A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ECONOMIA COLONIAL PRODUÇÃO AÇUCAREIRA PECUÁRIA / DROGAS DO SERTÃO MINERAÇÃO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ECONOMIA COLONIAL PRODUÇÃO AÇUCAREIRA PECUÁRIA / DROGAS DO SERTÃO MINERAÇÃO."— Transcrição da apresentação:

1

2 ECONOMIA COLONIAL PRODUÇÃO AÇUCAREIRA PECUÁRIA / DROGAS DO SERTÃO MINERAÇÃO

3 EXPORTAÇÕES DA COLÔNIA

4 SÉCULO XVI

5 A PRODUÇÃO AÇUCAREIRA - projeto agrícola de exploração colonial - Por que o açúcar? açúcar tinha grande aceitação no mercado europeu - alto preço Portugal tinha experiência com a produção de açúcar nas ilhas do Atlântico Problemas iniciais: ausência de capitais para investimentos na produção (mão-de-obra e equipamentos) Portugal não conseguia fazer a distribuição do produto na Europa questão da mão-de-obra

6 Participação do capital flamengo (holandês) financiamento transporte refinação distribuição na Europa Sistema de Produção : plantation tripé: latifúndio, monocultura e escravidão foi substituído pelo termo plantation plantation: setor agrícola + setor fabril

7 ENGENHO: unidade de produção escravaria animais terras para o plantio casa-grande, capela, senzala fábrica: moenda, casa das caldeiras e casa de purgar uso de técnicas rudimentares grande quantidade de escravos relativo desenvolvimento de especialização produção: entre 45 e 150 toneladas por ano

8 SÉCULO XVII

9 INTERIORIZAÇÃO DA COLONIZAÇÃO - século XVII -

10 SÉCULO XVIII

11 OURO NA COLÔNIA - garantir sobrevivência financeira da Metrópole - desorganização da área de produção do açúcar e concorrência com o açúcar das Antilhas pequena rentabilidade das outras atividades econômicas da colônia dependência em relação à Inglaterra: tratados de 1641, 1652 e 1661 Tratado de Methuen

12 TRATADO DE METHUEN

13 Deslocamento da população: outras regiões da colônia imigração portuguesa Minas Gerais: pólo econômico central da colônia

14 ESTRUTURA SOCIAL

15 DINÂMICA DO MERCADO - SÉCULO XVIII -

16 PRODUÇÃO DO OURO

17 MUDANÇAS NA COLÔNIA Caráter urbano da atividade: surgimento de cidades Formação de um mercado interno Surgimento de novos grupos sociais e ampliação do trabalho livre Mudança do eixo econômico do Nordeste para o Centro-Sul: transferência da capital - Salvador - Rio de Janeiro Desenvolvimento cultural: arte: Barroco Mineiro primeira elite intelectualizada da Colônia idéias francesas influenciariam movimentos de oposição à exploração metropolitana – Conjuração Mineira


Carregar ppt "ECONOMIA COLONIAL PRODUÇÃO AÇUCAREIRA PECUÁRIA / DROGAS DO SERTÃO MINERAÇÃO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google