A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

LIGAÇÕES EM ESTRUTURAS DE AÇO Uma corrente é tão forte quanto o mais fraco dos seus elos Uma corrente é tão forte quanto o mais fraco dos seus elos Autoria.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "LIGAÇÕES EM ESTRUTURAS DE AÇO Uma corrente é tão forte quanto o mais fraco dos seus elos Uma corrente é tão forte quanto o mais fraco dos seus elos Autoria."— Transcrição da apresentação:

1 LIGAÇÕES EM ESTRUTURAS DE AÇO Uma corrente é tão forte quanto o mais fraco dos seus elos Uma corrente é tão forte quanto o mais fraco dos seus elos Autoria desconhecida Prof. Alexandre L. Vasconcellos

2 INTRODUÇÃOINTRODUÇÃO Ligação: Ligação: Ligação é todo detalhe construtivo que promova a união de partes da estrutura entre si, ou a união da estrutura com elementos externos a ela Partes que constituem as Ligações: As ligações devem representar o mais fielmente possível os vínculos idealizados na análise estrutural São todos os componentes incluídos na ligação para permitir a união e a transmissão de esforços entre as peças (ex.: chapas, para- fusos, cantoneiras, etc.). Elementos de ligaçãoDispositivos de ligação - Conectores Parafusos - Soldas - Conectores Parafusos - Soldas

3

4

5

6

7 INTRODUÇÃOINTRODUÇÃO Fatores Importantes no Projeto de Ligações Comportamento da ligação (rígida ou flexível) Facilidade de fabricação e montagem - Acesso para soldagem, parafusamento, inspeção, limpeza, etc.. Exemplos de Ligações

8

9 INTRODUÇÃOINTRODUÇÃO Classificação das Ligações Segundo a rigidez Rígidas Semi-rígidas Rígida Flexíveis Segundo os dispositivos de ligação Parafusadas Soldadas

10 INTRODUÇÃOINTRODUÇÃO Classificação das Ligações Segundo o esforço solicitante Cisalhamento centrado Tração ou compressãoTração ou compressão com cisalhamento Cisalhamento excêntrico

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20 LIGAÇÕES PARAFUSADAS COMPORTAMENTO ESTRUTURAL Ligação por contatoLigação por atrito F FuFu u a b c d X Fase a – F>desliza/o Fase b – desloca/o brusco Fase c - conjunto Fase d - inelástica F F/2

21 MODOS DE FALHA LIGAÇÕES PARAFUSADAS Cisalhamento do parafuso Deformação excessiva do furo Rasgamento da chapa Ruptura da chapa

22 - Ligação viga-pilar flexível: Solução clássica: cantoneiras de alma Grupo de parafusos sob força excêntrica Transmissão de cortante SOLICITAÇÕES EM PARAFUSOS LIGAÇÕES PARAFUSADAS

23 - Efeito alavanca (Prying action) SOLICITAÇÕES EM PARAFUSOS LIGAÇÕES PARAFUSADAS

24 Há efeito alavanca Não há efeito alavanca SOLICITAÇÕES EM PARAFUSOS LIGAÇÕES PARAFUSADAS - Efeito alavanca (Prying action)

25

26

27

28 Bases de pilares Bases flexíveisBases rígidas Tipos de bases - comportamento

29 Bases de pilares Pressão de contato em apoios de concreto Esmagamento do concretoE.L.U. Resistência nominal do concreto à pressão de contato Resistência de cálculo

30 Bases de pilares Detalhes e verificações de bases flexíveis Procedimento do AISC - faixas de largura unitária em balanço a) balanços externos Momento resistente para plastificação total (espessura da chapa) Esforços de cálculo

31 Bases de pilares Detalhes e verificações de bases flexíveis Procedimento do AISC b)balanços internos Pressão de contato Mom. Resistente plastificação total Esforços de cálculo A espessura da placa de base será o maior valor entre t m, t n e t c

32 Bases de pilares Detalhes e verificações em bases rígidas 1 o caso: 2 o caso: Pode se adotar o procedimento para compressão simples Caso mais comum chumbadores tracionados

33 Bases de pilares Detalhes e verificações em bases rígidas 2 o caso: (ponto de aplicação da força fora do núcleo central) Equações de equilíbrio Equações de compatibilidade de deformações Adotando um valor para As resulta: (posição da LN)

34 Bases de pilares Detalhes e verificações em bases rígidas 2 o caso: (ponto de aplicação da força fora do núcleo central) Obtida a posição da LN pode-se calcular Resultante de tração no chumbadorMáxima pressão de contato


Carregar ppt "LIGAÇÕES EM ESTRUTURAS DE AÇO Uma corrente é tão forte quanto o mais fraco dos seus elos Uma corrente é tão forte quanto o mais fraco dos seus elos Autoria."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google