A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

José Fernandes Maio 2005. Um pilar na construção da Sociedade do Conhecimento.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "José Fernandes Maio 2005. Um pilar na construção da Sociedade do Conhecimento."— Transcrição da apresentação:

1 José Fernandes Maio 2005

2 Um pilar na construção da Sociedade do Conhecimento

3 OBJECTIVOS DA B-ON Promover o acesso online às principais fontes de conhecimento internacionais Subscrição electrónica global permitindo o acesso através de uma negociação centralizada Dinamizar e estimular a comunidade para a utilização e produção de conteúdos científicos Racionalização de custos e de recursos – Evitar duplicações – Conseguir mais por menos

4 EVOLUÇÃO DA B-ON Base de aderentes –Alargamento a entidades sem fins lucrativos e hospitais Conteúdos –Comerciais (10 novos recursos) –Não comerciais (recursos gratuitos) Outros projectos –Repositório da produção científica nacional, incluindo teses de Mestrado e Doutoramento –Iniciativa Open Access –Disponibilização de serviços de interesse para a comunidade Catálogo colectivo Gestor de citações

5 CONTEÚDOS B-ON TIPOS DE RECURSOS –EDITORAS –BASES DE DADOS EM TEXTO INTEGRAL –BASES DE DADOS DE REFERÊNCIA –RECURSOS GRATUITOS Com as editoras e bases de dados passámos de para publicações em FULL TEXT.

6 CONTEÚDOS - EDITORAS –ELSEVIER; –WILEY; –SAGE; –SPRINGER (inclui KLUWER); –IEEE; –TAYLOR & FRANCIS; –ASSOC. FOR COMPUTING MACHINERY (ACM); –AMERICAN CHEMICAL SOCIETY (ACS); –AMERICAN INSTITUTE OF PHYSICS (AIP); –ANNUAL REVIEWS; –INSTITUTE OF PHYSICS (IOP); –ROYAL SOCIETY OF CHEMYSTRY (RSC); –SOCIETY FOR IND. AND APPLIED MATHEMATICS (SIAM) Novas

7 CONTEÚDOS- Bases Dados BD EM TEXTO INTEGRAL –ACADEMIC SEARCH PREMIER 4,678 Full Text Journals / 8,176 Abstracted and Indexed Journals –BUSINESS SOURCE PREMIER 7,000 Full Text Journals / 800 abstracts / 144 Monographs

8 CONTEÚDOS- Bases Dados BASES DE DADOS REFERENCIAIS –ERIC –ZENTRALLBLATT MATH INTEGRAÇÃO DA PLATAFORMA WEB OF KNOWLEDGE

9 CONTEÚDOS ACESSO LIVRE RECURSOS DE ACESSO LIVRE –Directory of Open Access Journals (DOAJ) –OAIster BIBLIOTECAS –Library of Congress OBRAS DE REFERÊNCIA –Encyclopedia Britannica Online

10 ESTATÍSTICAS DE UTILIZAÇÃO

11 B-ON e o OPEN ACCESS conjugação de iniciativas

12 B-ON / OPEN ACCESS OBJECTIVOS B-ON – Promover o acesso online às principais fontes de conhecimento internacionais em texto integral; – Dinamizar e estimular a comunidade para a utilização e produção de conteúdos científicos OBJECTIVOS OPEN ACCESS – Disponibilizar livremente na Internet a literatura de carácter académico ou científico, permitindo a qualquer utilizador ler, descarregar, copiar, distribuir, imprimir, pesquisar ou referenciar o texto integral dos documentos.

13 B-ON / OPEN ACCESS CONJUGAÇÃO DAS INICIATIVAS –ENQUADRAMENTO Dispersão da produção científica e académica nacional nas diversas instituições (universidades, politécnicos, laboratórios) em diversas publicações (revistas científicas, actas de conferências e congressos, etc.) –MOTIVAÇÃO A criação de um repositório da literatura científica e académica integrado na B-on, reunindo num único local o output académico e tornando-o digitalmente pesquisável e acessível, constitui uma importante mais valia para a comunidade académica e científica.

14 B-ON / OPEN ACCESS CRIAÇÃO DE REPOSITÓRIO VANTAGENS –Aumentar a visibilidade, acessibilidade e difusão da actividade académica e investigação científica portuguesa, potenciando o seu uso e impacto na comunidade científica nacional e internacional; –Facilitar a gestão da informação sobre a produção científica nacional, constituindo-se como uma componente de um sistema de informação de ciência e tecnologia nacional.

15 B-ON / OPEN ACCESS CRIAÇÃO DE REPOSITÓRIO OBJECTIVOS - Desenvolvimento de uma infra-estrutura, implementando repositórios institucionais de instituições, individuais ou em consorcio, apoiando o desenvolvimento dos repositórios já em curso e promovendo a sua interligação e interoperabilidade; - Apoio e estímulo ao depósito da literatura científica e académica nacional nesses repositórios;

16 B-ON / OPEN ACCESS CRIAÇÃO DE REPOSITÓRIO OBJECTIVOS (cont.) - apoio ao desenvolvimento de serviços baseados nos documentos e metadados depositados nesses repositórios; - criação um ponto único de pesquisa e acesso aos conteúdos, integrado no portal da B-on mas também utilizável isoladamente.

17 B-ON / OPEN ACCESS Desenvolvimento/Actividades do projecto –Estudo e selecção das plataformas e ferramentas para alojar o(s) repositório(s) das instituições; –Estudo e decisão sobre as normas e procedimentos mínimos/comuns a usar pelos participantes; –Aquisição e instalação do servidor para alojar o(s) repositório(s) das instituições e os metadados recolhidos de outros repositórios já existentes; –Criação, alojamento e apoio ao desenvolvimento de repositórios institucionais;

18 B-ON / OPEN ACCESS Desenvolvimento/Actividades do projecto (cont.) –Desenvolvimento do portal repositório com metadados dos repositórios alojados na B-on e de outros repositórios existentes; –Criação e disponibilização de documentos, serviços e materiais de promoção: tutoriais, guias, serviço de orientação sobre direitos de autor/copyright, etc. –Definição/especificação de serviços baseados no repositório, ligação ao sistema nacional de currículos científicos, criação de repositórios/portais temáticos...

19 B-ON / OPEN ACCESS CONCRETIZAÇÃO DA INICIATIVA –Proposta de projecto em fase avançada de preparação. –O projecto poderá começar muito em breve. –É preciso garantir: recursos financeiros recursos humanos articulação com diferentes as instituições Promoção/divulgação junto da comunidade para conseguir a sua adesão e o sucesso da iniciativa

20 Exemplos internacionais

21

22

23 A constituição de repositórios institucionais está a ganhar cada vez mais força a nível internacional. A International Coalition of Library Consortia (ICOLC) vai definir guidelines para a constituição de repositórios com vista à harmonização e interoperabilidade entre os mesmos. B-ON / OPEN ACCESS

24 CONCLUSÕES –Com pouco mais de um ano a b-on é uma realidade tendo atingido o ponto de não retorno. –Estamos empenhados em dinamizar a constituição de um repositório nacional e contribuir para que a iniciativa Open Access ganhe massa critica a nível internacional


Carregar ppt "José Fernandes Maio 2005. Um pilar na construção da Sociedade do Conhecimento."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google