do Controle(2007) 503 Pacientes cadastrados 387 ativos 116 inativos (ultima consulta em fevereiro) Asma Totalmente Controlada =142(Escore 25) Asma Bem Controlada =110(Escore20-24) Asma pouco controlada,mal controlada ou não controlada = 135 (Escore 5-19) Asma Leve=156 Asma Moderada=194 Asma Grave=37

36

37 Vote nos Lençóis Maranhenses como uma das 7 maravilhas naturais do mundo. Obrigado! A natureza por si só contempla toda a humanidade! Autor desconhecido.


Carregar ppt "VI CONGRESSO BRASILEIRO DE ASMA IMPACTO DA EDUCAÇÃO NA ADESÃO E CONTROLE DA ASMA Profa. Dra. Maria do Rosário da Silva Ramos Costa Universidade Federal."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google