A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A LINGUAGEM DO P Elevando nossos relacionamentos à condição de relacionamentos realmente relevantes!

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A LINGUAGEM DO P Elevando nossos relacionamentos à condição de relacionamentos realmente relevantes!"— Transcrição da apresentação:

1 A LINGUAGEM DO P Elevando nossos relacionamentos à condição de relacionamentos realmente relevantes!

2 O apego tão grande aos animais de estimação... As inúmeras redes sociais reais e virtuais... A migração constante de trabalho, de igreja, de escola... A nova forma de ser igreja, informal, no lar, em pequenos grupos... São algumas coisas contemporâneas que demonstram a necessidade no ser humano de relações humanas realmente relevantes

3 Seria legítima esta necessidade? SIM!!! Veja que Adão, mesmo cercado pela criação perfeita e com relacionamento direto com Deus, precisou de Eva (aqui mais do que um cônjuge, a figura de um outro ser semelhante a ele mesmo!). Não é bom que o homem esteja só, far- lhe-ei uma auxiliadora idônea (Gen 2:18)

4 Veja que no livro de Deuteronômio, enquanto o povo peregrinava pelo deserto, Deus já tinha a preocupação com um santuário central aonde seu povo pudesse se reunir e suprir esta necessidade de comunhão com Ele e com seu próximo (Deuteronômio no capítulo 12). Os autos de ídolos pagãos que eram altares espalhados por todos os lugares se tornaram locais de adoração dos judeus, e Deus ia contra isto porque o que deveria diferenciar Seu povo dos pagãos era o santuário central (Deut. 12: 3-5)

5 Esta discussão da necessidade de relações humanas relevantes se encerra quando vemos o próprio Deus – Jesus dizendo a Pedro, Tiago e João:... Ficai aqui e vigiai comigo... (Mateus 26:38) Então as relações humanas não suprem nossa necessidade de relação com Deus, mas as relações humanas são parte importante no projeto de vida de Deus para você!

6 Você deve estar profundamente ansioso por relações humanas verdadeiras... Como elevar minhas relações a níveis satisfatórios para mim e para os meus?

7 PERGUNTE Em João 4 no diálogo da samaritana com Jesus, há 3 perguntas que iniciam aquela relação (vs. 9, 11 e 12). Aprofunde seus relacionamentos com perguntas: Como foi o seu dia? O que você gosta de fazer? Porque você gostou deste filme? Como anda sua vida com Deus? Etc... Pergunte com interesse, não com cobrança, nem por mero dever!

8 PERDOE Os relacionamentos podem se modificar com o tempo e as circunstâncias, o que eles não podem é se esfriar ou se quebrar! Quando Esaú e Jacó se perdoam em Gênesis as circunstâncias fizeram um ir para Seir e outro para Sucote, mas havia agora perdão entre as famílias...

9 PARTICIPE Tomé, discípulo excelente, ficou marcado como o ver para crer, porque em uma aparição ressurreta de Jesus aos discípulos Tomé não estava com eles (João 20:24) e não desfrutou da alegria dos discípulos em verem ao Senhor (João 20:20). Sem envolvimento não há relacionamento!

10 PROXIMIDADE Em Atos 20, Paulo chora ao se despedir dos líderes de Éfeso, porque por três anos, noite e dia, não cessou de admoestar, com lágrimas a cada um (Atos 20:31). três anos; noite e dia, admoestar, cada um – são expressões que mostram que Paulo teve ali relacionamentos relevantes porque se aproximou daquelas pessoas. Estar junto não significa necessariamente proximidade; proximidade exige uma deliberada atitude de aproximação e a aceitação do outro para esta proximidade ocorrer...


Carregar ppt "A LINGUAGEM DO P Elevando nossos relacionamentos à condição de relacionamentos realmente relevantes!"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google