A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Crise Econômica Colonial - União Ibérica (Portugal perde parte do seu domínio colonial). - Brasil uma das poucas colônias portuguesas lucrativa. - Concorrência.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Crise Econômica Colonial - União Ibérica (Portugal perde parte do seu domínio colonial). - Brasil uma das poucas colônias portuguesas lucrativa. - Concorrência."— Transcrição da apresentação:

1 Crise Econômica Colonial - União Ibérica (Portugal perde parte do seu domínio colonial). - Brasil uma das poucas colônias portuguesas lucrativa. - Concorrência do açúcar antilhano (situada no norte da América do Sul) - Portugal é obrigado a assinar diversos tratados com a Inglaterra em troca de empréstimos. Principais Tratados 1642 – Portugal concedeu a Inglaterra à posição de nação mais favorável 1654 – Portugal aumentou os direitos comerciais ingleses com suas colônias – Inglaterra se comprometeu a defender Portugal e suas colônias em troca de dois Milhões de cruzados, mais as possessões de Tanger e a Ilha de Bombaim na África Tratado de Methuen também conhecido como o tratado de panos e vinhos.

2 O Ouro e as Mudanças na colônia - Final do século XVII, bandeirantes descobriram as primeiras jazidas de ouro em Minas Gerais (Ouro de aluvião). - Corrida as minas A sede insaciável do ouro estimulou a tantos deixarem suas terras e a meterem-se por caminhos tão ásperos como são os das minas, que dificultosamente se poderá dar conta do número de pessoas que lá estão. Fala do Jesuíta Antonil por volta de Coroa portuguesa laçou um decreto limitando drasticamente a emigração para o Brasil, consentindo-a somente mediante um passaporte especial fornecido pelo governo. - Nascimento de cidades no sertão. -Guerra dos Emboabas

3 Guerra dos Emboabas Emboabas: palavra de origem Tupi que servia para designar os que não haviam nascido na região. - Inúmeros portugueses, da metrópole ou da própria colônia, tão Logo souberam da descoberta de ouro, dirigiram-se para o local das jazidas com a intenção de apoderar-se delas. Os paulistas sentiram-se injustiçados com a ambição portuguesa, isso provocou violentos conflitos entre os dois grupos. - Portugal preocupada com a perda do poder assumiu o controle da região expulsando grande parte dos forasteiros que migraram para o centro-oeste ou para o sul.

4 Administração das Minas O governo português viu no ouro a possibilidade de recuperar a decadente economia lusitana. Por isso, logo tratou de montar um amplo esquema administrativo para exercer o controle da região. - Intendência das Minas: distribuir terras, cobrar tributos; e fiscalizar o trabalho dos mineradores. - Quinto: imposto cobrado pela exploração das minas. - Casa de Fundição: todo ouro deveria ser obrigatoriamente levado para ser transformado em barras. - Revolta de Vila Rica Derrama: O resultado final do quinto deveria atingir a soma de 100 arrobas de ouro ano. -Deslocamento do eixo econômico da colônia, do nordeste açucareiro para região mineradora. Casa de fundição Forno e balança.

5 Sociedade Mineradora - Trabalho nas minas necessitava menos investimento e menos mão de obra -Sociedade heterogênea, composta de comerciantes, funcionários do rei, profissional liberais e uma multidão de escravos. - Ascensão social relativamente mais fácil que no Nordeste - Comportamentos ostentatórios e extravagantes. - Alto índice de prostituição na região -Requinte intelectual.

6 Consequências do Ciclo do Ouro - Nos primeiro 70 anos do século XVIII o Brasil produziu mais ouro que toda a América espanhola em 357 anos. A quantidade de ouro extraído do Brasil correspondeu a 50% de toda a produção mundial entre os séculos XV e XVIII. - Grande beneficiária do ouro brasileiro: Inglaterra (Tratado de Methuen). - Crescimento demográfico: população brasileira cresceu aproximadamente onze vezes, isto é, de habitantes em 1700 passando para em Mudança do centro econômico: transferência da capital do estado do Brasil da cidade de Salvador para o Rio de Janeiro. - Revoltas coloniais: revoltas da colônia contra a Metrópole.


Carregar ppt "Crise Econômica Colonial - União Ibérica (Portugal perde parte do seu domínio colonial). - Brasil uma das poucas colônias portuguesas lucrativa. - Concorrência."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google