A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Ética Disciplina teórica sobre o comportamento humano (prática moral). Implica desnaturalização, logo, um nível de reflexividade por parte do sujeito.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Ética Disciplina teórica sobre o comportamento humano (prática moral). Implica desnaturalização, logo, um nível de reflexividade por parte do sujeito."— Transcrição da apresentação:

1

2 Ética Disciplina teórica sobre o comportamento humano (prática moral). Implica desnaturalização, logo, um nível de reflexividade por parte do sujeito.

3 Surgimento Ocorreu juntamente com o certo grau de desenvolvimento da noção de indivíduo.

4

5 Filosofia Moral = Ética = Grécia Acrópole - Atenas

6 Mito Filosofia Explicação baseada na ação dos deuses Explicação baseada na racionalidade humana

7 O conhecimento mítico de modo geral acentuava o modo pelo qual o DESTINO do homem estava determinado por forças para além de sua vontade. DESTINO = MOIRAS CLOTO (FIAR) LÁQUESIS (SORTEAR) ÁTROPO (AFASTAR)

8 Filosofia – seu desenvolvimento implica a ideia de que o homem possui uma capacidade que lhe permite pensar a realidade sem o auxílio dos deuses: a racionalidade.

9 Sócrates 469 – 399 a.C Indagação sobre os fundamentos das crenças dos atenienses nos valores nos quais acreditavam e a partir dos quais fundamentavam as suas ações

10 Filosofia e desnaturalização Substituição das situações concretas (ÁQUILES) e busca dos princípios gerais que fundamentam as e que devem fundamentar as ações humanas.

11 Virtude Justiça Injustiça Bel o Piedad e Amizade Bem Mal Vício Coragem

12 Sócrates A morte de Sócrates – Jacques-Louis David

13 Sócrates Aquele que conhece não é capaz de agir de modo vicioso. O conhecimento é o caminho para a vida virtuosa. Formar o homem virtuoso e formar o cidadão virtuoso, logo é atuar sobre a vivência na Pólis, aperfeiçoando-a. Dimensão social da moral e da ética.

14 Aristóteles 384 – 322 a.C A distinção entre o necessário e o possível que implica em trazer para a reflexão moral a questão da reflexão e da escolha Vontade guiada pela razão

15 Permite avaliar e atuar de modo virtuoso, escolhendo entre várias alternativas possíveis aquela que é mais adequada ao bem de si e de outros. Prudência ou Sabedoria Prática Aristóteles Principal Virtude

16 Ética a Nicômaco - Aristóteles Vício por FaltaVirtudeVício por Excesso CovardiaCoragemTemeridade InsensibilidadeTemperançaLibertinagem AvarezaLiberalidadeEsbanjamento VilezaMagnificênciaVulgaridade ModéstiaRespeito PróprioVaidade IndiferençaGentilezaIrascibilidade Descrédito PróprioVeracidadeOrgulho GrosseriaAgudeza de EspíritoGrosseria TédioAmizadeCondescendência MalevolênciaJusta IndignaçãoInveja

17 Sócrates e Aristóteles A ideia de só a conduta virtuosa do indivíduo que o conduz ao bem. O caráter é a base para se chegar à virtude. O agir bem relaciona-se com a dimensão da vida na Pólis, relacionando o homem grego aos sues co cidadãos.

18 Idade Média = Poder da Igreja Constituição de uma nova Ética

19 A Ética Cristã – Idade Média Indivíduo Deus

20 Resultado da relação interior do crente com Deus Ética do Cristianismo

21 Consequências 2 – O pecado original nos converteu em seres que se inclinam para o mal. 1 – a virtude não deriva de nossa relação com a sociedade.

22 A Ética Cristã – Ética do Dever Estando a nossa vontade pervertida, precisamos do auxílio de Deus para que sejamos seres morais. A virtude passa então a ser então a obrigação de obedecer ao que é determinado pela Lei de Deus.

23 Diferente da concepção grega de que nossa vontade consciente, racional, pode atuar controlando nosso ímpeto, nossos apetites e desejos

24 A Ética Cristã – Virtudes Teologais Relação com Deus Fé Esperança Caridade

25 A Ética Cristã – Virtudes Cardeais Temperança Coragem Justiça Prudência Devemos adquirir em nossa alma para sermos merecedores da salvação

26 A Ética Cristã – Virtudes Morais Referem-se à nossa conduta exterior Virtudes Morais7 pecados capitais SobriedadeGula ProdigalidadeAvareza TrabalhoPreguiça CastidadeLuxúria MansidãoCólera GenerosidadeInveja ModéstiaOrgulho

27 Com o desenvolvimento do capitalismo muita coisa mudou. Entre tantas mudanças tivemos a retomada da valorização do homem e de sua capacidade racional, que neste novo contexto somou-se ao desenvolvimento técnico-científico.

28 São algumas das contradições trazidas por esse novo modelos de organização que discutiremos e nosso próximo encontro. Até lá.


Carregar ppt "Ética Disciplina teórica sobre o comportamento humano (prática moral). Implica desnaturalização, logo, um nível de reflexividade por parte do sujeito."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google