A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Correio Eletrônico Introdução. Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 2 Correio Eletrônico Antes de 1990 era usado.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Correio Eletrônico Introdução. Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 2 Correio Eletrônico Antes de 1990 era usado."— Transcrição da apresentação:

1 1 Correio Eletrônico Introdução

2 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 2 Correio Eletrônico Antes de 1990 era usado apenas no meio acadêmico Maior volume de mensagem do que o correio convencional

3 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 3 Correio Eletrônico Primeira versão do correio eletrônico: – Dificuldade de enviar para um grupo de pessoa – Sem estrutura interna n o documento – Remetente nunca tinha certeza da entrega da mensagem – Dificuldade de gerenciar mensagem, principalmente se vc viajasse – Interface pobre, sem integração entre editor de texto o sistema de envio de mensagem – Não podia enviar outras mídias

4 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 4 Correio Eletrônico Dois padrões: – Em 1982: RFC 821(protocolo de tx) e RFC 822 (formato da msg) Melhorias: RFC 2821 e RFC 2822 – Em 1984: – O CCITT definiu o X.400 (governo – projeto ruim)

5 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 5 Correio Eletrônico Arquitetura – Agentes do usuário Permite que os usuários leiam e enviem mensagens – Agentes de transferência de msg (daemons) Que deslocam as mensagens da origem até o destino São processados em segundo plano

6 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 6 Correio Eletrônico Características – Os sistemas de correios eletrônicos admitem cinco funções básicas: Composição Transferência Geração de relatórios Exibição Disposição

7 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 7 Correio Eletrônico Composição – Processo que cria mensagens e resposta. Traz facilidades de edição de mensagens e colocação do remetente no campo de resposta Transferência – Processo onde a mensagens é enviada do remetente ao destinatário. Normalmente isso é feito entre máquinas sem o conhecimento do usuário.

8 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 8 Correio Eletrônico A geração de relatórios – É responsável por informar ao usuário sobre o que aconteceu com a mensagem. Foi entregue? Foi rejeitada, Perdeu-se? – Pode ter implicações legais. A exibição – É a parte necessária do sistema para permitir ao usuário destinatário visualizar as informacoes recebidas. O sistema deve estar preparado para interpretar vários formatos de dados, textos, html, imagens, audios, videos, postscript, etc.

9 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 9 Correio Eletrônico A disposição – Ultima etapa do sistema para oferecer ao destinatário opções para o que fazer com a mensagem lida. Ex: Guardar, apagar, re-enviar, editar, alterar, etc.

10 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 10 Correio Eletrônico Outros sistemas correios eletronicos são capazes de fazer outras coisas complexas. Normalmente são sistemas corporativas utilizadas em empresas. Ex: avisar quando esta de férias, redirecionar para outro quando está viajando.

11 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 11 Correio Eletrônico Listas de distribuição – Surgiu pela necessidade de distribuir o mesmo mail para mais de uma pessoa. Chefes que tiveram necessidade de encaminhar para seus funcionários. Cópias carbonos – Permite inserir outros destinatários – Cópias ocultas (BCCs) para que os destinatários não saibam que mais receberam a mensagem.

12 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 12 Correio Eletrônico Mensagens de Alta prioridade Mensagens criptografadas Destinatários alternativos

13 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 13 Correio Eletrônico Envelope – É importante saber a distinção entre o Envelope e o conteúdo. – O envelope é usado para acomodar o conteúdo, mas também é nela que está as informações de origem, destinos, prioridade, nível de segurança, etc. – O envelope é formado por duas partes: Cabeçalho corpo

14 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 14 Correio Eletrônico

15 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 15 Correio Eletrônico Agentes usuários – São sistemas que possuem interface para que os usuários possam escrever e enviar as mensagens. – Podem ter interfaces simples baseado em linha de comando ou gráficos com icones sofisticados.

16 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 16 Correio Eletrônico Formas de envio de mensagens – Padrão de endereços tipo: – Padrão X.400: /C=US/ST=MASSACHUSETTS/L=CAMBRIDGE/PA=360 MEMORIAL DR./CN=KEN SMITH/ – Apelidos, onde o sistema substituem pelo formato orginal.

17 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 17 Correio Eletrônico Leitura de correio eletrônico – Normalmente o agente do usuário, quando é acionado faz uma busca na caixa de correio do usuário para verificar as novas correspondencias recebidas. – Há varias indicadores, na forma de flags para dizer as mensagens ainda não foram lidas, lidas, enviadas, ou não enviadas.

18 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 18 Correio Eletrônico Exemplo de exibição da caixa de correio

19 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 19 Correio Eletrônico Formato das mensagens RFC 822 – Define como as informações presentes no envelope e cabeçalho devem ser.

20 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 20 Correio Eletrônico O campo From é obrigatório e indica quem é reponsável pela mensagem O campo Sender é opcional se for igual ao campo From, mas pode ser diferente para indicar realmente quem mandou a mensagem. Ex: A secretária. O campo Received contem as informações de cada agente de transferência, data, hora e outras informações necessárias para rastrear possíveis bugs no sistema. O Campo Return-Path: é incluído pelo ultimo agente de transferência e seu objetivo é informa como voltar ao remetente O Campo Reply-To: é usando quando a pessoa que redigiu não quer ver a resposta. Este campo também é útil para os usuários terem suas respostas encaminhas para outros s.

21 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 21 Correio Eletrônico Campos usados pela mensagem RFC 822

22 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 22 Correio Eletrônico MIME- Multipurpose Internet Mail Extensions – Nos primórdios da ARPANET só era importante enviar e receber textos simples baseados em ASCII. – Depois do crescimento, o desafio hoje é enviar e receber outros tipos de dados: Mensagens em idiomas com acentos Mensagens em alfabetos não latinos Mensagens em idiomas sem alfabetos Mensagens que não contem textos.

23 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 23 Correio Eletrônico MIME- Multipurpose Internet Mail Extensions – A Idéia é manter o uso do formato RFC 822, mas incluir uma estrutura para o corpoda mensagem e definir regras para mensagens que não utilizam o codigo ASCII. – As mensagens são enviadas usando o corpo, e só é necessário alterar os programas de envio e recebimentos para interpretarem corretamente os dados.

24 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 24 Correio Eletrônico MIME- Multipurpose Internet Mail Extensions – Estrutura incluída no cabeçalho RFC 822

25 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 25 Correio Eletrônico MIME- Multipurpose Internet Mail Extension

26 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 26 Correio Eletrônico Exemplo: – Mensagem com informações alternativas – Dependendo do programa leitor o texto ou a musica pode ser tocada – 3 MIMES, a primeira informa que é a msg tem várias partes.

27 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 27 Correio Eletrônico SMTP (porta 25) – É um protocolo ASCII muito simples. Após estabelecer uma conexão, espera o servidor sinalizar se ele pode aceitar receber mensagens. Caso contrário, o cliente termina a comunicação automaticamente. – O servidor começa enviando informações sobre sua identificação e depois recebe as informações do cliente. Verifica as informações do remetente e depois confirma se o destinatário existe. – Se existir um remetente, o servidor tenta entregar a mensagem. Em ambos os casos, o servidor informará o status ao cliente no de sucesso ou falha.

28 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 28 SMTP ( porta 25)

29 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 29 Correio Eletrônico SMTP (porta 25) – Alguns problemas Versoes antigas de protocolos não suporta mensagens maiores que 64kb. Timeouts diferentes entre clientes e servidores Envio de mensagens em listas de grupos com reentrância entre dois servidores

30 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 30 Correio Eletrônico POP (porta 110) – Protocolo que permite que os agentes clientes possam buscar as mensagens recebidas durante o tempo offline. – Usando pelos ISP (Internet Service Provider) para seus clientes discados. – POP3, descrito na RFC 1939

31 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 31 Correio Eletrônico POP (porta 110)

32 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 32 Correio Eletrônico POP (porta 110) – O protocolo exige do cliente três estados em sequência: Autorização – trata do login do usuário Transação – coleta de mensagens de correios eletrônicos do usuário e marcações das mensagens para exclusão da caixa de correio. Atualização – faz as mensagens serem excluídas da caixa de correio.

33 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 33 Correio Eletrônico POP. Exemplo:

34 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 34 Correio Eletrônico IMAP – Internet Message Access Protocol – Protocolo de recebimento de mensagens semelhante ao POP. – Vantagens de acessar sua caixa de mensagens de vários lugares, sem os inconvenientes do POP3 (mensagens espalhadas e exclusivas em várias maquinas).

35 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 35 Correio Eletrônico IMAP – Internet Message Access Protocol – Seu princípio básico de funcionamento é não deletar as mensagens do Servidor. – Permite ler apenas os cabeçalhos, bom para modens lentos – Permite criar várias caixas de mensagens no servidor que podem ser visualizadas em qualquer host pelo usuário.

36 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 36 Correio Eletrônico IMAP – Internet Message Access Protocol

37 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 37 Correio Eletrônico IMAP – Internet Message Access Protocol – Outras vantagens Filtros – separa msg de chefes, amigos e spam em caixas separadas de mensagens automaticamente. Possibilidade de encaminhar temporariamente para outro endereço de . Resposta automático ao recebimento de uma mensagem, para dizer que está de férias

38 Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 38 Correio Eletrônico Web – Técnica moderna para enviar e receber mensagens a partir do browser. – Trata-se uma pagina dinâmica gerada por cgi para funcionar como um agente do cliente. Funciona tal qual uma aplicação padrão de leitor de , limitada aos recurso da web.


Carregar ppt "1 Correio Eletrônico Introdução. Professor: Arlindo Tadayuki Noji Instituto de Ensino Superior Fucapi - CESF 2 Correio Eletrônico Antes de 1990 era usado."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google