A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Cap. V – Da Providência Seção V – O sapientíssimo, justíssimo e graciosíssimo Deus com frequência deixa, por algum tempo, seus próprios filhos a mercê

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Cap. V – Da Providência Seção V – O sapientíssimo, justíssimo e graciosíssimo Deus com frequência deixa, por algum tempo, seus próprios filhos a mercê"— Transcrição da apresentação:

1 Cap. V – Da Providência Seção V – O sapientíssimo, justíssimo e graciosíssimo Deus com frequência deixa, por algum tempo, seus próprios filhos a mercê de multiformes tentações e da corrupção de seus próprios corações, a fim de serem humilhados, e a fim de reanimá- los para uma dependência mais íntima e constante do apoio dele e fazê-los mais vigilantes contra toda e qualquer ocasião futura de pecar, e para vários outros fins santos e justos.

2 Justificados X Injustos Que diferença faz crer no Senhor, já que Ele permite o mal sobre nós? (Sl. 73) A tentação e o mal na vida do crente produz: reconhecimento da própria corrupção, humilhação perante Deus, dependência e intimidade maior, reânimo e maior vigilância contra o erro (2Co. 7:5-16; 2Sm. 24:1) Vários exemplos: Pedro, Davi, Ezequias, Roboão, etc...(Jo. 21:15-17; 2Cr. 12:7-9; 32:25,26; Sl. 51) Qual a origem do mal? Não importa. A providência de Deus também abarca o mal (2Sm. 24:1; 1Cr. 21:1; Rm. 11:32-34; 1Re. 22: Permissão limitada Permissão regulada Os pecados sob o governo de Deus Permissão X Culpa

3 Justificados X Injustos A tentação e o mal na vida do ímpio produz: endurecimento, cegueira, perca de dons, falta de entendimento, entrega ao poder de Satanás, humilhação total, imersão e afundamento na corrupção, julgamento de Deus. (Rm. 1:24,26,28; 11:7,8; Mt. 13;12; 2Rs. 8:12-13; 2Ts. 2:10-12; Ex. 7:3; 8:15,32; 2Co. 2:15,16; 1Pe. 2:7-8) A providência de Deus abarca não só os crentes individualmente, mas também a Igreja como um todo (Is. 43:3-5,14)

4 Cap. V – Da Providência Seção VI – Quanto àqueles homens perversos e ímpios a quem Deus como justo Juiz, cega e endurece em razão de pecados anteriores, deles não só subtrai sua graça pela qual poderiam ter sido iluminados em seus entendimentos e operado em seus corações, mas às vezes também elimina os dons que possuíam, e os expõe a objetos que, por sua corrupção, tornam ocasião de pecado; por outro lado, os entrega às suas próprias concupiscências e às tentações do mundo e ao poder de Satanás; e assim sucede que eles se endurecem, mesmo diante daqueles meios que Deus usa para abrandamento dos outros.

5 Aplicação Não temos que nos comparar com os que não crêem, e sim, ter misericórdia do que os aguarda e levarmos o evangelho da paz. A vida cristã tem suas dificuldades porque nós somos difíceis, mas não tem nada pior do que a escravidão dos que não crrêem. A Igreja do Senhor, apesar de ter joio no seu meio, é trabalhada continuamente pelo Senhor e Nele podemos confiar.

6 Cap. V – Da Providência Seção VII – Visto que a providência de Deus, em geral, se estende a todas as criaturas, assim, de uma maneira muito especial, ela cuida de sua Igreja e tudo dispõe para o bem dela.


Carregar ppt "Cap. V – Da Providência Seção V – O sapientíssimo, justíssimo e graciosíssimo Deus com frequência deixa, por algum tempo, seus próprios filhos a mercê"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google