A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA1 Dimensionamento considerando uma demanda.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA1 Dimensionamento considerando uma demanda."— Transcrição da apresentação:

1 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA1 Dimensionamento considerando uma demanda

2 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA2 Dimensionamento considerando uma demanda Fatores a considerar Fatores a considerar –Determinação da demanda. –Fixar dias de trabalho. –Verificar rotas observando: Rotas, aclives, irregularidades e pavimento. –Determinar a velocidade de percurso. –Determinar tempos de carga e descarga.

3 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA3 Dimensionamento considerando uma demanda Fatores a considerar Fatores a considerar –Avaliar especificações técnicas do veículo adotando a melhor opção. –Identificar a lotação e carga útil do veículo selecionado. –Definir tempos de espera e descanso do motorista. –Determinar o nº de viagens que 1 veículo pode realizar. –Determinar o total transportado por veículo.

4 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA4 Dimensionamento considerando uma demanda O número de veículos será obtido dividindo-se a demanda pela quantidade transportada por cada veículo. O número de veículos será obtido dividindo-se a demanda pela quantidade transportada por cada veículo. Não se pode esquecer as eventualidades, revisões, etc. Não se pode esquecer as eventualidades, revisões, etc.

5 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA5 Dimensionamento considerando uma demanda Dados do veículo: Dados do veículo: –Peso do chassiPch –Peso bruto totalPBT –Peso unidade transportePreb –Peso de outros equipamentos Pdiv –Velocidade de idaVida –Velocidade de voltaVv

6 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA6 Dimensionamento considerando uma demanda Dados da carga: Dados da carga: –Tipo de cargacarga –Peso específico carga –Demanda (mensal)D

7 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA7 Dimensionamento considerando uma demanda Dados Operação: Dados Operação: –Tempo de cargaTc –Tempo de descargaTd –Distância de idaDida –Distância de voltaDvolta –Jornada diária J –Número de turnosNT –Dias úteis no mêsDu –Paradas para manutençãoDm

8 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA8 Dimensionamento Parâmetros de cálculo

9 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA9 Expressões de cálculo Tara do veículo: Tara do veículo: Lotação do veículo Lotação do veículo

10 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA10 Expressões de cálculo Viagens mensais necessárias Viagens mensais necessárias Tempo total de viagem Tempo total de viagem

11 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA11 Expressões de cálculo Tempo diário de operação Tempo diário de operação Número de viagens de um veículo por dia Número de viagens de um veículo por dia

12 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA12 Expressões de cálculo Número de viagens de um veículo no mês Número de viagens de um veículo no mês

13 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA13 Expressões de cálculo Número de veículos necessários Número de veículos necessários

14 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA14 Expressões de cálculo Capacidade mensal de transporte de um veículo Capacidade mensal de transporte de um veículo Capacidade mensal de transporte da frota Capacidade mensal de transporte da frota

15 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA15 Expressões de cálculo Quilometragem média diária de um veículo Quilometragem média diária de um veículo Quilometragem média mensal de um veículo Quilometragem média mensal de um veículo

16 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA16 ALTERNATIVAS PARA AMPLIAÇÃO DE FROTAS Demanda instável; Demanda instável; Oscilações mercado; Oscilações mercado; Quantidades diferentes; Quantidades diferentes; Alternativas: Alternativas: –Parcerias –Terceirização –Franshising –Leasing –Finame

17 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA17 Parcerias Parceria = racionalização Parceria = racionalização União para realização de um serviço União para realização de um serviço Divisão de receita proporcional Divisão de receita proporcional Pool de cargas Pool de cargas

18 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA18 Terceirização Utilização de serviços de terceiros; Utilização de serviços de terceiros; Para mercados com maiores oscilações. Para mercados com maiores oscilações.

19 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA19 Franchising relação comercial em que uma pessoa física ou jurídica (o franqueador), titular de marca registrada, patente ou registro de propriedade industrial, concede a outra (o franqueado) licença para a utilização (em atividade de comércio, indústria ou serviços) de sua marca, bem como de seu processo de produção, seus produtos e/ou seu sistema de negócios, mediante o pagamento de royalties e o cumprimento de determinadas condições. relação comercial em que uma pessoa física ou jurídica (o franqueador), titular de marca registrada, patente ou registro de propriedade industrial, concede a outra (o franqueado) licença para a utilização (em atividade de comércio, indústria ou serviços) de sua marca, bem como de seu processo de produção, seus produtos e/ou seu sistema de negócios, mediante o pagamento de royalties e o cumprimento de determinadas condições.

20 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA20 Franchising Vantagens: Vantagens: –Perspectiva de sucesso de um negócio já experimentados; –Planejamento, pesquisa e aperfeiçoamento por conta do franqueador. –Conhecimento do mercado específico; –Imagem consolidada no mercado; –Economia de escala em compras –Facilidade para acesso a crédito; –Retorno de investimento mais rápido

21 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA21 Franchising Desvantagens: Desvantagens: –Controle externo –Limitação da autonomia –Contratos de longa duração; –Custo aquisição da franquia.

22 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA22 Leasing Operação de crédito de longo prazo para pessoas físicas e jurídicas, em que a empresa de Leasing adquire um bem determinado pelo cliente e para uso deste por arrendamento. Ao final, o cliente pode adquirir o bem por um valor residual garantido, preestabelecido em contrato Operação de crédito de longo prazo para pessoas físicas e jurídicas, em que a empresa de Leasing adquire um bem determinado pelo cliente e para uso deste por arrendamento. Ao final, o cliente pode adquirir o bem por um valor residual garantido, preestabelecido em contrato

23 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA23 Leasing Financeiro A empresa arrendadora adquire bens de terceiros (fornecedores) por escolha da arrendatária (clientes) e para uso desta, no prazo e sob condições financeiras estipuladas em contrato, com a fixação de valor residual garantido para opção de compra ao término do contrato, preestabelecido em contrato A empresa arrendadora adquire bens de terceiros (fornecedores) por escolha da arrendatária (clientes) e para uso desta, no prazo e sob condições financeiras estipuladas em contrato, com a fixação de valor residual garantido para opção de compra ao término do contrato, preestabelecido em contrato

24 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA24 Leasing Operacional É a operação de bens adquiridos de terceiros, para fins de uso da arrendatária, sendo que, ao término do contrato, esta pode devolver o bem ou adquiri-lo pelo valor de mercado. É a operação de bens adquiridos de terceiros, para fins de uso da arrendatária, sendo que, ao término do contrato, esta pode devolver o bem ou adquiri-lo pelo valor de mercado.

25 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA25 Leasing Internacional Uma empresa arrendadora no exterior adquire bens de terceiros e arrenda-os para uma empresa (cliente) sediada no Brasil. Uma empresa arrendadora no exterior adquire bens de terceiros e arrenda-os para uma empresa (cliente) sediada no Brasil.

26 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA26 Leasing importação É a operação de bens fabricados no exterior, adquiridos pela empresa arrendadora diretamente de fornecedores estabelecidos no exterior. É a operação de bens fabricados no exterior, adquiridos pela empresa arrendadora diretamente de fornecedores estabelecidos no exterior.

27 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA27 Leasing Imobiliário Modalidade em que um cliente tem interesse na construção ou compra de imóvel, adquirido ou construído de acordo com as especificações de um cliente. A aquisição é feita por Escritura Pública de Compra e Venda. Modalidade em que um cliente tem interesse na construção ou compra de imóvel, adquirido ou construído de acordo com as especificações de um cliente. A aquisição é feita por Escritura Pública de Compra e Venda.

28 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA28 Leasing Back A empresa arrendadora adquire um bem de propriedade da arrendatária (cliente) e arrenda-o ao mesmo. Esta operação é permitida somente para Pessoa Jurídica.. A empresa arrendadora adquire um bem de propriedade da arrendatária (cliente) e arrenda-o ao mesmo. Esta operação é permitida somente para Pessoa Jurídica..

29 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA29 FNAME Financiamento de longo prazo para pessoas físicas e jurídicas de máquinas e equipamentos novos, nacionais, com cadastro na FINAME. Financiamento de longo prazo para pessoas físicas e jurídicas de máquinas e equipamentos novos, nacionais, com cadastro na FINAME. O pagamento ao fornecedor é feito após o repasse do recurso pela Finame. Os prazos para financiamento são flexíveis e o vencimento das parcelas ocorre todo dia 15. Durante o período do contrato, o bem fica alienado. O pagamento ao fornecedor é feito após o repasse do recurso pela Finame. Os prazos para financiamento são flexíveis e o vencimento das parcelas ocorre todo dia 15. Durante o período do contrato, o bem fica alienado. Além de oferecer custos reduzidos e de admitir carência no fluxo de pagamentos, não há incidência de impostos sobre a operação de Finame Além de oferecer custos reduzidos e de admitir carência no fluxo de pagamentos, não há incidência de impostos sobre a operação de Finame

30 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA30 FNAME LEASING Linha de crédito destinada a pessoas jurídicas e físicas (transportadores autônomos de cargas com registro) para arrendamento de máquinas, veículos (ônibus e caminhões) e equipamentos nacionais novos, cadastrados junto à FINAME, com recursos captados pelo BNDES. Linha de crédito destinada a pessoas jurídicas e físicas (transportadores autônomos de cargas com registro) para arrendamento de máquinas, veículos (ônibus e caminhões) e equipamentos nacionais novos, cadastrados junto à FINAME, com recursos captados pelo BNDES. Com custos reduzidos, oferece as mesmas vantagens do Leasing, além de permitir carência no fluxo de pagamentos. Com custos reduzidos, oferece as mesmas vantagens do Leasing, além de permitir carência no fluxo de pagamentos. No Finame Leasing, o pagamento ao fornecedor é feito após o repasse do recurso pela Finame. O vencimento das parcelas ocorre todo dia 01 a partir do segundo mês subseqüente a concessão do crédito ou dia 01 após o prazo de carência. No Finame Leasing, o pagamento ao fornecedor é feito após o repasse do recurso pela Finame. O vencimento das parcelas ocorre todo dia 01 a partir do segundo mês subseqüente a concessão do crédito ou dia 01 após o prazo de carência.

31 GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA31 FNANCIAMENTO CDC Linha de crédito, para pessoas físicas e jurídicas, para aquisição de bens de consumo duráveis, máquinas e veículos novos e usados, nacionais ou importados, desde que, a aquisição seja devidamente comprovada por nota fiscal ou recibo. Durante o período do contrato, o bem fica alienado ao Banco. Linha de crédito, para pessoas físicas e jurídicas, para aquisição de bens de consumo duráveis, máquinas e veículos novos e usados, nacionais ou importados, desde que, a aquisição seja devidamente comprovada por nota fiscal ou recibo. Durante o período do contrato, o bem fica alienado ao Banco. Com o pagamento à vista ao fornecedor, o cliente consegue melhores preços e usufruto imediato do bem. Com o pagamento à vista ao fornecedor, o cliente consegue melhores preços e usufruto imediato do bem. O CDC ainda oferece prazos flexíveis para pagamento e possibilidade de liquidação antecipada do contrato e possui as seguintes características: O CDC ainda oferece prazos flexíveis para pagamento e possibilidade de liquidação antecipada do contrato e possui as seguintes características: –Prazo mínimo: 01 mês. –Prazo máximo: 36 meses. –Taxa: Prefixada.


Carregar ppt "GESTÃO DE FROTAS CÉLIO ANTÔNIO DAVILLA1 Dimensionamento considerando uma demanda."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google